quinta-feira, outubro 16, 2008

Artigo de Opinião do Condómino Vermelho Nunca

RAÇÃO DE COMBATE

Li, recentemente, um artigo cujo título era: “ A verdade, enfim”.
Começava do seguinte modo: "Já não deve haver muitas dúvidas: este Benfica de Quique Flores/ Rui Costa é o melhor dos últimos anos". O artigo que refiro data de 4 de Outubro.
Mais adiante, depois de algumas considerações sobre “pesos-pesados” dos encarnados, e mais alguns pensamentos sobre a dulpa Luisão/Sidnei, deparo-me com as palavras que a seguir reproduzo:
"E pensar que nos debatemos aqui, nos últimos anos, com a necessidade comercial de “pisar o risco”, incensando na 1ª página vitórias tangenciais e exibições medíocres, do género “Águas voam alto” ou “ Aí está o Benfica”, tantas vezes quando o "alto" era baixo como o Colombo ou o "Benfica" que se exaltava nada tinha do Benfica que conhecíamos e que parece estar agora de volta.
Será que já não precisaremos mais, não de mentir, mas de dar à verdade um embrulho de ouro para material de pechisbeque?
Em nome do……… agradeço os bons ofícios de D.Enrique Sánchez Flores".
Pergunto aos caros condóminos: quem escreveu este artigo?
Apenas e só, um senhor chamado Alexandre Pais, director do jornal Record.
Curiosa a confissão do director de um jornal de referência no panorama desportivo nacional.
Assume , por exemplo, o objectivo do Record: vender, alimentando os adeptos do Benfica, com, não mentiras, como ele admite, mas embrulhos de ouro para material sem qualidade. E, a verificar pelas vendas do jornal, funciona: eles engolem!
Podemos também concluir que os adeptos do Benfica, que se alimentam destes "embrulhos", são considerados, pelo director do jornal em causa, como parte de um rebanho, que precisa de ser alimentado, passando-lhes um autêntico atestado de menoridade, de incapacidade. E eles engolem!
É este o panorama do nosso jornalismo, desportivo neste caso.
Há um mercado maioritário - adeptos do Benfica; há um produto que tem de dar dinheiro.
Cria-se então a notícia, empacotando-a, tipo ração enlatada, e toca a distribuí-la em massa. E eles engolem!
O mais grave, para mim, é tudo isto ser assumido pelo director do jornal, sem pestanejar, dando provas de um péssimo jornalismo.
É o espelho da nossa sociedade.
Já no passado, num sucesso de uma banda de rock portuguesa se cantava: Quem vê TV, sofre mais que no WC!

65 comentários:

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Antes de mais, agradecer a tua sempre prestimosa colaboração.

Depois, quanto ao artigo dizer que aquilo que identificas como sendo um pecado benfiquista é, para mim, um mal geral.
Não há ponta de isenção ou imparcialidade no jornalismo desportivo.
Penso mesmo que a designação jornalista não é própria para a generalidade dos indivíduos que "escreve" nos nossos jornais desportivos.
Poucos são os que reflectem ou investigam sobre o fenómeno desportivo, mormente sobre o futebol português.
A preocupação é vender e para vender há que ser laudatório!
Há que agradar, há que ser simpático, há que distribuir encómios.
Notícias negativas não vendem!
A não ser que versem sobre os adversários!
E, mesmo estas, estreitam o mercado, pois que se uns compram, os outros não o fazem.
Assim, há que alargar o espectro e "plantar" o maior número de notícias positivas sobre os 3 grandes (os que impulsionam as vendas).
Não é, por acaso, que as notícias negativas não fazem manchete.
Podem até, às vezes, ser dadas à estampa, mas num pé de página ou num lugar mais ou menos esconso.
O escasso jornalismo desportivo de investigação não surge nos jornais do sector, mas sim nos generalistas (não esqueço o relevo que os generalistas deram ao Apito Dourado se e quando confrontado com o dos desportivos).
Em Espanha, por exemplo, é tudo muito mais transparente.
A Marca é assumidamente madrilista e o Mundo Desportivo assumidamente barcelonista.
Cá procura-se contornar as evidências.
Hoje por hoje, há dois jornais claramente engajados: A Bola ao Benfica e o Jogo ao Porto.
Aliás, a génese do Jogo é, precisamente, a de servir de contraponto ao vermelhismo da Bola.
São quase gabinetes de comunicação de um e de outro clube.
Veja-se, por exemplo, o tratamento que cada um deu ao Apito Dourado e aos seus reflexos na participação de clubes portugueses nas competições europeias.
Actualmente, o equilíbrio que, em tempos, se verificou, através da repartição por cada um dos grandes de um jornal mostra-se esbatido pela "deserção leonina" do Record.
Não que o Record tenha deixado de ser verde, mas diminuiu a tonalidade em nome do crescimento das vendas.
Veja-se o número de capas do Record relacionados com o Sporting, que é muito superior ao dos restantes.
Esta semana, o verde do Record veio, de novo, ao de cima.
Pura e simplesmente, ignorou as declarações de Dias da Cunha respondendo a Soares Franco, nas quais lançou duras críticas à proposta do presidente leonino.
Este fenómeno não é exclusivo dos jornais desportivos.
Nos generalistas passa-se a mesma coisa.
A concentração dos meios de comunicação assim o impôs.
A título de exemplo relembro as consequências do veto do governo socialista à OPA da Optimus.
O Público não cessou de publicar notícias, atrás de notícias, desfavoráveis ao primeiro-ministro.
Hoje por hoje, não existe imprensa livre em Portugal.
Maiores ou menores, as dependências existem e condicionam brutalmente o que nos é dado a conhecer.
Aquele abraço.

Lion Heart disse...

Quem vê TV sofre mais que no WC?

Está explicado o canal Benfica.

JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho:

Alguém ainda afirmar que o "Record" é um jornal verde, das duas uma, ou é um cândido ou tem má vontade. No teu caso parece-me mais má vontade, que de cândido não tens nada. Se calhar é a tal ração de combate que o Nunca apresenta neste artigo de opinião.
Apesar de todo o mau jornalismo com que nos deparamos no futebol português, ontem tivémos três capas de grande nível a denunciar a pouca vergonha, que é neste momento a nossa selecção e a F.P.F.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, apenas fazer uma ressalva: li no Record, esta semana, as declarações de Dias da Cunha sobre Soares Franco,, chamando-o de mentiroso. Não foi notícia de 1ª página ( não sei se foi noutro jornal qualquer), mas as declarações de Cunha foram publicadas pelo Record.

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Então, fui eu que não as consegui encontrar.
Abraço.

JC disse...

Amigo Nunca:
Excelente artigo!
Ainda bem que não deixaste passar em branco essa declaração confessória do Director do Record, benfiquista assumido e que comprova tudo aquilo que já sabíamos.
É por isso que eu há muito que deixei de comprar jornais desportivos.

VermelhoNunca disse...

OLhe que não, amigo JC. Ele é do Belenenses, como faz questão de apregoar.
Quanto aos jornais desportivos, deixei de comprar há muito tempo. Só que um colecção de cromos do Wrestling, obriga-me, a pedido do meu mais novo, a compra diária do Record nesta fase. Porque se assim não fosse ,nunca apanharia a confissão de Alexandre Pais.

Delane Vieira disse...

Snr. JC, aproveito a oportunidade para o elucidar sobre uma lamentável atoarda que ontem aqui procurou lançar sobre a minha pessoa.
Devo dizer que já esclareci o assunto, mas por desatenção ou outro motivo qualquer parece que não foi suficiente.
Ao consultar o meu perfil verificou que estou registado no blogger desde Dezembro.
Acredito que saiba que os blogs são geridos por uma entidade chamada "blogger".
Como disse na altura, este não é o único blog gerido pela "blogger".
Inclusivé já tive um juntamente com uns amigos.
O meu registo na "blogger" não aconteceu para comentar neste blog, mas exactamente para o fazer no tal blog que tive.
Espero que desta vez a questão fique esclarecida.

antes morto que vermelho disse...

bom artigo, principalmente a alusão a essa banda nortenha chamada taxi!
não esquecer que a ração empacotada, que é servida diariamente, é da mais básica que há no "mercado". o marketing que é feito pelos gestores do curralense, é do mais básico, os cursos desta matéria são tirados em marrocos.
a máxima é dar imperiais, termoços e borlas aos jornalistas que eles até vendem a nãe.

quanto ao rascord é um jornal lampionissimo, já foi lagarto, mas agora é curraleiro.

nunca: é um case-study, o decrescimo da ração servida diariamente, mas eles nem notam e continuam a engolir, como se de água, se tratasse.

antes morto que vermelho disse...

e por onde anda xungo? a pessoa mais indicada para comentar o sabor da ração, e as suas alterações ao longo do tempo.
o homem que tem a t-shirt a dizer "eu engulo!" ou "I swallow!"
o homem que acredita em makakula e mantorras!

VermelhoNunca disse...

Estará no curral, a comprar bilhete para o Penafiel, Macaco?

JC disse...

Heterónimo Vieira:
Prove o que diz e deixe-se de tretas.

antes morto que vermelho disse...

nunca: 1só??! e não compra para os familiares, ou para o cão? ou para o periquito? o dumbo-orelhudo apelou á compra desenfreada de ingressos...

Delane Vieira disse...

Snr. JC, vejo que não percebeu o que lhe disse.
Eu não tenho nada a provar-lhe.
Nem a si, nem a ninguém.
Dei-lhe a explicação.
Se quiser aceitá-la, aceita-a. Se não quiser, é lá consigo.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, alguma opinião sobre os eventuais ordenados em atraso no futsal do seu clube, e a crise que se parece estar a instalar nessa modalidade?

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Ainda não confirmei a veracidade da notícia, mas do que já li, parece-me mais uma chico-espertice do Vieira.
Parece que está a procurar pressionar os jogadores a aceitarem os ordenados pré-revisão encetada pelo Fernando Tavares.
Hoje ou amanhã, haverá luz sobre o assunto.

VermelhoNunca disse...

Li o artigo no Record, e também me pareceu uma chico-espertice. Mas , parece que está a levantar mau ambiente, havendo mesmo já uma saída do plantel técnico.

JC disse...

Heterónimo Vieira:
Se já anda na blogosfera há dois anos, indique então quais os blogues que frequenta ou que tem frequentado até ter vindo arribar neste blogue.
Ou não me vai dizer que se "inscreveu" na blogosfera em 2006 e só em Julho de 2008 é que começou a comentar em blogues, concretamente neste.
E também não me vai dizer que desde que aqui apareceu não quer outra coisa e por isso não vai comentar a mais blogue nenhum.
Por isso, é fácil provar que não se trata de um heterónimo.
Faça-o, se quiser que acredite em si, ou então enfie uma sequóia onde já sabe que deve enfiar.

JC disse...

Flamejante, de preferência.

Delane Vieira disse...

Snr. JC, eu já tive um blog.
Chamava-se "prognósticos só no fim".
Quando acabou, a blogosfera terminou para mim.
Continuei a visitar blogs, mas nunca mais escrevi.
Estava eu neste período sabático quando ao consultar a gloriosasfera cheguei a este blog.
Gostei do ambiente e decidi regressar ao activo.
Aqui estou e espero continuar.

Delane Vieira disse...

Snr. JC, não seja rude.
Não o tenho como um bronco, mas cada vez mais se comporta como um.
Deixe as sequóias e afins para quem delas gosta.

VermelhoNunca disse...

Mas você não é de Setúbal? Ou é de Seia?

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca, vejo que confunde o meu blog com outro que andou aí na blogosfera com o mesmo nome.
Uma das razões do fim do meu projecto foi mesmo essa.
Eu não me importava de mudar o nome do blog, mas alguns amigos não queriam e tivemos de acabar.
Está apagado.
Não existem registos dele na net.

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
De facto estive toda a manhã na luz a tentar obter o ingresso para o SLB-Penafiel, mas má sorte a minha, não consegui dado o estádio estar mais uma vez esgotado!
Assim só agora posso te dar os parabens por este teu belo artigo.Mais um!
Nada que eu não soubesse há muitos anos!Daí tambem ter desistido de comprar os pasquins a partir do dia em que vi escrito na 1ª pagina de "ABola":
"Makukula a rematar já faz lembrar Eusébio".
Achei que isto já não era ração.Não era dourar a pílula!
Era tratar-me como um mentecapto.
mas até gosto de ler os "desportivos".
Tem artigos curiosos e interessantes e o que necessário é filtrar!
O Record ou outro jornal qualquer, de qualquer quadrante, tem despesas, salários para pagar e receitas a obter.
Tem que "ter vendas", sob pena de fechar as portas e colocar vários so subsídio de desemprego!
E quem é que vende?
O SLB!
Chamem-lhe ração, chamem-nos estúpidos, chamem aquilo que quiserem, pouco me importa ou incomoda!
O que eu quero é um SLB dinamico, com poder aglutinador de pessoas que são sempre as molas impulsionadoras do desenvolvimento e evolução das instituições!
No dia-a-dia do Estádio da Luz há vida!Há pessoas, há receitas, há transacções comerciais, há movimento.
Temos Pavilhão para as várias modalidades ditas amadoras, piscinas que trazem centenas de pessoas por dia ao nosso "projecto olimpico"!
Somos nós que temos importância.Somos nós que importamos!
É de nós que toda a gente, Benfiquistas e não-benfiquistas quer saber!Querem saber e sabem que o Reyes tem um Mclaren!queren saber e sabem que o Reyes tem um telemóvel de 6.000 euros!
Não só os estúpidos que compram os jornais.
Os eruditos, os cultos, em suma os adeptos do SCP e do FCP também os compram.
Ficam é tristes por só terem direito a meia página!
No Benfica não temos Alvaláxias!
Não temos 55.000 sócios pagantes!
Não temos só mais 30.000 sócios que Os Belenenses!
Não temos assistências de 22.000 em jogos Europeus!
Alguem se interessa, (para além das 22.000 alminhas que vão aos jogos da Liga dos Campeões), por aquilo que diz o Dias da Cunha, o Saores Franco ou o Paulo Bento!
Alguem se interessa, (para além das 22.000 alminhas que vão aos jogos da Liga dos Campeões), por aquilo que se passa no Sporting?
E no FCP?
Alguem quer saber quantas pessoas é que já foram corrompidas pelas altas esferas do clube?
isso interessa a alguem!
Amigo Nunca, eu sei que é duro, mas tudo gravita á volta do Benfica!
Os Jornais precisam de vender e
direccionam os seus recursos para os seus objectivos de venda.
Qualquer empresa que queira sobreviver assim o faz.Em qualquer sector de actividade!
É assim a sociedade democrata e capitalista do mundo civilizado!
Não há nada a fazer.
Uns andam sempre a reboque de outros!
Onde é que está a novidade?
Aquele abraço

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, eu entendo o que pretendeu exprimir. Agora, no meu entendimento, o director do Record chamou-vos burros. Assumiu que vos deu ração e que vocês a engolem.
Tratou-vos abaixo de cão. Mas vocês não se importam, em prol do Maior Clube do Mundo, tudo bem. Façam bom proveito.

VermelhoNunca disse...

E mais um pormenor, amigo Cavungi. O Sporting tem pavilhão para as modalidades amadoras, onde todos os dias se movimentam milhares de pessoas. Não confunda as coisas.
Assim como tem piscina. Mais de 4.000 pessoas passam todos os dias pelo MUltidesportivo de Alvalade.
Adianto-lhe mesmo, e pode ir lá tentar, que as classes de ginástica de manutenção estão esgotadas, este ano no Sporting, o que, para mim, é um excelente indicador.

JC disse...

A questão não é bem essa, Amigo Cavungi.
Os jornais podem falar o que quiserem as vezes que quiserem sobre o Benfica.
O que não podem - não devem - em homenagem à verdade desportiva, é tentar escamotear más exibições do Benfica, vangloriar-se com pequenas vitórias como se fossem conquistas de troféus, levar aos píncaros jogadores medianos do Benfica como se fossem novos Eusébios.
Estão a comportar-se como se comportam os jornais do aparelho nos países comunistas.
Transformam-se em jornais do Avante desportivos.
É triste, é mesquinho, é subserviência, é tacanhez, é propaganda, é compadrio.

E o pior é que, se em relação ao Benfica enaltecem os feitos, mesmo que nem de feitos se tratem, em relação ao SCP e ao FCP isso não se passa!
Pelo contrário: em relação a estes dois clubes, empolam os problemas, reacendem as brasas, destacam o que de negativo acontece!
Veja o que se passou com o caso Moutinho, por exemplo, que, com o assunto já sanado a nível interno, a Bola continuava a repisar na mesma tecla.

Por isso, Amigo Cavungi, não se trata apenas de uma questão de vendas: é mesmo de compadrio!

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca, burro será aquele que vê jericos onde não os há.
Quantos artigos cheios de elogios à equipa do Sporting e aos seus jogadores leu esta época?
Muitos.
Um até dizia que Derlei e Postiga eram uma dupla de fogo.
Veja o que diz o treinador do Sporting sobre a sua equipa - "
O treinador do Sporting, Paulo Bento, abordou, esta sexta-feira, em conferência de imprensa, a descida do número de adeptos no estádio de Alvalade, e o que é que a equipa podia fazer para trazer de volta os sócios ao recinto. O técnico foi directo ao assunto: «O único motivo é a falta de qualidade da equipa e a falta de títulos. Ironia? Se estivesse a ser irónico estava a rir-me."
Para si, esta diferença entre a realidade e as notícias publicadas significa que quem as escreveu o chamou de burro.

Lion Heart disse...

Aproveito a o artigo de opinião do condómino Nunca para adiantar as capas dos três diários desportivos dos próximos dias:

Sábado

A Bola
Taça de Portugal - Final antecipada na Luz
Miguel Vítor só sai por 155000 milhões

Record
Benfica - Penafiel
O derby de todos os sonhos
João Moutinho: Everton está em Lisboa para levar o médio

O Jogo
Jesualdo Ferreira: Jogar na Sertã para nós é mais difícil do que a final da Champions


Domingo

A Bola
Benfica: À beira da final da Taça

Record
Benfica esmaga Penafiel Sporting irredutível: Moutinho só por 25 milhões - Everton oferece 16

O Jogo
Entrevista com Jesualdo: Como aprendi a contar


Segunda feira

A Bola
Entrevista com Reyes: Quiero terminiar mi carrera en Benfica;
Siempre fué de Benfica diesde pequeñiñiño

Record
Negócio fechado de madrugada: MOUTINHO NO EVERTON POR 5 ANOS!!!

O Jogo
F. C. Porto: Fernandez, Oliveirez, Vieirez, Chumpitano, Figueirez, Hernandez, Monteirez, Ferreirez e Macacoano possíveis reforços para Janeiro

Terça feira

A Bola
Hertha-Benfica: Vamos deitar abaixo o muro de Berlim
Record
SEVILHA EM LISBOA POR LIEDSON.
Segundo a Hola: Lola Flores gostava de ver Casillas no Benfica
Afinal Moutinho não sai.

O Jogo
Jesualdo: Só não me meto mais nas francesinhas porque a Zulmira dava cabo de mim

VermelhoNunca disse...

Amigo JC, é para mais, o director do jornal assume publicamente que os engana, só para eles se sentirem bem ( e comprarem o jornal, claro está). Passou-lhes um autêntico atestado de estupidez, mas ...eles engolem!

Mestrecavungi disse...

Amigo JC,
De acordo.Assim a frio até parecem o "Pravda Sportiv".
Mas quem gosta e aprecia o futebol, sabe ver onde estão de facto as vitórias.(Neste caso estão no Dragão....).
E de vez em quando tambem falam, e bem, nos "outros"!
Não é com a periodicidade que se gostava, mas com a que merecem!
Aquele abraço!

JC disse...

Excelente, Corazon!
Esta é verídica: está na edição on line da Bola:

"Cardozo mais confiante após golo quase a meias

Um país a discutir quem marcou. A autoria do tento da vitória do Paraguai sobre o Peru (1-0), ao minuto 82 do jogo disputado na madrugada de ontem no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, dividiu opiniões e suscitou acaloradas discussões"

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, Alexandre Pais assumiu que enganou os adeptos do Benfica, dando-lhes gato por lebre. Isto nada tem a ver com o que você aqui pretendeu exprimir.

JC disse...

Seja honesto heterónimo!
Publique a notícia toda!

"Apesar da rapidez da resposta, Paulo Bento voltou ao tema, mais tarde na conferência, onde desfiou aquelas duas causas. «Está na moda dizer que jogamos mal», começou por referir, admitindo, porém, que talvez o futebol leonino não seja tão espectacular como dantes. «Se for por falta de títulos nos últimos dois anos, já não estou tão de acordo, o Sporting nos últimos 25/30 anos se calhar não ganhou muito, jogava melhor, talvez, encantava mais. É uma opinião. Se calhar prefiro ganhar mais, são filosofias e vou com a minha até ao fim, depois eu e a minha equipa seremos avaliados», concluiu.

Nos últimos jogos em Alvalade, sobretudo frente ao Basileia, para a Liga dos Campeões, a equipa foi assobiada logo nos primeiros minutos do encontro. Paulo Bento acha que não foi pelo futebol apresentado e disse mesmo que os 20/30 minutos iniciais desse encontro foram bons, ao contrário da maioria das análises."

Lion Heart disse...

E já agora as de algumas outras publicações:

VISÃO:
Porque é o Benfica o maior do mundo? Leia a nova versão d´"O Ensaio sobre a cegueira" que está a fazer furor nos blogs portugueses

SÁBADO:
Cavungi defende-se e contra-ataca: Claro queo Benfica é o makior do Mundo. Eu lá em casa também sou o que tem melhores palpites para os passatempos

Jornal Económico:
Fim da crise à vista: Benfica injecta capital na banca europeia.

24 Horas:
Linda Reis: O meu sonho é dançar o kuduru com o Cavu no centro do estádio do maior clube do mundo com transmissão directa pela Benfica TV para os países lusófonos e a Venezuela

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
E digo-te mais!
Quem age mal neste caso é quem vende, não é quem compra!
Se o director do Record é um mau profissional, isso não faz de mim, um leitor benfiquista,(que como sabes é uma raridade, num universo de 6.000.000 de analfabetos)um "comedor de ração".
O problema é dele.
Aliás o homem deve ter a consciencia pesada dado ter tido a distinta lata de confessar em publico, a sua falta de ética!
pesa-lhe certamente na consciencia!
Ou será que era um recado dirigido a outrém?

Lion Heart disse...

Esta é pessoal e só para o dito cujo:
DVD pronto.
A partir de agora, o Cavu morreu. Viva o El Cavulli!

Delane Vieira disse...

Snr. JC, primeiro, acalme-se.
Já está?
Espero que sim.
O que publica não põe em causa o que publiquei.
Não altera o sentido daquilo que Paulo Bento disse.

Lion Heart disse...

Sr. Delânus:

O que me diz da adjectivação das contratações do Benfica (e não particularizo, porque isso era ser cruel)

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,

Já ví que estás restabelecido dos recentes desaires com o BENFICA e com o FC PORTO, e que reapareces em força.
Como lês tanta publicação, decerto não te escapou este artigo do Luis Avelãs, sportindguista dos 4 costados.
Eu gostei e para o casio de teres tido oportunidade de ler aqui fica:

"Filipe Soares Franco tem-se desdobrado, nos últimos dias, em entrevistas e declarações públicas que, resumidamente, mostram a sua tristeza em relação ao que considera ser a falta de militância dos sócios e adeptos leoninos. Entendo a sua angústia. Só me faz confusão que o líder do Sporting só agora tenha acordado para esta realidade e, pior que isso, pense combater a situação com medidas que, objectivamente, só irão contribuir para um maior afastamento dos sportinguistas.

Soares Franco aproveitou o momento para, numa táctica inovadora entre os leões, "espicaçar" as bases. E como o fez? Elogiando os rivais! Ou melhor: reconhecendo a maior capacidade de mobilização de águias e dragões. A constatação, embora algo inadequada e susceptível de provocar azia a muita gente, é correcta. Só faltou admitir que, para além do Benfica ter uma base de adeptos bem superior e do FC Porto beneficiar de ser o emblema hegemónico das últimas décadas, ambos tiram partido do facto de possuirem presidentes que, entre os seus defeitos (e são vários, acrescente-se...), têm a virtude de aparecer junto dos adeptos, de estimular o contacto com o povo, de mostrar que os clubes são bem mais que umas modernas SAD's de futebol que, já se percebeu, não salvam nenhum emblema dos seus cíclicos problemas financeiros. Quanto muito... apenas os adiam.

Quantos núcleos inaugurou ou visitou Soares Franco desde que é presidente? Quantas deslocações de promoção da marca do clube efectuou pelo Mundo? Quantos produtos inovadores no mercado lançou procurando captar novos sócios? Quantas vezes apareceu num pavilhão a apoiar as modalidades? Quantas vezes se empolgou, publicamente, com discursos às massas? Quantas vezes falou em português de alcance geral?

Soares Franco (e outros dirigentes leoninos) tem de saber - ou alguém devia explicar-lhe - que o Sporting não é uma empresa. A conversa do modelo de gestão empresarial está mais do que esfarrapada. As pessoas, mais ou menos cultas, mais ou menos atentas, já viram os resultados das ideias preconizadas por José Roquette, outra pessoa de boas falas, mas sem o tacto necessário para perceber o que é a realidade de um clube como o Sporting.

O que leva, hoje em dia, alguém a ser sócio do Sporting? Basicamente... nada! Ao contrário do que sucedia no passado, quem paga a quota não tem acesso gratuito aos jogos de futebol; não pode assistir aos treinos da equipa que se realizam longe e à porta fechada e não tem entrada de borla nas modalidades porque, para além de alguém se ter "esquecido" de fazer um pavilhão, as poucas que restam jogam em Loures ou no Casal Vistoso.

Acresce ainda que o povo cada vez tem menos dinheiro (coitados dos que alinharam nas conversas da SAD's para, como sempre, perder parte significativa do investimento); já percebeu que a sua opinião pouco ou nada vale face aos accionistas de referência, aos notáveis, aos conselhos disto e daquilo e, claro, à banca.

Para combater este "sistema", Soares Franco preconiza que o clube continue sem pavilhão, sem piscina, sem pista de tartan e, preferencialmente, sem modalidades. Mais: defende que os sócios apenas devem participar em referendos (presumo que de importância gigantesca) e que mais dirigentes deviam ser profissionais. O sua visão de futuro chega ao ponto de afirmar que "as modalidades não podem roubar dinheiro à actividade fundamental que é o futebol, o motor de todo este clube".

Soares Franco está errado. Muito errado e perdido num mar de incoerências. Quem fala assim das modalidades, como é que pode mandar hastear a bandeira do clube ao lado da olímpica aquando do começo dos Jogos de Pequim? Como é que pode querer homeneager o legado dos muitos atletas leoninos? Como é que pode dizer que se orgulha do eclectismo? Como tem coragem de falar dos muitos títulos ganhos nos mais diversos desportos?

O actual presidente do Sporting está apostado em transformar o clube numa equipa de futebol. E não percebe que são os péssimos investimentos efectuados aí, com prejuízos continuados de milhões, e o maus resultados (2 títulos em 25 anos) que ditaram o início das dificuldades financeiras. Quanto custaram, recentemente, as "experiências" com Purovic, Mota, Pinilla, Koke, Bueno, Farnerud e tantos outros. Será que essas opções não "roubaram" nada ao clube?

Soares Franco sabe que do outro lado da Segunda Circular também há quem veja o futuro como ele. Mas, se está mesmo interessado no futuro do clube, devia era falar com João Rocha e Sousa Cintra para, cada um no seu estilo, na sua área, o ajudarem a manter o Sporting como um clube grande e não apenas como uma equipa mediana de futebol."

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,
Obrigado.
El Cavulli pode finalmente brilhar!
Os estomagos que se preparem!

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, sabe bem que quando se refere ao Sporting gosto que seja correcto, e verdadeiro. O artigo que aqui colocou, de um senhor Avelâs, que não sei quem é, mais uma vez tem falta de rigor. Ou seja, é de alguém que está de fora, que palpita, mas não vive a realidade do clube. Refere ele que o Sporting não tem piscina. Isso é o suficiente para o mandar calar, por mais razões que tenha. E também lhe garanto, que esse senhor Avelãs, não frequenta os pavilhões onde o Sporting joga. ALiás deve mesmo estar a baorrifar-se para o ecletismo do clube. Se o c conhece, pergunte-lhe quantas modalidades tem o Sporting.

Lion Heart disse...

El Cavulli:

Avelãs ao poder! Identifico-me com a maioria do que ele escreve acerca dum presidente que como é público não me merece particulares simpatias.
E mais poderia ser dito acerca de outros erros de estratégia, de gestão e de casting.

Veja-se a afirmação recente que Paulo Bento é um excelente gestor de recursos humanos. Opiniões e gostos não se discutem. Se concorda com o que o treinador tem feito na gestão disciplinar dos casos que têm surgido, então que o faça em privado, uma vez que o efeito que esta tomada de posição tem num balneário tenso e dividido como é o do Sporting bom não pode ser.

Lion Heart disse...

Nozes à presidência!

Já agora, para quando o aproveitamento de Sá Pinto, alguém que neste tipo de situações poderia com a sua experiência e feitio ser bastante útil na gestão deste tipo de casos.

VermelhoNunca disse...

Condómino Heart, lê, assina, ou compra o jornal do Sporting?

Mestrecavungi disse...

Srn Delane,
O Paulo AF Bento acha que o SCP jogou bem nos 1ºs 25/30 minutos, contra o Basileia!
Mas os sócios assobiaram-no!
Acharam que o SCP estava a jogar mal!
E depois o Paulo AF Bento diz que está na moda dizer que o SCP joga mal!
Quem é que afinal diz mal do SCP?
Os seus proprios simpatizantes, ou conluio dos "pravdas" desportivos?

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Não confundamos um complexo de piscinas com um conjunto de tanques!
E 3ª feira irei informar-me mais detalhadamente sobre este sr. Avelãs!

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Concentra-te.
O jornal do Sporting?
Para quê?
Hoje em dia já não se forram os caixotes do lixo com papel de jornal!
Utilizam-se os papelões, vidrões,pilhões e afins!

Zex disse...

Sr. Lion,
Vejo que está em forma. As capas de jornais que aqui previu são brilhantes. Muitos Parabéns !
O artigo do Sr. Nunca é esclarecedor, já todos sabíamos do seu conteúdo, mas é incrível como se confessa que se é mau profissional. Que não há ética.

Quanto ao artigo que Cavu aqui reproduziu, independetemente de algumas inverdades que contenha, pela reacção do Sr. Nunca, vê-se que a sua mensagem fundamental não é compreendida, limitando-se a uma discordância do acessório e ignorância do essencial. O habitual !

VermelhoNunca disse...

AMigo Cavungi, não sabe mesmo do que está a falar. Indague esse Avelãs, se ele se diz do Sporting, e se tem direito a falar das modalidades ditas amadoras do Sporting.
Uma píscina olímpica é um conjunto de tanques, amigo Cavungi?
Uma modalidade, auto-suficiente, que tem 3.000 praticantes é praticada num conjunto de tanques?

VermelhoNunca disse...

Não condómino Zex. O senhor Avelãs pode opiniar, criticar a gestão de Soares Franco. Tem é de o fazer em bases reias. Assim como o condómino Heart. quando aqui fala de Sá Pinto, que todos os fins de semana, participa em visitas aos núcleos. Assim como fazem muitas outras figuras do Sporting. Acha que o senhor Avelás tem noção de quantos núcleos tem o Sporting. Porque não se questiona ele qual o motivo que o Nenfica e Porto andam nessa roda-viva de inaugurações?

VermelhoNunca disse...

Por exemplo, o nosso administrador opinou sobre a questão das VMOC do Sporting, questionando a decisão da direcção de SF sobre a matéria. Isso é discutir seriamente. Mandar tiros em todas as direcções, falando de coisas que não conhece, não é ser sério nem correcto.

Lion Heart disse...

Para terminar, gostaria de vos contar uma coisa que nunca mais me esqueci (e já lá vão perto de 25 anos). Num jantar de um dos grupos do Sporting ao qual na altura pertencia, ficou na nossa mesa um senhor chamado Bobby Robson, que tinha chegado para treinar o clube há pouquíssimo tempo, de tal forma que foi acompanhdo pelo seu tradutor (que devem saber quem era).
A dada altura, foi-lhe dito que devia ter pulso firme para apanhar a equipa logo de início, senão estaria tramado (já que tinha havido uns problemas com o António Dominguez).
Bobby Robson respondeu (deixando Mourinho e todos nós embaraçados) que a sua política de gerir conflitos era a de não fazer nada, já que na sua carreira nunca tinha tido necessidade de esclarecer as coisas mais do que uma vez. E quando lhe falámos do Keith Burkinshaw, que cá tinha tido cenas de carregar pela boca, ele riu-se e disse - "Weakie" (fracote.)

Veja-se a gestão que ele fez dos balneários dos clubes por onde passou, e compare-se com a de alguns "excelentes gestores de relações humanas"

VermelhoNunca disse...

Condómino Heart, o presidente era Sousa Cintra, que curiosamente o seu guru Avelãs agora recorda...

Lion Heart disse...

Caro Nunca:

Que o Sá Pinto é embaixador do Sporting nos núcleos sei eu. Aliás soube isso mais ou menos na altura em que ele foi contactado para essas funções, e fartei-me de rir, pois para mim o trabalho de um embaixador é no estrangeiro. Mas bem vistas as coisas, dada a atenção que é dada aos Núcleos, eles devem interrogar-se se de facto estarão por cá.
De qualquer modo, caro Nunca, o que eu queria dizer, é que o Sá Pinto teria condições excelentes para fazer a ligação entre a equipa e a estrutura directiva. O Pedro Barbos, até pela especificidade da formação que concluiu no ISCTE e pelas suas características pessoais renderia melhor noutra posição, apenas isso

Lion Heart disse...

Caro Cavulli:
Sousa Cintra que despediu Robson para contratar Queiroz porque lhe disseram que o Porto andava atrás do Queiroz.
Ainda hoje ninguém me tira da cabeça que esta foi a jogada mais brilhante de sempre do JNPC

Lion Heart disse...

Perdão. a mensagem anterior destinava-se a Nunca

Lion Heart disse...

E não me ofenda.
Avelãs não é meu guru.
Por essa ordem de ideias, só porque já muito pontualmente concordei com o Rui Santos, isso faz dele o quê, a minha MUSA INSPIRADORA?

VermelhoNunca disse...

Eu sei disso condómino Heart. Recordo-me do despedimento para a entrada de Queiroz. Ironizei, quando referi que o seu guru Avelãs referiu Cintra como exemplo a seguir.

Mestrecavungi disse...

O que tu querias amigo Lion, era que o Sá desse umas valentes galhetas no Vuk ou em quem se portasse mal!

Mestrecavungi disse...

Mas diz-me amigo Lion,
Compras o Jornal do Sporting?

VermelhoNunca disse...

E quanto à questão Sá Pinto / plantel profissional, não concordo. Era protagonista de uma facção no Sporting. Para mim o lugar de Sá Pinto, que conheço, era como animador da Juve Leo, que fundei.

Lion Heart disse...

Tenho de ir recolhr as minhas leoazinhas, volto já

Mestrecavungi disse...

Amigo JC,
Afinal enganamo-nos!!!!.
Há pessoas que conseguem concordar como Rui Santos!

Lion Heart disse...

Caros Cavulli e JC

Tanto ódio ao caracolitos aliado ao facto de este, quando foi vítima de agressão à saída da SIC, ter conseguido pôr os agressores em fuga, leva-me a pensar se Vªs Exªs não andam a ter umas saídas nocturnas lá para as bandas de Carnaxide...