domingo, novembro 02, 2008

V. Guimarães - Benfica 1-2

Constituição das Equipas e Avaliação Quantitativa do Desempenho

Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães
Hora: 19:45
Árbitro Carlos Xistra (Castelo Branco)

V. GUIMARÃES - Nilson (3); Andrezinho (3), Danilo (1), Gregory (2), Luciano Amaral (3), Flávio Meireles (2), Wênio (2), João Alves (3), Douglas (3), Roberto (2) e Desmarets (2).

Treinador: Manuel Cajuda.

Suplentes: Serginho, Moreno, Momha (2), Fajardo, Luís Filipe (2), Nuno Assis (2), Carlitos.

BENFICA - Quim (3); Maxi Pereira (3), Luisão (4), Sidnei (4), Jorge Ribeiro (4), Ruben Amorim (3), Katsouranis (3), Yebda (3), Reyes (1), Aimar (4) e Suazo (4).

Treinador: Quique Flores.

Suplentes: Moreira, Miguel Vítor, Fellipe Bastos, Binya (-), Carlos Martins (2), Nuno Gomes e Cardozo (1).

Sistemas Tácticos

Benfica

V. Guimarães
Modelos de Jogo

Benfica

Expectativa; Bloco médio/baixo; Transições Rápidas.

V. Guimarães

Posse e Circulação de Bola; Domínio da Partida; Bloco médio/alto; Assumir Iniciativa de Jogo.

Principais Incidências da Partida (fonte: www.record.pt)

1' - Assistência de Suazo para Reyes, que dispara cruzado da esquerda ligeiramente ao lado do poste esquerdo.

4' - Pablo Aimar cai na área derrubado por Danilo, mas o árbitro assinala pontapé de baliza.

15' - GOLO DO BENFICA, por SUAZO
Contra-ataque lançado por Aimar, com um passe em habilidade, e o hondurenho arranca imparável para a área vimaranense, batendo Nilson com um forte remate rasteiro.

18' - GOLO DO BENFICA, por SIDNEI
Livre apontado por Reyes no flanco direito e Sidnei, ao segundo poste, cabeceia de forma irrepreensível, colocando a bola no ângulo inferior direito da baliza de Nilson.

27' - Roberto aproveita um ressalto de bola em Yebda e dispara à meia-volta, com a bola a sair muito perto da base do poste direito da baliza de Quim.

41' - GOLO DO V. GUIMARÃES, por DOUGLAS
Excelente passe de Roberto a lançar Douglas pela zona central, com Luisão a não conseguir o corte e o avançado brasileiro a bater Quim com um disparo rasteiro.

45'+2 - CARTÃO VERMELHO a REYES, após ver o segundo AMARELO por pontapear Andrezinho.

52' - Suazo surge em boa posição na área contrária, mas o remata sai muito ao lado da baliza de Nilson.

56' - Grande defesa de Quim, a negar o golo a João Alves, na sequência de um lance em que os jogadores vitorianos trabalharam à vontade na área benfiquista.

56' - Na sequência do pontapé de canto, Gregory cabeceia... contra Luisão.

71' - Entrada dura de Andrezinho, que atinge Suazo na cara. Carlos Xistra manda seguir o jogo.

90'+3 - João Alves remata de fora da área, com a bola a sair ao lado após desvio num adversário.

90'+3 - Contra-ataque do Benfica, com Jorge Ribeiro a surgir na esquerda a cruzar para a desvio de Yebda sobre a barra.

Destaques

Melhores em Campo

Benfica

Luisão e Sidney - Simplesmente irrepreensíveis!
Sidney apontou o seu 2º golo da época.

Jorge Ribeiro - Extremamente concentrado, conferiu profundidade ofensiva ao seu flanco, ao mesmo tempo que aportou segurança e coesão defensiva.
Tem vindo a demonstrar a justeza da sua titularidade.

Aimar - Regresso em grande após lesão!
À imagem da equipa, entrou dinâmico e intenso, demonstrando uma invejável condição física.
Aos 4 minutos foi derrubado por Danilo dentro da grande área e aos 15 assistiu Suazo para o primeiro golo.
E que assistência. Um passe de letra!
Aos 18 minutos sofreu a falta que redundou no segundo golo e, durante a primeira parte, revelou toda a sua classe, pensando e pautando o momento atacante encarnado.
Após a expulsão de Reyes, surgiu na meia-esquerda e aí soube sofrer e lutar em prol dos superiores interesses colectivos do conjunto.

Suazo - Marcou um magnífico golo após não menos esplêndida assistência de Aimar e assumiu-se sempre como o farol ofensivo da equipa.
Lançando mão da sua força explosiva, foi um quebra-cabeças constante para a defesa vitoriana.
Quando o Benfica se viu reduzido a 10 unidades, entregou-se de corpo e alma à missão de procurar esticar o jogo ofensivo da equipa. Foi de uma disponibilidade inexcedível.

V. Guimarães

Douglas - Pelo golo, no qual denotou codícia e eficácia.
Quase tudo o que de positivo o ataque vitoriano conseguiu produzir, teve a sua assinatura.
Concretizou a única verdadeira jogada de perigo desenhada pelos minhotos ao longo da partida jogo.

Piores em Campo

Benfica

Reyes - Pela asnática expulsão!

Cardozo - Amorfo e dócil, não segurou uma bola, nem ofereceu linhas de passe aos seus colegas.

V. Guimarães

Danilo - Lento e duro de rins sentiu enormes dificuldades perante a mobilidade e a velocidade de Suazo.
Foi completamente destroçado pelo hondurenho.

Arbitragem

Má, muito má.
Logo aos 4 minutos perdoou uma grande penalidade ao Vitória por derrube sobre Aimar e aos 71 a expulsão a Andrezinho.
No entretanto, expulsou bem Reyes, mas acumulou um conjunto considerável de erros.

Comentário

Uma vitória à Magalhães ou como quem diz Ibero-americana ou da Qualidade ao Sofrimento

O Benfica entrou muito bem no jogo.
Um início retumbante, que fez lembrar os célebres 15 minutos à Benfica (neste caso, foram 20).
Decidiu a sorte da partida em vinte minutos.
Nos 5 minutos finais da primeira parte, o Vitória ainda logrou especular com o jogo, mas, na segunda parte, não revelou nem arte, nem engenho para aluir a coesão defensiva do Benfica.
Ancorados numa perfeita organização defensiva, os encarnados assumiram cedo o controlo da partida.
Procurando explorar a lentidão dos centrais vimaranenses, muito subidos e, assim, excessivamente expostos às suas próprias fragilidades, Quique Flores surpreendeu ao lançar Aimar e Suazo no ataque.
Entregou a iniciativa ao adversário, apostou na rapidez da transição ofensiva e restitiu Aimar à sua posição predilecta por forma a lançar Suazo nos 30 metros existentes nas costas da defesa vitoriana.
Aos 15 minutos, a aposta do Espanhol rendeu dividendos.
Suazo completou uma obra-prima desenhada por Aimar!
Aimar, com um passe de letra, desmarcou Suazo, que arrancou imparável para a área vimaranense, batendo Nilson com um forte remate rasteiro.
Três minutos volvidos, livre de Reyes no flanco direito e Sidnei, ao segundo poste, cabeceou de forma irrepreensível, colocando a bola no ângulo inferior direito da baliza de Nilson.
Dinamismo, velocidade e repentismo no processo ofensivo e concentração, ordem, disciplina e método no momento defensivo eram as imagens de marca do Benfica.
0-2 e ponto final nas aspirações vitorianas.
Ponto final, mas com uma grande dose de desnecessário sofrimento pelo meio!
Se dos vinte aos 40 minutos, o Benfica controlou a partida a seu bel-prazer, daí até ao intervalo, fruto de um erro de posicionamento que resultou no golo do Vitória, descontrolou-se, desconcentrou-se e regressou aos piores momentos da temporada.
Maxi Pereira não fechou o espaço interior permitindo a Douglas reduzir a vantagem encarnada e a equipa entrou num inexplicável estado de ansiedade.
Em virtude deste estado alterado de consciência, em apenas 3 minutos, Reyes viu por duas vezes o cartão amarelo e o Benfica passou a jogar com 10 unidades.
Do céu ao inferno, passando pelo purgatório em 5 escassos minutos.
Em desvantagem numérica, temia-se o pior para a segunda parte.
Receava-se a repetição de desfechos similares acontecidos em partidas precedentes.
Contudo, o Benfica deu nota de um crescimento competitivo assinalável e não incorreu nos pecadilhos do passado.
Quique baixou o bloco, juntou as linhas e fechou a porta!
A equipa demonstrou confiança, coesão e solidez defensiva, para além de um fortíssimo espírito de grupo e de conquista.
Houve que sofrer e a equipa fê-lo sem hesitações!
Cerrou fileiras em nome do ideal de vitória.
O Vitória aumentou o seu domínio, mas o seu processo ofensivo revelou-se sempre infecundo, incapaz de ultrapassar a competência benfiquista na defesa do seu extremo reduto.
Alardeando um perfeito controlo emocional das expectativas, o Benfica dominou o curso da partida, não mais permitindo veleidades consistentes ao Vitória, que, na segunda metade, não construiu uma única oportunidade clara de golo.
Aliás, a melhor oportunidade da etapa complementar pertenceu mesmo ao Benfica, quando, no período de descontos, na sequência de um contra-ataque desenhado por Carlos Martins e Jorge Ribeiro, Yebda atirou sobre a barra.
Qualidade individual, organização e solidez defensiva foram os predicados que se conjugaram para um triunfo sofrido, mas indiscutível.

69 comentários:

antes morto que vermelho disse...

não vi o curralense e desta forma não comento. no entanto a julgar pelos arrotos de bermelho, foi uma exibição brilhante, mesmo susceptivél de xungo escarrar "Ontem voltámos a ser benfica"
o jogo lagarto não vi e nem opino.
estou seriamente preocupado com o fcp! (não vio o jogo), perder com a naval não lembra ao diabo, aquilo deve estar muito mal, e não vejo nenhuma solução, a não ser o burraldo colocar o lugar á disposição e, nem assim sei se resultará.
preocupa-me o curralense voltar a ser campeão... o dumbo voltar a escarrar que o país vai produzir mais, o cheiro a naftalina no marques de pombal, todos os comentadores desportivos com o sorriso nos beiços e as machetes, nos jornais, durante 1 mês á conta da lampionada para não falar dos desenterros da rtp a irem á china entrevistar os familiares do dabao!

Zex disse...

Vitória justa do Benfica.
Erros de arbitragem graves de Xistra, em que se destaca o penalty sofrido por Aimar e o pontapé na cara a Suazo, por parte de Andrezinho.
Expulsão de Reyes ao nível da de Derlei. Inacreditável.
Primeiro golo do Benfica nasce de uma jogada espectacular, passe de letra seguido de rasgo individual notável. Muito bonito !
Finalmente Aimar jogou bem.
Nota para um erro de um dos centrais do Benfica que, no lance do golo do Vitória, falha o corte. Não sei qual deles foi, mas parece-me que quem errou não foi o bode expiatório Maxi, como afirma o blogger.
Quanto ao jogo do FCP.
Horrível. Péssima exibição. Expulsão perdoada a Bruno Alves.
Só espero que agora percam em Kiev e em Alvalade, para a Taça, para que o treinador seja despedido.
Rua Jesualdo ! Rua Administradores comissionistas !
Quanto ao jogo do Sporting. Vi pouco. Do que vi destaco a bela exibição de Liedson, a má exibição do fiscal de linha e a expulsão inacreditável de Derlei.

VermelhoNunca disse...

Nota importante, o Benfica não perdeu em raguebi- não houve jogos.
Em futebol defrontou o Guimarães,e ganhou justamente. O Guimarães, ontem pelo menos, não jogou nada. Zero. Dois matulões lá à frente, que nada fazem, com uns brinca na areia cá atrás. Muito mau. Enquanto Danilo esteve em campo, e com 11 , o Benfica foi sempre melhor. Quanto ao penalti não concordo. Tenho a opinião que Aimar já se vai a fazer ao mesmo.
Quanto ao Sporting, ganhou e bem. Sem espinhas. Espulsão idiota de Derlei, que podia ter prejudicado a equipa.
O FCPorto, não vi. Parece uma crise de identidade, que espero que se prolongue por mais uns tempos (pelo menos até depois da Taça de Portugal).

Zex disse...

Duas notas sobre o fim de semana.
Cheguei à conclusão que todo o mundo estava contra o Lewis Hamilton. Até se chegou a festejar o título de Massa nas boxes da Ferrari. E porquê ?
Porque toda a gente, a começar pela realização oficial, se esqueceu que Hamilton tinha ultrapassado Timo Glock, na última curva.
Porque toda a gente se esqueceu que Hamilton, tal como todos os outros, foi mudar de pneus e o esperto Glock manteve-se com pneus de piso seco, armando-se em esperto para ver se ganhava lugares.
Os comentadores festejaram o título de Massa. A namorada dele também. E só o Sr. Massão teve o discernimento de olhar para os écrans.
Um erro lamentável da transmissão e inaceitével em quem faz a cobertura de Grandes Prémios.
Chupa Ferrari !
Vai buscar Cavungi !

Nota final para a badalada presença de Demo nas bancadas de Guimarães. Que eu saiba a decisão judicial ainda não transitou em julgado. Pode haver, ou já há, recurso. Mesmo que não seja interposto recurso, na presente data, a decisão não é definitiva, a não ser que o caso seja excepcional ou tenha havido renúncia imediata ao recurso, op que não me parece.
Assim, o Demo pode ir ao futebol. Não entendo, por isso, a indignação dos comentadores ou do cabeçudo Santos.
Não é verdade Sr. Vermelho ?

Vermelho disse...

Amigo Zex:
Correctíssimo!
Sem trânsito em julgado da decisão, o Diabo pode transitar nos estádios deste País.

p.s. sobre a F1 tenho uma teoria da conspiração: pareceu-me coisa de alemães...

VermelhoNunca disse...

Eu queria que Hamilton ganhasse. O senhor Glock não foi à boxe, numa tentativa de prejudicar Hamilton ( todos os da frente foram, ele não indo era mais um obstáculo para Hamilton ultrapassar). Correu-lhes mal.
Sei que alguém que também quase abriu champanhe, mas depois engoliu em seco.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, o castigo aplicado ao Diabo, abrange todos os estádios, ou só o curral?

antes morto que vermelho disse...

sobre a f1, não vi. mas estava pelo lewis, porque estar contra a ferrari é igual a estar contra o curralense!
a começar pela cor, passando pelo facto do massa ser feijolandês e a acabar no fanatismo dos comentadores das televisões e no fanatismo do xungo.
xungo deve ter sido um dos que abriu a garrafa de champanhe e a deu ao cão!

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Qualquer estádio.

antes morto que vermelho disse...

esse diabo, devia ser "entregue" aos juve leo ou ao SD...

antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JC disse...

Amigo Nunca, tem aqui o resumo da decisão:

"30-10-2008
Agressão a árbitro. Condenação.Tribunal de Pequena Instância Criminal
O Tribunal de Pequena Instância Criminal de Lisboa condenou hoje o adepto que, em 30 de Agosto de 2008, no encontro de futebol entre o SLB e o FCP, entrou no recinto de jogo e agrediu um dos árbitros assistentes. A acusação fora deduzida no dia 17 de Setembro, em processo abreviado, nos serviços do Ministério Público desse Tribunal. Pelo crime de ofensa contra à integridade física qualificada, foi condenado em 1 ano de prisão, substituída por multa fixada em 360 dias, à taxa diária de 5€. Pelo crime de invasão de área de espectáculo desportivo, foi condenado em 210 dias de multa, à taxa diária de 5€. Foi condenado na pena acessória de frequência de estádio de futebol, pelo período de 1 ano. Foi ainda condenado no pedido de indemnização civil, no valor de 2500€."

Jimmy Jump disse...

Amigo Vermelho, totalmente de acordo com a tua análise.
Como diz Quique, o glorioso soube jogar e soube sofrer.
E sofreu sobretudo graças ao mau desempenho do árbitro Carlos Xistra e sua equipa: Penalty gritante por marcar de Danilo sobre Aimar; fora de jogo mal assinalado a Suazo quando este seguiria isolado; cotovelada de Meireles a Aimar que nem falta foi (estandardização de critérios? É que os cotovelos sanguinários de Washington Júnior voltaram a atacar na Figueira sem que este visse assinalada qualquer tipo de infracção); e que dizer da entrada assassina de Andrezinho, que aos olhos de Xistra é considerada uma jogada integrante daquilo que deve ser o futebol: um autêntico Vale Tudo.
O Vitória a jogar com mais um durante toda a segunda parte não foi capaz de criar qualquer situação de perigo efectivo.
A melhor ocasião de golo da segunda parte pertenceu inclusivamente a Yebda.
Grande vitória do Benfica em Guimarães!

O Sporting apesar da sua exibição fraquinha acabou por vencer justamente, com um golo muito consentido pelo defesa vila-condense Bruno Mendes.

O Porto continua e bem nos primórdios do seu calvário.
Nuno mal batido pelo terceiro jogo consecutivo. Estou em crer que o purgatório de Helton “John” terá tido no sábado o seu epílogo.

Que piço teve o britânico!
Estou em crer que o Ron Dennis pôs o puto a correr de Algália.
De nada valeu porque o puto acabou a corrida todo defecado.

P.s: a gaja do puto é boa!, boaa!, boaaa!.....

Mestrecavungi disse...

Benfica:
De facto ontem fomos Benfica.
Vitória justa, contra o V.Guimarães e contra Carlos Xistra!
Que mau que lel é!
Já todos aqui falaram sobre os erros capitais de Xistra!
Inacreditável.
No golo vimaranense quem falha o corte é Luisão.Uma pequena mancha numa enorme exibição!

Sporting:
Vitória justa dos Liedson e mais 10!
Má arbitragem auxiliar.
O bandeirinha que anulou, mal, o 2º golo Lagarto é o mesmo a quem apertaram o pescoço na Luz.Anda a fazer tratamento psiquiatrico.
E continua a arbitrar!
Não lembra o Diabo!
FC Porto.
Não tem de facto um plantel como em anos mais recentes, mas daí a perderem com a Naval...
Golo Navalista é um bom frango.
Lisandro falha golos que não costuma.Enfim como diz nunca, que continurem assim mais uns tempos!

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Sabes como ficou o Beleneses-Sporting em Futsal?
Estou curioso!

antes morto que vermelho disse...

estive, á hora de almoço, a rever o tal penalty sobre o ai mar e posso confirmar a 100% o que o nunca disse: nãom há penalty. o marreta já ia a cair antes de ser tocado... boa decisão do árbitro, ao não se deixar enganar pelo ai mar.

Mestrecavungi disse...

Quanto oa Mundial de f1.
Dizer que festejei por milessimas de segundo o titulo da Ferrari.
Nunca e vermelho serão testemunhas deste meu devaneio!Mass naõ me engasguei.Fiquei triste apenas.
Azar.
Ganhou o Mamede da F1, (que tem de facto uma namorada que é como o milho).
Precisar de ficar apenas em 5º para ser campeão, ao volante de um Mclaren-Mercedes e entrar para a ultima curva em 6º é de bradar aos céus!Que incompetencia!Que falta de talento e de espirito ganhador.
Arrastou-se até ao titulo que lhe caiu no colo dado pelo Glock o traidor!
Fraco psicologicamente, a continuar assim, Hamilton não será aquilo que o seu talento indica!
Ontem a sua vitória assentou numa só palavra:
Sorte.
Que tambem faz falta...mas para ano há mais.
Parabéns aos defnsores das cotas e aficcionados do Cavleiro Negro.

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungim ficou parecido com o FCPOrto/Benfica em hóquei. Matei-lhe a curiosidade?

JC disse...

Curioso que ninguém tenha falado do atraso de Sidney para Quim, idêntico ao que lance que envolveu o ano passado Stoikovic e Polga no Dragão...

E felizmente que Reyes levou dois amarelos seguidos em lance em tudo idêntico ao de Derlei - a chamada "expulsão à Carlos Martins" - se não hoje Derlei seria crucificado!

PS: Teremos a partir de hoje um caso Leo e um caso Di Maria no Benfica por estes dois jogadores não terem sido sequer convocados por Quique Flores?

VermelhoNunca disse...

Macaco, somos 2 a opinar desse modo. E o esgar de dor de Aimar...depois o fiteiro é o Moutinho.
Ontem,mas uma vez, o grego Tsouranis, fez das suas. Atira-se para o chão, simula lesão, Xistra pára o jogo,e ele nada tem. Cortou lance de ataque do Guimarães. Habitual no grego.

JC disse...

AMV:
Também leio assim o lance.
Na repetição, vê-se com clareza que Aimar se deixa cair por cima do jogador do Guimarães em vez de tentar ultrapassá-lo - o que estava ao seu alcance.

antes morto que vermelho disse...

"cotovelada de Meireles a Aimar que nem falta foi..."
este pulha agora escarra, quando o costinha ia morerndo em guimaraes, ninguém disse nada, inclusive este pulha, agora queixa-se!
é o problema de se ser como os burros, com as palas nos olhos.

o pulha éstá sempre atento ao bruto alves, será que tem com ele algum fetiche? será que quer ser sovado, todo nu, pelo bruto alves?

JC disse...

Jorge Azia Coroado e outro árbitro do tribunal do Jogo também vêem assim o lance do pretenso penaltie sobre o Anão Aimar.

VermelhoNunca disse...

AMigo JC, já somos 3 a ver o lance do fitas Aimar do mesmo modo. E estou certo que mais serão, se atentarem bem nas imagens do lance.

Mestrecavungi disse...

Amigos,
Calma!
Concentrem-se!
O arbitro não marcou o Penalty!
Estavamos só aqui a discutir se seria ou não penalti!
Este lance não teve influência no resultado.
O pntapé na cara a Suazo é um lance disputado...A cotovelada em Aimar pelo Macio-Meireles foi só um chega para lá.
Grave grave foi um crte so sidnei que é interceptado pelo Quim.
Este lance está ligado á derrota do Guimarães.
Portanto o SLB gamou mais uma vez!

Vermelho disse...

Amigo JC:
Coroado não vê erros nas actuações de Xistra.
Nunca, mas nunca!
Imperativos familiares!

p.s. acho curioso que não tenhas feito um único comentário aos jogos desta jornada...

p.s. II Aimar era capaz de ter razões para se contorcer com dores.
A entrada de Danilo não foi meiga!

p.s. III Explica a afirmação "E felizmente que Reyes levou dois amarelos seguidos em lance em tudo idêntico ao de Derlei - a chamada "expulsão à Carlos Martins" - se não hoje Derlei seria crucificado!"
Eu crucifiquei Reyes!
Tu entendes não ser de crucificar Derlei?

Vermelho disse...

Amigo Cavungi:
Devo mesmo concluir que o Guimarães foi extremamente prejudicado e que Xistra levou o Benfica ao colo até à vitória.

Zex disse...

Curioso que Cavungi não se tenha referido à realização do GPrémio e ao festejo bacoco dos comentadores da Sporttv. Não era normal que relevassem a ultrapassagem a Glock ? Não brinquem comigo...
Por outro lado, acho graça que todos os grandes detractores de Hamilton dizem agora que foi sorte.
No ano passado, Raikonnen ganhou sem saber como e ninguém disse nada. Há uns anos valentes Prost foi campeão porque a porca da roda do Mansell se soltou em plena recta da meta. Aí era competência, agora é sorte.
Balelas.
Acho também curioso que digam que o Hamilton foi campeão na última curva. Esquecem-se que durante quase toda a prova sempre foi o campeão. Só durante duas voltas não o foi.
O mau perder é feio !
Embrulha lá esta, ó Cavungi !

antes morto que vermelho disse...

darchevile: o que é impressionante foram os comboios de escarros que se seguiram ao lançe, sem sequer o analisar decentemente. a cavalagem toda partiu do principio que era penalty, ou os cavalos não fossem curraleiros!

Vermelho disse...

Hoje, a Associação Académica de Coimbra celebra 121 anos de existência, sendo a Instituição cultural e desportiva mais antiga do País.
Muitos parabéns e obrigado, ACADÉMICA!!!

Zex disse...

Houve erros de Xistra contra o Benfica, é certo. Acontece que o atraso de Sidnei para Quim é evidente. Devia ter sido marcado livre indirecto, parece-me.
Mesmo assim, entendo que o Bfica tem mais razões de queixa.

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, já verificou o resultado do seu dream team em hóquei em patins, modalidade tão querida por si?
Quanto à simulação do Aimar, tenha respeito por quem não concorda consigo. Você está habituado a engolir ração. Nem todos somos assim.
Quanto ao falado lance do Andrezinho, dizer que o jogador jogou na bola. Foi essa a sua intenção, estou em crer. No desenrolar do lance dá na tromba do Suazo, mas não me pareceu agressão nenhuma. Cortou a bola e depois fez a barba do Suazo. Entrada ríspida, viril, mas não de agressão.
Dá-me ideia que os Calimeros andam mesmo à solta. comandados pelo senhor Cavungi.

Vermelho disse...

Amigo Zex:
É tão evidente que nem no painel do Jogo o lance é analisado!
Ao contrário do passe para Stojkovic que foi feito na direcção da baliza, assim permitindo concluir da intenção do executante, o corte de Sidney foi feito na direcção da linha de fundo.

p.s. Alguém viu a 1ª página do Jogo no Domingo?

JC disse...

Amigo Vermelho:
Esta jornada apenas vi o AAC-Braga (e em boa companhia, por sinal) e a espaços, o Rio Ave-SCP.
A ser assim, não posso comentar os jogos.

Não disse que Aimar fez fita nas dores, disse que se deixou cair para cima do Danilo. Admito que se tenha aleijado, mas foi ele que se deixou cair e não foi derrubado pelo Danilo.

Acho que tanto Derlei como Reyes devem ser crucificados pela estupidez dos lances que protagonizaram.
Duas bestas,
O que quis dizer foi que se Reyes não tivesse tido comportamento idêntico, hoje alguns condóminos aqui do blogue afectos ao Benfica não se cansariam de crucificar o Derlei.

No mais, e dos lances que vi em resumos, parece que Xistra prejudicou mais o Benfica do que o Guimarães.
Impressionante foi aquele pontapé na cara do Suazo sem qualquer punição!
Um lance à Bynia!

Parabéns Académica, por mais um aniversário.

JC disse...

Quanto aos cotovelos do Bruno Alves, nem vale a pena falar.
Já se tornou um hábito.

Vermelho disse...

Amigo JC:
Numa bela, mas fria, muito fria tarde de Outono, num fraco espectáculo de futebol, salvou-se a excelente companhia.
Aquele abraço.

JC disse...

Amigo Vermelho:
entre Stoikovic e o jogador que fez o atraso da bola havia um defesa do SCP que se afastou e deixou a bola passar.
Daí eu na altura e hoje entender que não foi clara a intenção de atrasar a bola para o GR.
Ontem, não querendo o Sidney ceder canto - se não tinha chutado a bola com mais força - queria fazer o quê, ao atrasar a bola devagarinho para a linha de fundo?
Deixá-la ao alcance dos atacantes do Vitória?

Vermelho disse...

Amigos:
Esclareçam-me uma dúvida:
o árbitro viu a cotovelada?

antes morto que vermelho disse...

"A cotovelada em Aimar pelo Macio-Meireles foi só um chega para lá."

e quando ele ia matando o costinha? nessa altura o drogado assis fez uma reportagem na tv, a dizer que meireles alimentava todos os gatos abandonados em guimaraes, que era muito boa pessoa e não batia na mulher.
achas que amanhã alguém vai fazer uma reportagem igual?

VermelhoNunca disse...

Parabéns à Briosa.
Amigo Cavungi, já verificou o hóquei em patins?
E já agora, como especialista na modalidade, sabe porque o Maior Clube do Mundo, não tem publicidade nas camisolas na modalidade de hóquei em patins?

JC disse...

Quanto à cotovelada, não sei se viu.
Mas que não foi sancionada, isso não.

Jimmy Jump disse...

Condómino Zé Carlos é natural que ninguém tenha mencionado esse lance porque como (quase) toda a gente viu não houve atraso nenhum. Houve sim um corte.
É preciso ser-se muito Stevie Wonder e não saber dar um chuto numa bola para se afirmar que não havia motivo para assinalar penalty na entrada a matar do Danilo sobre o Aimar, que mais não vez que aproveitar a atitude incauta daquele e amiúde prevenir uma eventual lesão que poderia revelar-se grave.
Comparar o Aimar com o Calimero Moutinho é basicamente comparar um mestre de obras primas com a prima do mestre de obras.

Vermelho disse...

Amigo JC:
Repara onde Quim agarra a bola, a posição de Sidney, dos restantes defesas do Benfica e a dos avançados do Vitória.

Jimmy Jump disse...

Amigo Vermelho, uma cotovelada tão evidente e o árbitro não "assenila" nada?
Estaria a olhar para o lado de certeza, como o Domingos Paciência em Leiria.

Zex disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
VermelhoNunca disse...

Você sabe dar chutos na bola, condómino Saltitão? E chamar cego aos outros, quando fala do seu clube e o refere como glorioso, está tudo dito. Todos nós entendemos quem tem problemas de cegueira.
Reafirmo o que disse, para mim não existe penalti nenhum. O jogador do Benfica é que se faz à queda. E eu durante muitos anos dei chutos na bola e quando necessário também dava nos adversários.

Zex disse...

É muito triste alguém achar-se muito engraçado quando não tem mesmo piada nenhuma !
Mas mesmo nenhuma !

VermelhoNunca disse...

E ainda adianto mais no lance do Aimar. Ele próprio joga a bola para fora do terreno, fazendo-se de imediato à falta. Ou seja, o lance é cavado por ele. O que mais me impressionou foi a dor que ele sentiu, quase ao nível do fenómeno Carlos Martins, ontem o subsitito natural do Administrador da Sad, hoje subsituto natural do Benfica.

Jimmy Jump disse...

Condómino Neverland, consegue deslindar a essência do lance para depois concluir que não houve penalty. Incrível!
Aconselho-o vivamente o ensaio sobre a cegueira de Saramago!

Mestrecavungi disse...

Amigo Zex,
Já embrulhei!
Estou deprimido!
Forca Hamilton!

Mestrecavungi disse...

Amigo Jimmy,
Correcção.
Em Leiria Domingos não estav a olhar para o lado.
Estava a olhar para o chão, devido ao peso dos cornos que o boi tem.

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
No jogo do pau, penso que perdemos 4-3 dado tersido esse o resultado do Belenenses-SCP em Futsal!
Mas se o SLB não tem publicidade nas camisolas, é porque a modalidade estará a cabar no clube.
Era bom!

VermelhoNunca disse...

Condómino Saltião, conselhos seus não aceito.
Cego é quem trata o seu clube por glorioso. Dê conselhos a quem lhe acha piada, nomeadamente o condómino Cavungi e o travestido, por exemplo.
Calimeros no seu melhor.

Vermelho disse...

Amigo Jimmy:
O árbitro não "assenilou" nada, mas eu gostava de saber se viu o lance.
Se viu e não puniu, não há sumaríssimo. Resta a incompetência.
Se não viu, a CD da Liga tem de agir.
Aquele abraço.

Jimmy Jump disse...

Amigo Vermelho, apenas vi o resumo no Domingo Desportivo e aí inexistem ou optaram por não mostrar um enquadramento que permitisse concluir se o árbitro estaria ou não a observar o lance.
Mas se o homem visualizou o lance uma pergunta emerge:
nem não marcou falta nem admoestou o jogador com o vermelho porquê?

Mestrecavungi disse...

Amigo Vermelho,
Sumarissimo, mas é para Suazo!
O animal dá uma cabeçada no pé do jogador Vimaranense, que tenta apenas jogar a bola!
Tenta jogar a Bola dizem!
O Vimaranense joga a bola nada mais!
O Suazo é que não tinha nada que lhe dar com a car no pé!
Quanto a este assunto estamos conversados!
3 jogos no minimo!

antes morto que vermelho disse...

o pulha sofre do mal de toda a curraleira: nunca jogou á bola. assim, acha-se o maior craque do mundo, ora como jogador ora como treinador de bancada, nunca arreou nem levou porrada. só sabe o que aconteçe, graças ao que lhe é servido pela "ração", que diariamente enfarda, na cavalariça.

xungo: eu sei que jogaste, pelo menos, futebol de 5. de 11 nem sei se "a cheiraste"

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, veja com os seus olhos, não com os olhos de um Saltitão qualquer.
Verifique se Andrezinho jogou ou não na bola. Verifique se ele não cortou a bola. Patadas dá Binya.
Posso garantir-lhe uma coisa: Nuno Gomes não tinha levado patada nenhuma, pois não teria a coragem que Suazo demonstrou ao fazer-se ao lance.

Jimmy Jump disse...

Momento do jogo na Figueira: o Carniceiro Alves acabadinho de apanhar no lombo da Naval de Ulisses a pedir sofregamente apoio à claque do Madureira.
Que cena espectacular e ridícula!

antes morto que vermelho disse...

o andrezinho obviamente que desejou arrancar a pele da cara ao pantera cor de rosa.
Mas nada que se compare á porrada que bynia deu no escoces, o talhante desejou levar a parte de baixo da perna do escoces para casa (partida á patada), e pendura-la á porta da palhota!

antes morto que vermelho disse...

pulha os SD não viram as costas ao jogo nem andam a facada para chamar a atenção. não se matam uns aos outros só porque os pais os encavaram, quando eles eram pequenino!

Jimmy Jump disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jimmy Jump disse...

Amigo Cavungi, peço-lhe para bem de todos que aconselhe ao condómino Neverland a película de Fernado Meirelles, Blindness.
Diga-lhe que é espectacular!

Jimmy Jump disse...

O Bynia ao pé do Carniceiro Alves é um menino do coro infantil de Santo Amaro de Oeiras e canta o A Todos um Bom Natal!

O homem tenta sempre disputar a bola. Isso é certo!
O que acontece é que por vezes falha o timing e acerta impetuosamente na perna de um escocês.
Nada de mais. Se virem um jogo da liga escocesa concluirão que a entrada do Camaronês não constitui nada fora do anormal. Na Escócia sê Escocês!
Bynia sabe-o.
Por outro lado, o Carniceiro Alves é atreito a tornozelos, rótulas, costelas, ancas, pescoços, maxilares.
Basicamente, desanca em tudo o que seja articulações, mesmo aquelas que se situam em zonas estranhas ao desporto futebol.

antes morto que vermelho disse...

esta anormalidade não se pode medir, é do além: "O homem tenta sempre disputar a bola. Isso é certo!"
impressionante!
este vómito é dos mais azedos (passando inclusivéo dos bébés) que um anormal vomitou!

Mestrecavungi disse...

Macaco:
Sempre que joguei futebol de 11, lá estava o Sr AndrézinhoNunca a não deixar os seus créditos por mãos alheias.
Sofri muito, pode-se dizer ás maõs desse bárbaro dos campos de futebol!

Mestrecavungi disse...

Amigo Jimmy,
E quando acabou o jogo de vila do conde?
Bento saiu a correr para o balneário lagarto, sem antes mandar toda a gente para o caralh*!
Tambem achei gira a cena!

Lion Heart disse...

Cavu é vesgo e cego dos ouvidos, além de mal intencionado. Paulo Bento nunca disse "Vai pro c......o", mas sim, "Bye bye, ó Ramalho", ao despedir-se do árbitro (?) auxiliar (??).

VermelhoNunca disse...

E você foi para onde Bento mandou, amigo Cavungi? Será que ele já esperava o que o senhor Santos ia dizer no domingo à noite, quando descobriu o novo Eusábio do Benfica? Ou quando disse que o Sporting podia encomendar as faixas, porque tinha ganho em Vila do Conde, sugerindo que os adepros do Sporting quase que vieram para a rua festejar a vitória contra o Rio Ave?