terça-feira, novembro 11, 2008

Vedetas&Marretas

Vedetas

Clube
Porto pelo triunfo em Alvalade

Jogador
Nenê pelo sétimo golo consecutivo alcançado em competições nacionais, o último dos quais frente ao Braga, que garantiu a qualificação do Nacional para os oitavos de final da Taça de Portugal

Treinador
Jesualdo Ferreira pela vitória em Alvalade

Árbitro
Luís Reforço pelo seu bom desempenho no AAC-Estrela da Amadora

Modalidades de Alta Competição
Juventude Viana pela liderança do Nacional de Hóquei em Patins

Emigrante
Manuel Fernandes pelo golo e pela exibição frente ao Getafe

Marretas

Clube
Académica pela eliminação da Taça de Portugal frente ao Estrela da Amadora

Jogador


Caneira e Pedro Emanuel pelas infantis expulsões que protagonizaram no Sporting-Porto

Treinador
Domingos Paciência pela eliminação da Taça de Portugal frente ao Estrela da Amadora

Árbitro

Bruno Paixão pelo seu paupérrimo desempenho no Sporting - Porto

Modalidades de Alta Competição
Oliveirense pela derrota em Barcelos frente ao Óquei local em jogo a contar para o Nacional de Hóquei em Patins, que afastou a equipa de Oliveira de Azeméis da liderança

Emigrante
Quaresma por mais uma sofrível exibição no Inter-Udinese

74 comentários:

antes morto que vermelho disse...

bermelho: helton pelas defesas (inclusive penaltis), pela excelente exibição em alvalade , não merecia ser a vedeta?

já agora, obrigado pelo artigo do mst que publicou, para eu ler.

antes morto que vermelho disse...

pedro emanuel nos marretas??!! só se foi porque foi térinho e, encostou-se ao jogador mais fiteiro de portugal e consequentemente foi expulso. sim porque qualquer toquezinho que se dê no fiteiro-mor, é provocar uma "dor imensa" nesse marreta (que depois se levanta e está tudo bem, tipo paulinho santos).

VermelhoNunca disse...

O senhor Paixão foi classificado com Bom, pelo observador, no jogo de Alvalade.
Meus amigos, isto é que é Sistema.
A pouca-vergonha não tem mesmo limites.

antes morto que vermelho disse...

para vedeta das vedetas, proponho o ai-mar pela rabona e pelo toque sem querer de calcanhar...

antes morto que vermelho disse...

nunca: o paixão foi o que uma vez apareceu nu á frente das mulheres policias, e elas disseram que ele era bom...

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Basta ver o que tem sido a carreira de Bruno Paixão.
Os seus desempenhos não encontram a mínima correspondência com a sua condição de internacional!
Um dos maiores problemas da arbitragem em Portugal são as delegacias de observação.
Desde a formação até à 1ª Categoria.

Zex disse...

O que importa agora é verificar se há tomates para castigar Paulo Bento.
Mínimo - 1 ano, segundo os pasquins.

VermelhoNunca disse...

Completamente de acordo, amigo Vermelho.
Neste caso o contra-senso é tão evidente, que recebe a nota Bom para depois ser castigado , ao não ser nomeado para apitar, pelo menos este fim-de-semana. O despudor em toda a linha.

JC disse...

A propósito de Bruno Paixão, ninguém fala em Jesualdo Ferreira mas foi ele quem primeiro se referiu ao desempenho do árbitro.
Na conferência de imprensa que se seguiu ao jogo, Jesualdo disse que o árbitro não teve coragem.
E foi, aliás, por ter sido confrontado por um jornalista com tais declarações de Jesualdo que Paulo Bento (que não se tinha referido à arbitragem nas declarações que fez) disse que as questões da arbitragem já metem nojo.

Vermelho disse...

Amigos:
O personagem que avaliou Bruno Paixão chama-se Albano Fialho.
O Fialho só viu um erro grave na arbitragem de Paixão, a saber a grande penalidade de Rui Patrício sobre Hulk.
Atribuiu uma nota de 2,9 em 5, justificada ainda pelo facto de se tratar de um jogo de grau de dificuldade elevado.

antes morto que vermelho disse...

bento castigado implica:
- vigilias 24/24 á porta da fpf
- abaixo assinados pela despenalização de bento
- lagartos a calimerizarem-se , a torto e a direito.
- soares franco em vomitos constantes
- pedidos de despenalização na AR
- abertura de telejornais , com este assunto, durante 1 mês
- peditórios para os sem-abrigos, sob o nome "dê com draguilidade"
- manifestações semanais.
- biografia escrita de bento e posterior adaptação para o cinema, sob o titulo "mete nojo", realizado por manoel de oliveira

antes morto que vermelho disse...

darcheville: mas bento é um menino? não sabe reagir de forma normal?? se o jornalista lhe chamasse roto, o que faria bento? chamar-lhe-ia fdp?

VermelhoNunca disse...

Macaco, vou só recordar-lhe uma coisa. Nos anos de Jesualdo Ferreira no FCPOrto, tirando este, em que o Porto tem perdido mais vezes, não houve um único jogo em que o seu clube não tivesse perdido, que Jesualdo não viesse culpar os árbitros. Portanto, Calimero é o treinador do seu clube. Esse seu discurso não pega.

antes morto que vermelho disse...

nunca: o burraldo pode ser um pouco calimero, a lagartada é a definição de calimero... nunca perdem por culpa própria. Sempre que perdem, quando a culpa não é do árbitro, é sempre por causa de um pintelho.
e a calimerização vai desde o bento até ao lagarto como o sr. nunca, passando pelo s. franco, antes do almoço.

JC disse...

Grande Neuer:
Quando o SCP perdeu 1-2 com o FCP para o campeonato, não ouviu uma palavra de Paulo Bento em relação à arbitragem.
Também nada disse quanto ao árbitro a seguir à derrota com o Benfica.
Aliás, esta foi a primeira vez que Bento falou do árbitro este ano, e fê-lo porque a arbitragem foi de facto um nojo.
Fez um paupérrimo trabalho e por isso é um dos Marretas de hoje.
Ouça as declarações do presidente da Associação dos Treinadores, que disse algo tão simples e lógico como isto:
Obrigam os treinadores a falar depois dos jogos, sujeitos a serem provocados, a quente, por jornalistas, e depois querem ouvir o quê? Elogios a uma equipa de arbitragem que estragou um espectáculo de futebol?
Tenham juízo!
Mesmo assim, nas declarações de Paulo Bento só censuro uma coisa: ele ter dito que se calhar devíamos criar mau ambiente ao árbitro como fazem noutros estádios.
No mais, acho que falou e bem, dizendo verdades sobre a merda dos árbitros que temos, que depois ainda são avalizados pela corja dos observadores.

VermelhoNunca disse...

Macaco, leu alguma opinião minha em que culpo o árbitro pela eliminação do Sporting? Sò me pronunciei num lance, a expulsão, quanto a mim injusta, de Caneira.
O facto de eu dizer que Paixão foi mau significa dizer que ele prejudicou o Sporting?
Calimero, insisto, é o treinador do seu clube. E este ano não o tem sido mais vazes, porque seria uma vergonha sê-lo, tal as paupérrimas exibições que o seu clube tem feito.

Zex disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Zex disse...

Sr. JC,
Lamento mas discordo de V. Exa.
Não é a primeira vez que o Bento fala de arbitragens este ano. Pelo menos na primeira jornada falou e muito, começando bem cedo o condicionamento dos árbitros.
E se é verdade que Jesualdo falou primeiro do árbitro (como o faz várias vezes), nunca se referiu aos mesmos nos termos vergonhosos em que Paulo Bento o fez no Domingo.
Estão, na minha opinião, a equipar situações bem diferentes.

Mais uma nota.
Eu não entendo como 2,9, numa escala que vai até 5, é uma nota correspondente a Bom.
Se a minha sobrinha tiver um 2,9 no teste, ou um 3, terá Satisfaz ou Médio, nunca Bom.
A nota é positiva é certo, e isso é de lamentar, mas acho que não é Bom, nem Bom menos será. Acho que há por aí algum exagero ou sensacionalismo em que não devemos embarcar...

Zex disse...

O incitamento à violência tem que ser punido severamente.
Bento tem que ser exemplarmente punido, na minha opinião.

VermelhoNunca disse...

Condómino Zex, o senhor Paixão tinha de levar no máximo 0,5 ( isto se contar ainda a apresentação do senhor árbitro, e Paixão com as peneiras atinge esse patamar). Só fez MERDA, errando em quase todas as decisões mais dificeis que teve.

JC disse...

Tem razão, caro Zex.
Não me lembrava de mais esse episódio triste da arbitragem, de transformar uma falta a um metro da área em penaltie, por indicação do fiscal de linha.

VermelhoNunca disse...

Mss qual violência? Qual incitamento à violência? Prssionar os árbitros nos jogos em casa, acha que é incitar à violência? Violência tinha o seu clube com o guarda Abel. Violência tinha o seu clube quando agredia impunemente jornalistas , sem que nenhuma consequência surgisse.

VermelhoNunca disse...

3 anos, acha bem, condómino ZEx, o castigo para Paulo Bento?

VermelhoNunca disse...

E a este senhor, ninguém manda calar?
"O presidente do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, Carlos Esteves, comentou esta quarta-feira, em declarações ao Maisfutebol, a nota (Bom) atribuída a Bruno Paixão pelo desempenho no Sporting-F.C. Porto, da IV eliminatória da Taça de Portugal. O dirigente sublinha que se a avaliação foi positiva, conforme foi divulgada pela imprensa, «é porque a arbitragem não foi tão má como dizem».

Carlos Esteves explicou que «o observador tem razão para dar a nota que deu, porque afinal o árbitro não esteve tão mal como se diz», e argumentou: «O técnico de arbitragem é que sabe e conhece, vocês [jornalistas] não.»

JC disse...

Foram estas as críticas de Jesualdo à arbitragem ás quais, estranhamente, a APAF não se refere:

"Críticas, muitas críticas do treinador do F.C. Porto, Jesualdo Ferreira, à arbitragem de Bruno Paixão, a quem apelidou de incompetente e de acusou de ter falta de coragem. Eis as declarações do técnico em conferência de imprensa, após o jogo com o Sporting, que os dragões venceram nas grandes penalidades, por 4-5, após 1-1 no tempo regulamentar. O F.C. Porto segue para a eliminatória seguinte da Taça de Portugal:

«O árbitro não foi competente nem teve coragem. Para ser-se árbitro é preciso ser competente e ter coragem. E eu não vi isso. Coragem é marcar faltas e não houve. Já não falo de competência. Quando não se tem, dificilmente se faz carreira.»

«Os 45 minutos da segunda parte e o prolongamento provam que estamos cá para discutir as provas onde estamos inseridos. No segundo tempo fomos melhores, estivemos mais vezes por cima do Sporting e resistimos a lances que não foram bem ajuizados.»

JC disse...

Não sei se é APAF ou se tem outra designação.
A merda é a mesma.
O Apito Dourado não serviu para rigorosamente nada.
Continuam os mesmos árbitros a arbitrar, os mesmos observadores, os mesmos dirigentes.

E não vale a pena enveredar-se pela profissionalização com esta gente.
Como diz e bem Paulo Bento, agora temos incompetentes, depois passaríamos a ter incompetentes profissionais.

VermelhoNunca disse...

Amigo JC, Paulo Bento chamou os árbitros de incompetentes. Os árbitros!
Jesualdo chamou Bruno Paixão de não competente.
Ora, que é não competente é o quê? Isto só dá para rir.

E repare numa situação, amigo JC. Paulo Bento nunca se referiu a Bruno Paixão. Nem quando lhe perguntaram pelos erros que este tivesse cometido, os enumerou. Pediu uma folha A4, tantos foram os erros.
Volto a falar no Inferno da Luz, como os lampiões o gostam de apelidar. Porquê Inferno? Será porque quem o frequenta é o Diabo, agora proibido de ir aos estádios?
Inferno, porque o ambiente intimida os adversários e os árbitros. Só o anjinho do condómino Zex é que não quer entender isso.
E esse ambiente tem de ser criado em Alvalade.

JC disse...

Exactamente, Amigo Nunca.
Como disse, censuro Paulo Bento por ter dito se devia deixar de ser simpático para os árbitros e que se deveria criar mau ambiente àqueles.
Não sei qual a sua intenção ao dizer isso, mas seguramente não terá sido um apelo à violência.
Admito que se quisesse referir ao facto de os árbitros serem bem recebidos em Alvalade - segundo ouvi ou li, são recebidos com beberete - e que pretendesse que houvesse pressão do público durante o jogo, como há noutros estádios - legítima, entendo eu.
Sucede que essas palavras podem ser mal interpretadas pelas claques, e usadas no sentido da violência.
E por isso não as deveria ter dito.
Mas é exigir de mais a um treinador que, obrigado a falar perante as televisões no rescaldo de um jogo, consiga medir o alcance de tudo o que diz.
A apreciação do que Paulo Bento disse tem de se temperada pelo estado de espírito em que se encontram os treinadores após o jogos.
Se não querem ouvir esse tipo de desabafos, então que acabem com a obrigatoriedade de falar após os jogos.

Zex disse...

Sr. JC,
Eu entendo que as críticas de Jesualdo foram feitas dentro daquilo que é a normalidade, pelo menos em Portugal.
Ao contrário, as de Bento ultrapassaram esse limiar de normalidade. Foram um incitamento à violência para com os árbitros. A parte que é grave, para mim, e para a APAF, não diz respeito ao epíteto de incompetentes, que Jesualdo tb utilizou. O problema foram as frases seguintes do ambiente, da simpatia, do que se devia passar a fazer e de que havia algo por trás. Isso, para mim, é que foi muito grave e tem que ser punido severamente.
Equiparar as declarações dos treinadores é uma tentativa de branqueamento desesperada que não esperava de si, ao contrário dos Dias Ferreiras que por aí pululam...

VermelhoNunca disse...

Amigo JC, árbitros e jornalistas são recebidos em Alvalade, com um lanche, pelo menos. No Dragão como serão recebidos? Quem será hoje o guarda Abel deles? E no curral, serão recebidos com uma estátua miniatura do Eusébio?
Para esses bois, tratamento dentro do mínimo exigível. Árbitro tem direito a água quente e toalha para se enxugar. Quer comer, vá ao Magriço!
Jornalistas, têm direito ao que a lei exige, nada mais.

Zex disse...

É verdade que, após os jogos, se pode falar, a quente, demais.
Concordo.
No entanto, ainda ninguém, do Sporting, admitiu que ele tinha falado demais ou que tenha dito algo que não devia. Bem pelo contrário, o Presidente da Assembleia Geral apoiou-o (embora com reservas, pareceu-me), Dias Ferreira secundou-o, tal como o fez Rui Oliveira e Costa.

Lion Heart disse...

Sr. Zex:

Se eu não fôr simpático para si, quer necessariamente dizer que vou agredir?

Mestrecavungi disse...

Meus amigos,
Eu tenho estado aqui, caladinho, que nem um rato, a assistir á vossa brilhante discusão.
Entretanto, como não podia deixar de ser o Sr Nunca, tinha que meter o Glorioso-SLB ao barulho, tentando colar o termo (dos anos 60)"Inferno da luz" ao á vil e vergonhosa tentativa de Paulo Fiuza Bento em condicionar os arbitros em Alvalade
Esta atoarda não pode assim, passar impune!
A)Jesualdo não sabe perder!
Quando perde é um calimero!
B)Paulo Bento não sabe perder!
Quando perde a culpa é sempre de qualquer merda-extra!
C) Bruno Paixão é, sempre foi, e sempre será um pessimo arbitro!
Além de peneirento, vaidoso e arrogante!
D)A arbitragem Portuguesa "mete nojo" de facto.
E)Quem foi mais prejudivado no domingo foi o Futebol!
F)Por muita razão que assista a Fiuza Bento, ele como um dos principais agentes do jogo não pode perder a cabeça, como nós o podemos fazer aqui, e dizer autenticas barbaridades, de consequencias imprevisiveis.
O castigo deve ser exemplar.
G)O SLB é o maior!

Mestrecavungi disse...

A atribuição da "nota" a Paixão já é um numero do "Levanta-te e rí".
Não se pode descer mais baixo!

VermelhoNunca disse...

3 anos de castigo, chega condómino Anjinho? Fica satisfeito?

Mestrecavungi disse...

"Sucede que essas palavras podem ser mal interpretadas pelas claques, e usadas no sentido da violência."
Estas são as sábias e equilibradas palavras de Mestre JÇ.
Aqui é que reside o problema.
Nem só o Sr Nunca e o Sr Lionheart, frequentam Alvalade.
O Sr Minimo tambem o faz, tal como Holtreman.
O que pode acontecer amanhã quando não for marcado um penalti a favor do SCP, que lhe daria a vitória?

Zex disse...

"Sucede que essas palavras podem ser mal interpretadas pelas claques, e usadas no sentido da violência".
Muitos parabéns, Sr. JC!

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Q consequencias terá um eventual castigo?
Não ir para o banco?
Pode ser bom!
Não poder falar antes e depois dos jogos?
Pode ser muito bom até!
O homem já enjoa!

VermelhoNunca disse...

"Sucede que essas palavras podem ser mal interpretadas pelas claques, e usadas no sentido da violência"

Então, condómino Zex, podem ser mal interpretadas...qual a interpretação correcta das mesmas?

Vermelho disse...

Amigo Zex:
As declarações de Paulo Bento ainda que possam ser explicadas à luz da exaltação do momento, são objectivamente graves.
Inqualificável incitamento à violência.
Mas, mais graves que as declarações de Paulo Bento foram as declarações de Rogério Alves, Dias Ferreira e Rui Oliveira e Costa caucionando-as e secundando-as.
Estes tiveram mais do que tempo e serenidade para reflectirem.
Aquele abraço.

Lion Heart disse...

Sr. Familiar da grandiosa Salvatrucha Jr.:

A) B) C) D) E) F) E o Luís Manoel de Oliveira Filipe Vieira a ir com a produçãozeca para o ministro, é saber perder anticalimeristicamente ?

Mestrecavungi disse...

Amigo Zex,
Até parece que nos entendemos por sinais de fumo!

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Eu não diria mal interpretadas, diria interpretadas literalmente.

Lion Heart disse...

Sr. Zex, por acaso nunxca viu ao lado dos Dias Tavares os Migueis de Sousa Ferreiras? É que confesso, eu não os consigo distinguir, mas vejo que há dos dois.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, a questão é para o condómino Zex, que dá os parabéns, às palavras do amigo JC. Ora se ,pelos vistos concorda com essa opinião do amigo JC, e este diz que as palavras podem ser MAL interpretadas, qual é então a interpretação correcta das mesmas?
O que quis dizer Paulo Bento, na opinião do Anjinho aqui do blog?

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,
Uma andorinha não faz a primavera!
E parece que esse tipo de discurso está definitivamente banido do "inferno da Luz".
Coincide com a estadia do sr Veiga, na nossa familia.

Lion Heart disse...

Sr. Administrador:

Devo então concluir, em face do teor de alguns comentarios de alguns condóminos relativamente a alguns outros que os mesmos implicam em si um incitamento à violência?
Ou postas coisas de outra maneira, se os restantes clubes, que se mostram hoje tão chocados, ao não serem violentos com os árbitros estarão necessariamente a ser simpáticos, levando a que alguma dessa simpatia esteja agora a ser (injustamente pelos vistos) julgada?
E já agora, se eu não fôr simpático para o árbitro, enquanto assisto a um jogo, estarei a ser violento? E se sim, também devo apanhar 3 anos de castigo?

JC disse...

Não foi Mário Soares quem disse, aquando do buzinão da Ponte, que todos tinham o direito à indignação?

Fez alguma apologia ao corte de estradas, à violência, ao desrespeito, à violação da Lei?

Penso que não, embora muitos o tenham interpretado no sentido que sim.
E não tinha acabado de ser eliminado da Taça de Portugal quando o disse.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, violência é uma claque no pavilhão da Luz, gritar que cheira a fumo, ou algo do género, quando adeptos benfiquistas tinham pegado fogo a uma camioneta de adeptos do Porto, num jogo de hóquei em patins!
Houve incentivos à mesma? O que acha que Pinto da Costa e Luís Vieira andam a fazer há anos?

Vermelho disse...

Amigos Lion e Nunca:
Visibilidade acrescida, responsabilidades acrescidas!
Critico qualquer forma de incitamento à violência.
Explicíta ou implicíta!
PC e LFV fazem-no e eu critico-os.
PB fê-lo e eu critico-o.
Espanta-me que outros não o façam.
PB extravazou e muito o direito à indignação, aliás como ontem aqui disse.
O direito à indignação acaba no nojo. Tudo o mais é gratuito e muito, mas mesmo muito perigoso.
Por menos, já se invadiram campos de futebol.
É preciso não esquecer quem irá absorver a mensagem!
E de que forma o fará!
Numa sociedade com graves problemas de autoridade, palavras como as de Bento são o rastilho de práticas de violência.

JC disse...

Não ser simpático com os árbitros é não os receber com beberetes, é assobiar forte e feio quando erram, é vaiá-los, é apupá-los, é transformar Alvalade num inferno para quem lá vai, árbitros e equipas adversárias.

Não é necessariamente entrar no terreno de jogo, dar cachaços a fiscais de linha, por guardas Abéis em campo, atirar objectos para cima do árbitro, persegui-lo durante o campo todo.

É inferno no bom sentido, no sentido desportivo.
Tipo "Inferno de S. Ciro", "Banheira de Roterdão", etc.

Deixem-nos ter a nossa banheira!
Ao menos um bom bidé, já que o estádio parece uma casa de banho!

VermelhoNunca disse...

O Guru do condómino Zex, José Mourinho, festeja golos fazendo gestos para as bancadas, tanto em Inglaterra, contra o Liverpool, como em Itália ( veio dizer que o fez para Costinha, algo que não entendo). Isto é o quê, na opinião do condómino Anjinho? Mas aí cala-se, porque parece idolatrar o senhor Mourinho!
Poupe-nos a esse discurso moralista, que acontece quando lhe convém!

Vermelho disse...

Amigo Zex:
As declarações de Paulo Bento ainda que possam ser explicadas à luz da exaltação do momento, são objectivamente graves.
Inqualificável incitamento à violência.
Mas, mais graves que as declarações de Paulo Bento foram as declarações de Rogério Alves, Dias Ferreira e Rui Oliveira e Costa caucionando-as e secundando-as.
Estes tiveram mais do que tempo e serenidade para reflectirem.
Aquele abraço.

JC disse...

Amigo Vermelho:

Provavelmente, irei a Lisboa convosco de combóio.
Estava a pensar no Intercidades das 8h00m.
Amanhã confirmo.

Vermelho disse...

Amigo JC:
Nós também.
Diz qualquer coisa até amanhã, pois que irei comprar os bilhetes à tarde.
Aquele abraço.

p.s. Banheira de Roterdão é uma designação que não tem nada que ver com pressão sobre os árbitros.
A menos que não saibam nadar...

JC disse...

Amigo Vermelho:

Eu sei, amigo Vermelho, mas se não falasse na banheira não tinha oportunidade de me referir à casa de banho nem ao bidé.

VermelhoNunca disse...

ALiás, amigo Vermelho, na sequência do que disse sobre Mourinho, na minha opinião ele devia ser incluído nos Marretas, porque festejar golos desse modo....será o quê? Não será um incentivo à violência?
Coloque nos Marretas também Zex, que assim fica junto ao seu guru!

Zex disse...

Sr. Nunca,
Vamos ver se nos entendemos.
Eu não estou a falar das declarações ou actos do Mourinho ou do Guarda Abel ou do Vieira ou do Chalana ou do Pinto da Costa, ou de quem quer que seja
Esse seu hábito de disparar para o lado ...
Limite-se à análise dos últimos acontecimentos. Não invente. O que interessa o Mourinho agora, ou o Guarda Abel ?
Sobre o assunto, tenho, pela primeira vez, uma opinião totalmente coincidente com a do blogger.
Quanto à interpretação errada ou não, devo dizer-lhe que o comum dos adeptos do futebol não tem a sagacidade de V. Exa.
As declarações dum treinador de futebol não podem deixar de ter em linha de conta os seus destinatários - adeptos de futebol, inteligentes ou burros.
Mas sobre isso já o blogger disse o que devia, que subscrevo, com propriedade.

Lion Heart disse...

Caro Administrador:

Totalmente de acordo. Mas é justamente em nome dessa relativização de posições no entendimento e interpretação dos factos que eu, enquanto adepto, sócio, treinador de bancada, etc. e tal, me posso dar ao luxo de ter as moinhas posições, sabendo que a esfera de influência das mesmas é irrelevante.
E acho que:

1 - A arbitragem portuguesa, não só a do paixão, é um nojo e mete nojo;
2 - Acho que a profissionalização dum sistema viciado, onde a qualidade não é factor relevante para o sucesso só virá provavelmente produzir incompetentes profissionais;
3 - Acho que o Sporting, em nome dum aburguesamento pateta e estéril, em nome duma tradição que fica bem na casa da tia mas não do mundo de hoje tem adoptado normas de conduta desadequadas, confundindo simpatia com magnanimidade, tolerância e passividade.

Portanto, seria profundamente hipócrita se, em função das declarações de Paulo Bento, as quais reproduzem de forma bastante fiel o meu sentir, não as subscrevesse .

JC disse...

Mas quem não conhece o ambiente nos estádios gregos, que torna difícil qualquer equipa lá jogar?
No ambiente nos estádios ingleses, com o público em cima do relvado?

É um ambiente assim, intimidatório, que Paulo Bento quer para Alvalade.
E eu também!
Como queria que em Coimbra, em vez de o público chamar "palhaço" e "idiota" aos árbitros, os apelidassem com o devido vernáculo.
Talvez perdessem o hábito de lá roubar tanto.

Mas que fique claro que, como já disse aqui mais de uma vez, o censuro por ter dito o que disse, tendo em conta a interpretação que pode ser dada a essas palavras.
Acho é que deve ser censurado dentro do contexto em que o disse.
E que deve ser censurado não por ter feito a apologia da violência - que não fez - mas por as suas palavras poderem ser levadas nesse sentido.
O que é bem diferente.

E também acho que se deve acabar com essa palhaçada de obrigar os treinadores a falarem após os jogos.
Ou vêem nisto uma fonte de receitas para a Liga, tantas as multas que apanham por aquilo que dizem a quente?
E, já agora, porque é que não são também os árbitros obrigados a falar logo que o jogo acaba?

VermelhoNunca disse...

Senhor Zex,
Vamos se nos entendemos. Quando José Mourinho festeja com gestos obscenos para os adeptos adversário, o senhor cala-se! Não vem com essa lamúria de incitar à violência
Quando Paulo Bento, diz que, se necessário, repito, se necessário, porque foi isso que ele disse, se deve tornar o ambiente dificil para o árbitro nos jogos em Alvalade, acha que está a incentivar a violência.
Ou seja, você não é coerente.
E falei no guarda Abel, para identificar o que é um caso de pressão , quer sobre árbitros, quer sobre adversários. Mas tem mais exemplos, não é só no FCporto que isso se passa.

Zex disse...

Eu, sobretudo, não fujo à conversa que não me interessa, falando de outros clubes.
Não me apetece dizer nada sobre o Mourinho, porque entendo que nada tem a ver com o Paulo Bento. Tal como não falo sobre o Guarda Abel, porque seria descabido.
Estou a analisar o comportamento de Paulo Bento. Apenas e só.
O dos outros, na devida altura.
Não seja ridículo !
Admita o excesso e deixe de defender o indefensável !
Não desvie a conversa !

Mestrecavungi disse...

Amigo Zex,
Mudando de latitude.
Aquele meu amigo Ultra-SCP que tu bem conheces, enviou um e-mail, para o Rui Santos, a proposito do episodio Dias Ferreira!
E não é que o animal respondeu?????!!!!!
Com a devida autorização vou de seguida publicar:

________________________________


Exmos Senhor:

Gostava de saber quando é que o senhor se demite por ter usado como arma de arremesso um problema de saude de outro cidadão.
Vai pedir desculpa ou vai demitir-se e desaparecer de comentador?
Sabe,existe uma coisa chamada sigilo medico a que todo o cidadão tem direito e que o senhor violou de forma grosseira!
Quando alguem consulta um psiquiatra tem todo o direito a sua privacidade.Acha que usar um problema de saude alheio é legitimo?
Toda a consideração que tinha pelo Senhor perdia naquele domingo a noite!
Ainda aquela rabula das irmãs de cada um é de uma pobreza de espirito e de um ridiculo sem palavras!
Preste um serviço não so ao futebol mas a sociedade em geral
Desapareça!!!!!

Atentamente,

XXXXXX

E eis a resposta de Rui Santos "Live".

Exmo Senhor

Pena é que não se tenha indignado e ofendido quando, reiteradamente, fui enxovalhado em antena pelo dito senhor.
Acredite que não o fiz por gosto. Este não é o meu território. E acredite que aguentei o mais que pude, esgotando todas as possibilidades de apelo ao bom-senso.

Melhores cumprimentos,

Rui Santos

Lion Heart disse...

AFINAL CAVU NÃO SÓ OUVE COMO LÊ A PROSA DIRECTA DA MÃO DE SANTOS !!!

Que exemplo para as Salvatruchas e Salvatruchos deste país !!!

VermelhoNunca disse...

Não lhe apetece falar sobre o Mourinho. Não lhe apetece falar sobre o guarda Abel.
Mas apetece-lhe que o Paulo Bento seja castigado, por poderem ser mal interpretadas as suas palavras.
Fique ciente de uma coisa: apareça em Alvalade, e se estiver perto de mim, verá seguramente o que é intimidar o adversário.
E agora não me apetece falar mais consigo.

Mestrecavungi disse...

Amigo JÇ,
Casquinadas soltadas com os teus comentários!

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,
Tenho inclusivé amigos lagartos, que mandam e-mails para o Rui Santos.

JC disse...

Amigo Cavungi:

Até as lágrimas me vieram aos olhos ao ler a resposta de Rui Santos.

Excelente!

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,
Quando estiveres na presença dos meus filhos, p.f. peço-te, quase de joelhos:
Não lhes digas que eu vejo , ás escondidas e á socapa, o Rui Santos!

Mestrecavungi disse...

Amigo JÇ,
O mais cómico disto, é que o homem se dá ao trabalho de responder aos e-mails que lhe mandam.
Confesso ,que já houve ocasiões em que quis enviar um ou outro comentário para ruisantos@sic.pt, mas sempre pensei que seria em vão!
Afinal...Olha.
É para aprenderes!

Lion Heart disse...

Salvatrucha Senior:

Combinado.

E a ver se este domingo te passo o DVD ...

VermelhoNunca disse...

Amigo Rabona, recorde o último minuto do 1º tempo em Alvalade.
Canto contra o Porto.Lembra-se o que fez o senhor Paixão?
Não acha que é o incentivar a violência.
Depois, no final do jogo, fez o mesmo em relação ao FCPorto, naquele espirito de , fiz merda, agora equilibro as coisas.

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Um animal, todos sabemos!
E ainda por cima rigoroso.
O tempo é contado ao segundo!
lembro-me de um Suecia-Brasil no Argentina 78, em que o arbitro não contou com o 2º golo do Brasil, na sequencia de um canto, porque já tinha acabado o tempo.
Ficou 1-1!
Até amanhã.
Depois diz-me se queres boleia na 6ª feira!
Abraço

Mestrecavungi disse...

Amigo Lion,
Qualquer dia morro de fome!