domingo, setembro 07, 2008

Malta - 0 Portugal - 4

Constituição da Selecção Nacional e Avaliação Quantitativa do Desempenho

Portugal: Quim (3); Bosingwa (4), Pepe (3), Ricardo Carvalho (3) e Antunes (2); Raul Meireles (3) e Carlos Martins (3) (Maniche, 63m (2)); Nani (4), Deco (4) e Simão (3) (João Moutinho, 75m (2)); Hugo Almeida (3) (Nuno Gomes, 67m (2))
Suplentes: Eduardo, Bruno Alves, Paulo Ferreira e Danny

Marcadores: 0-1, Said (25m); 0-2, Hugo Almeida (61m); 0-3, Simão (71m); 0-4, Nani (78m)

Ao intervalo: 0-1
Resultado final: 0-4

Sistema Táctico da Selecção Nacional



Modelo de Jogo da Selecção Nacional

Posse e Circulação de Bola; Domínio e Controlo da Partida; Bloco subido; Assumir Iniciativa de Jogo.

Principais Incidências da Partida (fonte: www.record.pt)

5' - A Selecção Nacional esteve muito perto de abrir o marcador em La Valetta. Na sequência de dois cantos consecutivos, Pepe rematou com força da entrada da área, com a bola a passar ligeiramente por cima da baliza defendida por Haber.

7' - Um corte parcial na energia eléctrica faz com o árbitro Bernie Raymond Blom interrompa o jogo. Carlos Queiroz aproveita a paragem para dar indicações a Carlos Martins.

Depois de uma paragem de quase 11 minutos, o encontro é reiniciado.

11' - Pepe, mais uma vez, protagoniza um lance de grande perigo na área maltesa. O cabeceamento do central do Real Madrid não passou muito distante do poste direito de Haber.

25' - Golo de Portugal, por Said, na própria baliza.
Nani assistiu Bosingwa na direita, que, sem marcação, colocou a bola no coração da área, onde o infeliz Said, ao tentar evitar que o esférico chegasse a Hugo Almeida, acertou o interior da sua própria baliza.

34' - Quase na pequena área, Simão erra em bola e falha um golo certo, após uma grande assistência, com a cabeça, de Hugo Almeida.

37' - Após uma boa iniciativa individual, já dentro da área maltesa, Nani tenta um chapéu, mas Haber, elástico, defende para canto.

57' - Haber volta a ser decisivo, afastando com as pernas um remate à queima-roupa de Nani.

62' - Golo de Portugal, por Hugo Almeida.
A jogada começa com um lançamento longo da defesa portuguesa e termina com um remate cruzado e certeiro, com a perna esquerda, do avançado do Werder Bremen.

63' - Carlos Martins quase marca o terceiro golo português. A bola tira tinta do poste direito de Haber.

65' - Agora é Nani que desperdiça mais uma grande oportunidade para fazer o 3-0. O extremo português, que disputou o lance com o guarda-redes Haber, ficou magoado no lance.

71' - Golo de Portugal, por Simão Sabrosa.
Após um remate inicial de Nani que Haber defendeu para a frente, o capitão português, com o recém-entrado Nuno Gomes por perto, disparou com precisão para o terceiro golo português.

76' - João Moutinho, que acabou de entrar, quase marca, após uma grande assistência de Deco. Haber, mais uma vez, evitou o pior para Malta.

78' - Golo de Portugal, por Nani.
Num lance em ficou vincada a superioridade dos jogadores portugueses, Nani recebeu sozinho no interior da área maltesa, esperou que Haber saltasse e rematou com toda a tranquilidade para o fundo da baliza local.

82' - Com um bonito voo, Nuno Gomes faz um cabeceamento perigoso, que só não resultou em golo porque Haber fez uma grande defesa.

90' - Após mais uma excelente assistência de Deco, João Moutinho falha por muito pouco o 5-0. O médio leonino estava um pouco desequilibrado quando rematou à malha lateral.

Destaques

Melhores em Campo da Selecção Nacional

Bosingwa

Beneficiou da deficiente marcação que os malteses ofereceram ao seu flanco.
Revelando bom entendimento com Nani, mostrou-se bastante empreendedor ao ponto de ter participação na generalidade dos melhores movimentos ofensivos lusos.
A sua acção emergiu essencial no lance do primeiro golo.

Nani

Pese embora tenha usado e abusado de algum individualismo estéril, deixou uma marca indelével na partida, quer pelo golo que obteve, quer pela boa ligação com Bosingwa, a qual, pura e simplesmente, reduziu a cinzas o flanco esquerdo de Malta.
Teve intervenção directa em quatro dos cinco golos de Portugal - no primeiro, executou o excelente passe que embalou Bosigwa para o primeiro golo, no terceiro, rematou para defesa incompleta do guarda-redes maltês, possibilitando a Simão encostar fácil para o golo, ao passo que o quarto foi de sua autoria.

Deco

Não começou bem, mostrando-se incapaz de emprestar a habitual geometria à equipa.
Todavia, a sua exibição cresceu de sobremaneira com o passar dos minutos.
À medida que o desgaste dos malteses se foi acentuando, Deco, paulatinamente, foi alardeando a sua classe e os seus dotes de organizador.
Soberbo o passe a isolar Nani para o quarto golo português.

Piores em Campo da Selecção Nacional

Antunes

À míngua de outras soluções, Queirós elegeu Antunes.
Percebe-se o critério - primeiro os especialistas, só depois e, na ausência destes, os generalistas ou polivalentes.
Contudo, o ex-pacense está longe do nível exigido a um internacional pela principal selecção de Portugal.
Pouco expedito, falho de concentração e posicionamento, nunca encontrou os ritmos e a dinâmica da partida.
Definiu quase sempre mal os lances.
Ou Queirós consegue descobrir outro especialista ou então terá que pensar seriamente no regresso às adaptações que marcaram a lateral esquerda da selecção nacional após o abandono de Nuno Valente.

Arbitragem

Num jogo fácil de dirigir, apenas errou no lance do quarto golo de Portugal, no qual Nani partiu em fora de jogo.

Comentário

Fácil, muito fácil mesmo.
Portugal estreou-se com uma goleada na fase de qualificação para o Mundial de 2010 a realizar na África de Sul.
A tradição imperou em La Valleta e, assim, Portugal adicionou uma vitória mais a um registo que contava já cinco. O resultado final traduziu-se no mais expressivo triunfo de sempre, superando o 3-1 de 1985.
Queirós repetiu o onze apresentado frente às Ilhas Féroe, pelo que Antunes, Carlos Martins e Hugo Almeida mantiveram o estatuto de titulares.
Se antes da partida, a deficiente condição do relvado, o calor e a humidade se perspectivavam como os principais obstáculos ao sucesso luso, o seu desenrolar confirmou-o na plenitude.
A debilidade da selecção maltesa foi demasiado evidente.
Portugal foi sempre profundamente superior, aniquilando cerce qualquer estigma de surpresa.
Sem atingir uma bitola de excelência, Portugal soube ser sério, paciente e competente.
Exigir mais e melhor, só por estultice. Naquelas condições climatérias, perante aquele adversário (remetido a uma defesa porfiada ancorada em duas linhas de quatro) e num relvado-palha, era muito difícil fazer mais e melhor.
Em bom rigor, nem sequer se esperava tanto.
Portugal venceu, demonstrou consistência e até mesmo, em alguns momentos, nacos de futebol empolgante e entusiasmante, mormente na segunda parte.
Soube sofrer e ser perseverante para quebrar a natural resistência maltesa no primeiro tempo e soube capitalizar o desgaste infligido no adversário para consolidar o resultado e a sua prestação na segunda metade.

43 comentários:

Delane Vieira disse...

Durante a sua segunda época no Sporting, comentava-se que estaria um pouco mais pesado e que teria tendência para engordar. É verdade ? Como lida com isso?

Oiço, e passa. Sou um jogador bastante forte e não posso perder muito peso. Se o fizer, ficarei muito fraco, e isso prejudica. Eu sinto-me, depois, muito fraco no próprio corpo. Ao fazer os testes, verifica-se que sou um jogador com muita massa muscular. Já tentei perder peso, perco com facilidade, ainda mais agora com uma mulher que é nutricionista. Ela controla o meu peso e faz tudo. Já tentei perder peso, mas depois sinto-me fraco, o corpo não corresponde. As pessoas falam, mas eu sei como estou. Sinto-me bem, e isso é importante para mim.

Delane Vieira disse...

Tem algum prato preferido?

Gosto de comida caseira. Arroz, feijão... e não troco carne por nada. Em qualquer refeição, tem de haver carne. Cozinho um pouco, tento salvar-me.

antes morto que vermelho disse...

phodasss! lá vem o cavalo outra vez com a estupidez do copy-paste, e com a mania que tem graça... alguém que esventre esta barata de esgoto!

sobre o jogo, vi a espaços e pareceu-me que malta era tão má, que não deu para formar uma opinião sobre a exibição de portugal.
destaco pela positiva bosingwa e pela negativa essa grande "vedeta" que lhe chamam nani, tem a mania que é o CR7, tem a mania que é muito bom e não passa de um saco de peneiras. este gajo dentro de 2 anos está a seguir a pisadas dum tal de boa-morte, no fulham.
uma última nota para antunes que não achei tão mau como o bermelho arrotou. já em tempos eu tinha dado esta alternativa para o lugar de defesa esquerdo, a que o bermelho disse que eu devia estar a brincar, mas que alternativas restam? o paulo f.? alguma invenção scolariana? de uma vez por todas: o defesa esquerdo tem que ser canhoto!

VermelhoNunca disse...

Vi com pouca atenção o jogo da selecção. Boa 2ª parte. Vitória justa.
Faço notar que , e não sei se a descrição dos principais lances é da autoria do administrdor, o lance referido como mergulho de cabeça de Nuno Gomes, não está correcto. Nuno Gomes executou esse centro, para o mergulho de outro jogador, que não sei quem era.
Também me pareceu que dois dos golos da selecção são apontados em fora de jogo.O de Nani seguramente e o de Hugo Almeida também me dá essa ideia.

VermelhoNunca disse...

Verifico que as principais incidências do jogo são fonte Record. Errou no tal lance de Nuno Gomes, ao referir um bonito voo de Nuno, quando este tinha efectuado o centro.Nada a que não estejamos habituados, estes erros dos ditos jornalistas.

antes morto que vermelho disse...

"Nada a que não estejamos habituados, estes erros dos ditos jornalistas" os quais vermelho acredita, como se se tratasse de uma lei do código civil.
enfim, mais do mesmo!

nunca: suazo, esse proscrito do inter, afinal, é outro pélé, segundo é vomitado hoje na bola, sob o titulo: "Suazo é um lider!". este arroto não foi já realizado quando da contratação do Balboa?

Os jornalistas devem ter no pc uma pasta chamada benfica, e depois têm 2 ou 3 "minutas"/ficheiros, sobre os jogadores, em que os campos em branco, são para colocar os jogadores do curralense...

VermelhoNunca disse...

Não lhe chamam Pantera, Macaco?

antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Tambem ví a espaços o dito jogo.O tal mergulho penso ser de Maniche.
Boa vitória e justa contra uns inerranáveis Malteses.
O comentador estava totalmente eufórico com o empate da Suecia na Albania.
Como se fosse uma grande surpresa!!!
Nos ultimos 5/10 anos tem sido muito dificil ganhar na Albania.A ver o que fazemos lá!
Agora é fundamental ganhar á Dinamarca!

Mestrecavungi disse...

Macaco:
Não esquecer que Suazo é licenciado em Informática!

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, deve estar todo contente com o roubo de secretaria que vitimou Hamilton, que depois de uma brilhante corrida, viu ser-lhe aplicado uma penalização de 25 segundos, perfeitamente escandalosa, de modo ao Ferrari ganhar.

antes morto que vermelho disse...

xungo: estávamos a necessitar da barbaridade, só aqui estava o teu hetrónimo, "doninha viada", que não tem piada nenhuma, é um cavalo-capado.
Esqueci-me de falar no comentador, aquele sousa martins é um anormal, reparáste a forma como ele anunciava o jogo de 4º feira e no final dizia" mas antes, na 3 feira...", disse isto 43 vezes!
o cavalo esqueceu-se qua a última vez que portugal jogou com a albania, no restelo, ganhou com muita dificuldade, penso que por 1-0 ou 2-1, com golos do pauleta (como era um jogo amigável o pauleta marcava), o treinador deles era o hans peter briegel, se calhar o cavalo da tvi, ainda pensa que o ever honcha está no poder, na albania.

nunca: em tempos de falta de heróis na f1, o xungo voltou-se para o kimi, mas como foi um ferrari a ganhar no pasa nada, é aquela estupida associação que há entre a ferrari e o benfica, que só existe naquelas monas.
não vejo f1 (não tenho sportv), só vejo motogp.

VermelhoNunca disse...

Há no entanto uma quase surpresa, uma vez que a Itália ganhou em Chipre, por 2 a 1, apenas marcando o golo da vitória ao minuto 93.

Vermelho disse...

Amigo Nunca:
Concordo contigo quanto à F1.
Lamentável!

Quanto ao Chipre, há que atentar na evolução do seu futebol.
O Anorthosis estará na Champions.
O investimento tem sido grande e parece estar a dar frutos.

p.s. é o País para o qual mais exportamos a nossa mão de obra futebolística - julgo que serão 45 os portugueses a alinhar no campeonato cipriota.

antes morto que vermelho disse...

mas a itália arrasta-se há algum tempo, só mesmo os tugas é que levam nas lonas, constantemente.

" (angel) di maria interessa, em janeiro, ao real madrid", o que está o comandante costa a pensar?

Jimmy Jump disse...

Destaco a coerência matemática do discurso do jogador do ESporting: “Sou um jogador bastante forte e não posso perder muito peso. Se o fizer, ficarei muito fraco, e isso prejudica” (Já no passado Pedrosa e Barbosa queixavam-se exactamente do mesmo). Perante o exposto faz todo o sentido que à mesa o profissional tudo faça para manter a forma, e para tal nada melhor que uma (s)* valente (s) pratada (s) de “Arroz, feijão... e não troco carne por nada” para cimentar aquela massa muscular. (Já o Barbosa preferia as proteínas dos croissants)
Um profissional brioso este Roca. Sabe que a história naquele clube tem um peso.
Só esta dedicação permitiu que a tradição de décadas se tivesse mantido. O puto Veloso é garante de um futuro assegurado.
O novo estádio é o culminar da imagem ambicionada por aquele clube, assente no lema: pelo menos um cagueiro gigante para um WC gigante… com azulejos coloridos!

antes morto que vermelho disse...

lá vem o boi vermelho. lá está a ele a tentar ser engraçadinho... phodasss este jimmy podia, era ir para o circo walter dias, quando da tourne em áfrica. podia também ser acompanhado, por 3 negros muito dotados

VermelhoNunca disse...

Não foi nesse WC gigante que o Benfica saiu com trampa até aos ossos no ano passado, naquela brilhante noite das meias finais da Taça de Portugal?
Dá sempre jeito ter uns sanítários de qualidade, para podermos brindar os lampiões com um banho de merda, sempre que nos visitam.

Jimmy Jump disse...

Condómino arroto siamês AMQV pegue você mesmo nas suas palavras fetiche do tipo “kukula”, “engolimento”, “5ª pata do boi” “cavalos”, “sodomizado” e faça você mesmo um festim inesquecível.
Lamba os dedos no final!
Já dizia a mãe do Visconde da Apúlia: filho, aquele que fala no muito no barco fá-lo porque quer embarcar!
Santa sapiência!...

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Será desses baldes de merda que o Roca se alimenta para não perder peso e ficar cada vez mais forte?

Delane Vieira disse...

Snr. Jimmy:
A Santa da mãe do Capitão Moura acrescentava: "filho, aquele que fala no muito no barco fá-lo porque quer embarcar ou porque já embarcou e adorou!
Santa sapiência!...

Jimmy Jump disse...

...leve consigo o Condómino Neverland!

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Esta problemática escatológica preocupa-me.
Quem produz a merda que se consome em Alvalade?
Será o Roca?
Não deve ser, é que se fosse por muito que comesse, iria perder muito peso e ficaria muito fraco tal a quantidade de merda que ali se produz.

antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jimmy Jump disse...

Condómino Delane, não sei quem produz a merda de Alvalade, mas aquele que a produz cá no blog está devidamente identificado, na pessoa do execrável (já que falamos de resíduos sólidos, achei por bem empregar este adjectivo,) Arroto AMQV!
Esta criatura aberrante é ela própria uma ETAR, que consegue tratar e reutilizar a merda ao mesmo ritmo alucinante a que a gera.

Delane Vieira disse...

Snr. Jimmy:
De acordo, mas devo acrescentar o Costanza, o Peter Pan e o rafeiro bofia Rex.

vermelhosempre disse...

Amigos Delane e Jimmy.. já concordei com vcs em muita coisa aqui no blog.. mas essa do AMV ser a pior merda que por aqui anda.. é a maior verdade que já foi aqui dita hoje.

Saudações benfiquistas

antes morto que vermelho disse...

estes dois bois lampiões lembram aquele velhote, numa telenovela (penso que O Casarão) brasileira, que tinha merda na banheira e que a estava sempre a mexer, na esperança daquilo se transformar em ouro.
ao contrário, estes dois grunhos, vivem nessas banheiras de merda, submergidos, a maior parte das vezes!

antes morto que vermelho disse...

ui, chegou o mongoloide!

VermelhoNunca disse...

Aconselhava alguma moderação aos condóminos que se estão a degladiar em redor do tema trampa, não por se puderem sujar, mas porque , propondo a saida deste espaço de vários outros condóminos, incluindo eu próprio, estão a levar a que este espaço se torne um deserto. Nós ja não somos muitos, mas se quiserem ficar os 3 elementos benfiquistas a falarem uns para os outros, é só avisar. Talvez prefiram que assim seja: um de vós arrota e o outro diz ámen.

antes morto que vermelho disse...

madeiro: agora que decorrem os JO para deficientes, o seu grau de mongolismo deve permitir que participe em algumas provas. em qual é que vai participar?

Já aqui tenho o seu hino, caso ganhe alguma prova:

"Mongoloid he was a mongoloid
Happier than you and me
Mongoloid he was a mongoloid
And it determined what he could see
Mongoloid he was a mongoloid
One chromosome too many
Mongoloid he was a mongoloid
And it determined what he could see
And he wore a hat
And he had a job
And he brought home the bacon
So that no one knew
Mongoloid he was a mongoloid
His friends were unaware
Mongoloid he was a mongoloid
Nobody even cared"

VermelhoNunca disse...

DEVO...belo som Macaco.

Jimmy Jump disse...

Condómino Neverland, tem alguma razão naquilo que diz.
Convém todavia ter o mínimo de coerência para evitar cair no ridiculo.
Relembro-lhe que quem lançou para o debate o tema "merda" foi você!
Relembro-lhe igualmente que na maior parte dos assuntos está em plena sintonia!? com o Arroto AMQV, que é apenas e só a maior aberração da blogosfera!...
Como vê, perdeu uma boa oportunidade de estar calado!

VermelhoNunca disse...

Claro que fui eu, condómino Saltitão. ALiás fui eu que falei em WC'S e em cagueiros.
Quanto ao facto que eu estar de acordo ou em desacordo com o Macaco, a si não lhe diz respeito. Eu não comento o facto de você concordar com A ou B. Está no seu direito.

antes morto que vermelho disse...

ao bastardo jimmy, aqui tem o seu "credo":

"Out go the lights
In goes my knife
Pull out his life
Consider that bastard dead
Get on your knees
Please beg me, please
You're the king of the sleaze
Don't you try to rape me

Bastard
Consider that bastard dead
Bastard
Won't get screwed again

Bastard
Make it quick, blow off his head Got your neck in the noose
I got nothing to loose
We're really gonna screw you
Consider that bastard dead
Quick as a shark
Beast has its mark
You can't beat the dark
Don't you try to rape me"

VermelhoNunca disse...

Novamente bom som Macaco...Tálica

VermelhoNunca disse...

Quero acrescentar-lhe, condómino Saltitão, que você, em opinião ao artigo colocado pelo nosso administrador, veio defender a tese do peso do jogador Roca, e a sua influência para a construção do estádio de Alvalade. Esclarecedora a sua opinião sobre o jogo de Portugal em Malta.
Se eu me guindasse pelos argumentos do Macaco, pode crer que lhe responderia à altura.

vermelhosempre disse...

AMV.. esse seu comentário mostra uma tremenda falta de respeito pelos nossos paralimpicos, o que vindo de quem vem n me espanta nada. Importante será referir que todos eles tem muito mais capacidades que vc, que n passa de um ser degradante que por aqui vagueia e solta uns valentes urros na maior parte das vezes que tenta comunicar.

antes morto que vermelho disse...

nunca: motley crue

antes morto que vermelho disse...

madeiro: perguntar em que competição vai entrar, qual o seu grau de deficiência e oferecer-lhe um hino é falta de respeito?
ainda não lhe disseram que sofre do sindroma de down?
o madeiro não está na china? pergunte aos seus dois seu companheiros de quarto (jimmy e o doninha), onde está.
eu dou-lhe uma pista: Está no país do "aloz blanco"!

Zex disse...

Só agora pude vir a este espaço.
E ainda bem que não pude consultá-lo mais cedo.
De facto, como disse Nunca, entregue a esse dois senhores (Jime e Vieira) este blog não vai longe. A conversa que hoje aqui mantiveram sobre trampa é digna de figurar nos anais de uma qualquer ETAR...
Continuem assim que vão conseguir matar este espaço, ou transformá-lo, se calhar naquilo que o seu mentor tinha em mente quando o criou: um antro exlusivo de lampiões.
Boa tarde !