quarta-feira, setembro 10, 2008

Portugal - 2 Dinamarca - 3

Constituição das Equipas e Avaliação Quantitativa do Desempenho

Estádio José Alvalade, em Lisboa

Árbitro: Howard Webb (Inglaterra)

PORTUGAL – Quim (2); Bosingwa (4), Pepe (3), Ricardo Carvalho (3) e Paulo Ferreira (4); Deco (5), Raul Meireles (3) e Maniche (2); Nani (3) (João Moutinho, 87 m), Hugo Almeida (3) (Danny, 71 m (2)) e Simão (3) (Nuno Gomes, 71 m (2)).

DINAMARCA – Andersen (4); Jacobsen (3) (Silberbauer, 44 m (3)), Laursen (2), Agger (3) e Andreasen (2) (Bernburg, 88 m); Daniel Jensen (3), Tomasson (3) e Christian Poulsen (3); Rommedahl (3), Bendtner (3) e Lovenkrands (2) (Borring, 70 m (1)).

Ao intervalo: 1-0

Golos: 1-0, Nani (42 m); 1-1, Bendtner (83 m); 2-1, Deco (85 m, de grande penalidade); 2-2, Poulsen (89 m); 2-3, Daniel Jensen (90 m).

Resultado final: 2-3

Cartão amarelo a Nani, Tomasson e Danny.

Sistemas Tácticos

Portugal


Dinamarca


Modelos de Jogo

Portugal

Posse e Circulação de Bola; Domínio e Controlo da Partida; Bloco subido; Assumir Iniciativa de Jogo.

Dinamarca

Expectativa; Bloco subido; Pressão Alta; Transições Rápidas.

Principais Incidências da Partida (fonte: www.record.pt)

2' - Bendtner desperdiça uma ocasião soberana. Arrancando em linha com o penúltimo defensor (Ricardo Carvalho), o avançado isola-se, passa por Quim e, de ângulo já apertado, atirou ao lado, com a bola a bater ainda no poste. Que calafrio logo a abrir.

4' - Primeiro canto do jogo, com a bola a chegar à pequena área lusa. Com a defesa nacional algo perdida, os forasteiros não conseguiram rematar.

5' - Boa descida de Paulo Ferreira pelo corredor esquerdo, com o lateral... direito do Chelsea a obrigar o "keeper" contrário a grande defesa. Canto para Portugal.

22' - Canto para a Dinamarca. Rommedahl passa para a entrada da área, surge o pontapé e depois a bola tabela em Raul Meireles. O efeito quase engana Quim que, contudo, resolve com os pés.

25' - Grande lance de Deco, tirando os defesas da frente para depois, em jeito, rematar ao poste mais distante. A bola sai ligeiramente ao lado.

33' - Forte pontapé de Bosingwa, de pé esquerdo, com a bola a passar perto do alve. Destaque para mais um bom passe de Deco.

40' - Mais uma boa ocasião para a Dinamarca. Lovenkrands, em contra-ataque, ganha no "1x1" com Bosingwa, escorrega, levanta-se e remata com a bola a passar perto do ângulo. Quim nada podia fazer.

42' - GOLO DE PORTUGAL... NANI. Jogado do lado esquerdo, com Paulo Ferreira a soltar para Hugo Almeida que, no limte do fora de jogo, foge aos defesas. De seguida, o dianteiro do Werder Bremen cruzou para o coração da área contrária onde o jovem futebolista do Manchester United aparece, que nem uma seta, a desviar para a rede.

52' - Excelente ocasião desperdiçada por Simão. Após boa solicitação de Hugo Almeida, o capitão fugiu aos defesas, entrou na área e "disparou" forte. Só que a bola saiu por cima.

56' - Nani falha o 2-0! Passe de Bosingwa a deixar o jogador do United em boa posição dentro da área contrário. Com classe, o extremo "varreu" Laursen, mas rematou frouxo.

59' - "Slalom" de Rommedahl pelo lado direito, deixando Paulo Ferreira "nas covas". O dinamarquês, contudo, adiantou em demasia o esférico e já não conseguiu o cruzamento.

67' - Mais um canto (o sexto) para Portugal. Pepe, ao segundo poste, falha a emenda por pouco.

71' - "Estoiro" de Raul Meireles à figura de Andersen.

74' - Contra-ataque de Portugal, com Danny, completamente isolado por Deco, a "picar" a bola por cima do guardião mas a fazer a bola passar ao lado da baliza.

77' - Nuno Gomes erra a escassos metros da rede. Deco serviu Nani e este cruzou para o avançado que atirou por cima.

84' - GOLO DA DINAMARCA... BENDTNER. Bom lance individual do dinamarquês que, após tirar o defesa da frente, atirou cruzado e sem hipóteses para Quim.

86' - Penálti para Portugal. Nuno Gomes aprestava-se para cabecear quando foi empurrado.

86' - GOLO DE PORTUGAL... DECO de grande penalidade. Remate colocado, sem hipóteses para Andersen que, mesmo adivinhando o lado, nada conseguiu fazer

90' - A Dinamarca "cheira" o empate. Vale um corte providencial de Raul Meireles.

90' - GOLO da DINAMARCA... POULSEN. Na sequência do canto, Quim sal mal dos postes e o dinamarquês desviou para a rede

90'+2 - GOLO da DINAMARCA... JENSEN. Pontapé da zona central que, ao embater em Pepe, trai Quim

Destaques

Melhores em Campo

Portugal

Deco - Simplesmente notável a exibição do luso-brasileiro. A roçar a genialidade!

Bosingwa - Rápido, senhor de boa técnica, revelou uma condição física invejável, que lhe permitiu fazer todo o corredor com idêntica eficácia.
Defendeu e atacou sempre a alta rotação, com equilíbrio e a bom nível.

Paulo Ferreira - A surpresa de Queirós aportou à defesa portuguesa o equilíbrio de que carecia.
A propósito de Antunes, escrevi que "Ou Queirós consegue descobrir outro especialista ou então terá que pensar seriamente no regresso às adaptações que marcaram a lateral esquerda da selecção nacional após o abandono de Nuno Valente".
Impecável a defender, expedito e resoluto a atacar, exibiu-se de forma segura e dinâmica.

Dinamarca

Andersen - Numa equipa que valeu, sobretudo, pelo espírito de grupo e pela perseverança, destaco o habitual suplente de Thomas Sorensen pela segurança e serenidade que revelou.

Piores em Campo

Portugal

Quim - Até estava a alardear a costumeira tranquilidade e segurança, quando ofereceu o 2º golo aos dinamarqueses. Um "frango" inadmissível num guarda-redes da sua categoria.

Maniche - No regresso à titularidade na selecção, desiludiu.
Incapaz de preencher ofensivamente o espaço entre Meireles e Deco, acentuou, de sobremaneira, as enormes dificuldades que Portugal encontrou em ligar movimentos atacantes colectivos.
A sua substituição ao intervalo impunha-se.

Dinamarca

Andreasen - Esteve certinho durante 85 minutos. Nesse período, não destoou dos demais.
Todavia, aos 86 minutos, cometeu um penalty sobre Nuno Gomes
tão claro quanto infantil.

Lovenkrands - Nunca ofereceu ao seu flanco a profundidade que a sua qualidade e as expectativas de Morten Olsen exigiam.

Arbitragem

Exemplar.

Comentário

Quem não mata, arrisca-se a morrer...

Portugal construiu oportunidades de golo em número suficiente para vencer não um, mas dois ou três encontros. Desperdiçou-as ingloriamente e expôs-se à imprevisibilidade própria de qualquer jogo.
Seja como fôr, esta noite, em Alvalade, assistiu-se a um excelente jogo de futebol.
Vivo, intenso, dinâmico e emotivo.
Com um grande protagonista: Deco. Portugal foi uma orquestra de um homem só.
Queirós havia pedido magia e o luso-brasileiro fez-lhe a vontade.
Fazendo jus à sua matriz tradicional, a Dinamarca, ainda que haja apostado num modelo de transições rápidas, apresentou um bloco bem subido, executando uma pressão alta, que entorpeceu a transição ofensiva lusa.
Os dinamarqueses lograram anular o 1º momento de construção, obrigando Portugal a recorrer, muitas vezes, ao jogo directo.
E como Maniche se revelou incapaz de preencher ofensivamente o espaço entre Meireles e Deco, Portugal sentiu enorme dificuldades em ligar movimentos atacantes colectivos.
Não obstante, sempre que Portugal ultrapassou a 1ª linha defensiva dinamarquesa e a bola encontrou os pés mágicos de Deco, os dotes de prestidigitador do luso-brasileiro construíram momentos sublimes de futebol que desaguaram em não menos flagrantes ocasiões de golo.
Sempre que Deco conquistou "segundas bolas" ou recuou para a linha de Maniche, assumindo o 2º momento de construção ofensiva, Portugal refulgiu.
Curiosamente, a selecção nacional alcançaria o seu 1º golo num lance em que Deco não interveio.
Uma magnífica combinação entre Simão, Paulo Ferreira e Hugo Almeida, que culminou nos pés de Nani.
Ao intervalo, Portugal vencia e convencia.
Com excepção dos minutos iniciais, período no qual poderiam ter agregado vantagem no marcador, o momento ofensivo dinamarquês foi pouco mais do que estéril.
No reatamente, a partida decresceu de intensidade, mas não de qualidade.
Portugal, em vantagem, preferiu descer o bloco e entregar a iniciativa ao adversário.
Percebeu-se que Queirós pretendia capitalizar a velocidade dos seus elementos mais avançados e eventuais erros do adversário.
A Dinamarca não se fez rogada ao convite português e assistiu-se a uma inversão das premissas iniciais - se antes havia sido a Dinamarca a apostar na expectativa e nas transições rápidas, agora era Portugal que adoptava tal postura.
E o certo é que até ao golo do empate dinamarquês, foi Portugal que recolheu mais dividendos desta alteração de paradigma.
Simão, Danny e Nuno Gomes dissiparam evidentes oportunidades de golo e à medida que a partida se encaminhava para o seu terminus adivinham-se problemas para Portugal.
Tanto esbanjamento, muito raramente, se revela inócuo. E, esta noite, não foi excepção!
Num lance de futebol escorreito e simples, Bendtner igualou.
A auto-estima lusa abanou, mas não soçobrou e, escassos minutos volvidos, em mais uma jogada magistralmente iniciada por Deco, Nuno Gomes foi abalroado na grande área.
Penalty que Deco transformaria, devolvendo a superioridade no marcador a Portugal.
Restando 4 minutos para finalizar o desafio, poucos seriam aqueles que acreditariam ser a Dinamarca capaz de empreender uma reviravolta no resultado.
Mas, foi-o.
Um verdadeiro golpe de teatro.
Primeiro, aos 90 minutos, na sequência de um canto, Poulsen antecipou-se a Quim (muito mal batido) e de cabeça fez o 2-2. Depois, aos 92 minutos, Jensen rematou de meia-distância, a bola embateu em Pepe e anichou-se nas redes de Quim.
Injusto?
Não me parece ajustado falar-se de iniquidade.
Se Portugal foi muito superior à Dinamarca na qualidade do futebol exibido, os dinamarqueses foram muito superiores a Portugal na eficácia finalizadora e na capacidade de aproveitamento dos erros do adversário, ou seja, "apenas" nos dois aspectos mais importantes do futebol moderno!

91 comentários:

JorgeMínimo disse...

Cavalheiros:

Quim que eu tenho a ver com isto?

vermelhosempre disse...

Ontem assistiu-se realmente a um bom jogo de futebol, e que bom que era se o jogo tivesse apenas 84m. Mas n tem, e Portugal com tantas oportunidades desperdiçadas apenas se expôs aquilo que ng estava à espera, ou seja, a reviravolta dos Dinamarqueses.

Para isso mt contribui o peru do Quim (a fazer lembrar o Ricardo Voz de Galinha), para além dos inúmeros falhanços (alguns escandalosos) dos nossos jogadores.

Em relação aos jogadores tb destaco a exibição do Deco, simplesmente fantástico e a do Raúl Meireles. Pela negativa Quim (pelo frango), Nuno Gomes, Danny, Simão e Nani pelos falhanços.

PanKreas disse...

Onde estão os defensores do Quim?
Afinal o Ricardo não é asim tão mau!

vermelhosempre disse...

Caro Pankreas, não se trata de defender o Quim, a questão é que ontem ele meteu água, mas não é por isso que deixa de ser o melhor guarda-redes português da actualidade.

COPY PASTE disse...

"Queiroz deixou o comando da equipa das ''quinas'', no dia 17 de Novembro de 1993, denunciando na altura a necessidade de ''varrer a porcaria'' que havia na FPF, após falhar a qualificação para o Mundial de 94.

Ontem a selecção falhou... Falhou muito mesmo, depois de ter estado em vantagem durante 83 minutos de jogo. Nesses minutos marcou um golo e falhou pelo menos mais 4 tentos daqueles óbvios. Não foi Queiroz que falhou os golos... Mas foi Queiroz que nos últimos minutos não soube "arranjar" a equipa para proteger as zonas de perigo. Foi Queiroz que não soube sair de um esquema que até então funcionara muito bem, mas que depois tinha de ser retficado para a posição defesa a todo o custo!!!

Portanto caro Queiroz, vamos lá ver... Anteontem os sub-21 penteados falharam, ontem os AA (não são os alcoólicos anóninos embora por vezes disfarcem muito mal) falharam também...

Que a FPF continua cheia de porcaria, que com o passar do tempo se transformou em merda, nós já sabemos, mas olhe que as boas desculpas só se usam uma vez, senão pode-se cair no ridículo da incompetência!"

IN:benficaatemorrer.blogspot.com

VermelhoNunca disse...

Vi o jogo. Bom jogo, bem disputado. Portugal peca na defesa, não sabe defender, a começar pelo guarda-redes, que na óptica do administrador mereceu nota 2, quanto a mim merecia 0. Não teve trabalho, e quando o teve falhou. Uma defesa a evitar auto-golo de Meireles, onde revelou reflexos. Depois, falhou no 1º golo da Dinamarca, sendo mal batido( deixou-se cair, não mais que isso) e abriu o livro no 2º golo da Dinamarca. É uma questão técnica, de saída dos postes. Um problema que Ricardo também apresentava. No conjunto a selecção defendeu mal, permitindo que a Dinamarca criasse muitos lances de perigo.
O melhor em campo, Deco, e Hugo Almeida, que tudo deu à equipa, defendendo melhor que muitos e estando envolvido em vários lances perigosos de ataque( o pior viria depois, com a entrada da Nulidade, que apenas se passeou em campo, talvez para somar mais uma internacionalização). O pior em campo, Quim.

Delane Vieira disse...

Snr. Vermelho:
Foi um dos melhores espectáculos de futebol, com resultado a condizer, a que assisti nos últimos anos.
Mil vezes perder como hoje do que empatar como ontem.
Quando, nos minutos finais, o Quim resolveu fazer de Ricardo faltou-nos a Nossa Senhora do Caravaggio para nos valer.
Foi pena!

Delane Vieira disse...

Snr. Cavungi:
Não tive oportunidade de lhe responder ontem, mas faço-o com todo o prazer hoje.
Sim, Não, Não!

VermelhoNunca disse...

Hoje não se destaca a presença de Luisão na equipa principal do Brasil. Porque será? Empataram em casa, a zero, com a Bolívia, última classsificada? No último jogo grandes títulos, apontavam Luisão a titular na vitória do Brasil, hoje nada se diz.

vermelhosempre disse...

Amigo Nunca, não percebo esse seu ultimo comentário, uma vez que o Luisão jogou a titular e o Brasil não sofreu golos. Onde está o problema???

VermelhoNunca disse...

Claro está, que em contraponto, temos Suazo a brilhar na vitória contra a Jamaica. A ração diária para os lampiões não poderia faltar. Que vos faça bom proveito.
Um abraço especial para o amigo Iran Cavungi Costa, mais o seu equipamento personalizado, o seu lugar cativo e o seu kit-sócio. Quanto ao equipamento personalizado, que dirá nas costas? Pombo? Curral? Iran Cavungi? Cavungi Maya? Caras Cavungi Lindas?

VermelhoNunca disse...

Amigo Sempre, eu sei que jogou a titular. A questão é que o Brasil não ganhou, empatou com o último, foi vaiado como nunca, e isso não faz notícia. Notícia é quando ganha com Luisão em campo. Digo isto em jeito de provocação, porque estou a borrifar-me para o Luisão e para o resultado do Brasil.
Importante agora são as Honduras, isso sim.

antes morto que vermelho disse...

nunca: não se fala no cabeça-bicuda, fala-se do suazo que foi importantissimo na vitória da sua selecção. nem que eles tivessem um vietnamita na equipa (um futuro maradona) dizia-se sempre que era pedra fundamental na selecção de... henrique calisto.

antes morto que vermelho disse...

quanto ao jogo, antes de mais "dar a mão á palmatória", a bermelho, pela troca de antunes por ferreira, pelo que ferreira ontem jogou, antunes pode ir para a sardenha descançar.
pela positiva, além do ferreira, deco, esse sim um "playmaker", o melhor (como é ue o barça o deixa sair por 10 milhões? em saldo?).
Pela negativa, joaqbreca (mas quem é que oferece mais garantias?) e nulo, impressionante a oportunidade de golo que, com a baliza escancarada (tipo sérvia), manda por cima... uma miséria!
Não concordo com bermelho quando diz que o maniche esteve mal...

sobre a dinamarca, apenas referir que já não há equipas de loiros, altos e toscos... o cavalo da tvi dizia, todo contente, que a suécia empatou na albania, já não há jogos fáceis. até o luxemburgo ganhou á suiça.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Sempre será melhor interessar-se pelas Honduras do que pelo Montenegro.
É que se não for pelas Honduras ou pelo Montenegro não estou a ver outra selecção.
Com excepção de Vukcevic - que por vontade do Paulo risco ao meio Bento já se tinha ido embora - nenhum, repito nenhum outro jogador do plantel principal do Sporting jogou como titular pela selecção nacional do seu País.
Os seleccionadores nacionais andam todos a dormir, especialmente o Dunga que não convocou esse mago do futebol mundial de seu nome Roca.
Ah e mesmo como suplentes utilizados só o Moutinho e por 3 minutos.
Reconheço que Moutinho teve um papel muito importante no jogo - quando entrou Portugal vencia e depois da sua entrada, em 3 minutos sofreu 2 golos.

VermelhoNunca disse...

Confira os seus dados das equipas titulares e verifique quem foi o melhor em campo de uma selecção que ontem perdeu por 2 a 1. E depois faça questão de dizCom excepção de Vukcevic - que por vontade do Paulo risco ao meio Bento já se tinha ido embora - nenhum, repito nenhum outro jogador do plantel principal do Sporting jogou como titular pela selecção nacional do seu País.er:"

antes morto que vermelho disse...

mongoloide: ainda no país do plato numelo tlinta e tles?

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Pensava que esse já não fazia parte do plantel.
Em 25 arranjou mais um.
Espectáculo.
Quanto ao melhor em campo, farto-me de rir.
Quando os jornais fazem elogios aos jogadores do Benfica é a ração diária para os benfiquistas engolirem e quando fazem aos jogadores do Sporting ao ponto dos seus adeptos gritarem bem alto que um jogador do seu clube foi o melhor em campo é o quê?

vermelhosempre disse...

Chupador de Vermelhos: Ainda n percebeu que o unico Mongolóide é vc???

VermelhoNunca disse...

Trata-se apenas de ser objectivo nas afirmaçóes que aqui se colocam
1- Vukcevic não foi titular pela sua selecção;
2- Vukcevic não foi o único jogador do Sporting que esteve envolvido em jogos de ontem.
Ponto final parágrafo.

Delane Vieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
VermelhoNunca disse...

Este Benfioa está sempre no topo do mundo.
Sobre a transferência de Di Maria:
"De acordo com o dirigente argentino “constatou-se que em Julho de 2007, quando o Benfica pagou o passe do jogador, num total de 5,5 milhões de euros, transferiu 1,1 milhões a mais. Assim sendo, o Central deveria ter devolvido esse valor, algo impossível nessa altura. Por esse motivo, os portugueses recusaram pagar cinco prestações de 123 mil euros cada. A meio das negociações fizeram uso da opção de compra da mais-valia (20 por cento restantes), portanto devem pagar os 900 mil euros que faltam dos dois milhões"

Pagaram 1 milhão a mais!!! Enganaram-se a fazer as contas? Mas isto cabe na cabeça de alguém, a não ser de adeptos lampiões?

VermelhoNunca disse...

Quando não se sabe, tenta saber-se, ou então opta-se pelo silêncio.
Para fazer figura de engraçado já basta o Cavungi Caras Lindas.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Tá a ver. Nem sabia.
Então, vamos a contas:
Dos 25 jogadores do plantel, só foi titular da sua selecção o que Paulo risco ao meio Bento não quer que pertença.
Fantástico.
Os seleccionadores nacionais andam todos a dormir, especialmente o Dunga que não convocou esse mago do futebol mundial de seu nome Roca.
Ah e mesmo como suplentes utilizados só o Vukcevic e o Moutinho, este por 3 minutos.
Reconheço que Moutinho teve um papel muito importante no jogo - quando entrou Portugal vencia e depois da sua entrada, em 3 minutos sofreu 2 golos.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
As declarações do Presidente do Rosário Central são falsas?
Bem me parecia.
A diferença resulta do facto do Rosário Central estar sob controlo judicial quando transferiu o Di Maria.
Quando não se sabe, tenta saber-se, ou então opta-se pelo silêncio.
Para fazer figura de engraçado já basta o Cavungi Caras Lindas.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Quando os jornais fazem elogios aos jogadores do Benfica é a ração diária para os benfiquistas engolirem e quando fazem aos jogadores do Sporting ao ponto dos seus adeptos gritarem bem alto que um jogador do seu clube foi o melhor em campo é o quê?

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Diga-se que aquilo que o Snr. faz em relação às notícias do Sporting não é engolir é sorver de um só trago.

VermelhoNunca disse...

Sem querer alimentar esta conversa, leu alguma declaração minha que o guarda-redes sérvio tinha sido considerado o melhor em campo pelos jornais?
Quem o disse foram os comentadores do Eurosport, quando ontem deram o resumo do jogo. Que fique elucidado.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca
Completamente diferente.
Faz toda a diferença quando são os comentadores do Eurosport.

VermelhoNunca disse...

Mas fiquei esclarecido. O Rosário Central estava sobre controlo judicial e portanto o Benfica pagou 1,1 milhão e mais por Di Maria.
Ou será que por estar sobre controlo judicial não podia devolver essa verba, paga a mais?
Porque o que diz o presidente do Rosário é que o benfica pagou a mais, indevidamente. A questão da devolução da verba é postrior.

VermelhoNunca disse...

Sinceramente não tenho paciência para conversar consigo.
Aliás tinha-o dito na semana passada.
Passe bem e discuta entre os seus.

antes morto que vermelho disse...

madeiro: não sou eu que estou na china a participar no torneio de bossia... não sou eu que engulo tudo, o que vem lá dos lados do curralense... não sou eu que estou sempre a referir aspectos escatológicos... não sou eu que tenho como hino uma musica chamada "Mongoloide", não sou eu que tem complexos de ser ilhéu... você é um "ab-normal"!

antes morto que vermelho disse...

nunca: não há pachorra para falar com algum desses "3 tristes lampiões", não percebo porque tecla para ele.
Se fosse o mongoloide mal educado, ainda vá que não vá, agora com o rei do copy-paste ou com o jimmy mama... não há paciência.

Delane Vieira disse...

Snr. Nunca:
Primeiro, o Rosário Central não estava sobre controlo judicial, mas sim sob. O Rosário Central não queria magoar o controlo judicial.
É que o Rosário Central ainda é pesado.
Sob - do Lat. sub
prep.,
debaixo de; no tempo; no governo de.
sobre - do Lat. super
prep.,
em cima de; depois de; além de; acerca de;
Segundo, a verba que o Benfica pagou foi judicialmente exigida.
Enganaram-se nas contas e o Rosário não pode devolver o dinheiro.
Quando negociaram os 20% do passe que faltava acertaram contas.

JC disse...

Tristemente o digo, voltaram os tempos das vitórias morais.

Os tempos em que Portugal realiza grandes exibições;
em que são convocados os jogadores que estão em melhor forma que depois falham golos de baliza aberta;
em que se fazem substituições que resultam em golos - para os outros.

Registei particularmente a enorme vantagem que foi ter Quim na baliza em vez do proscrito Labreca.

Percebi perfeitamente o porquê do regresso de Maniche ao onze titular.

Fiquei a saber que agora os jornalistas já entendem que Paulo Ferreira é uma boa solução para a esquerda.

E verifiquei a oportunidade e acerto das substituições operadas pelo Adjunto Queirós.

Enfim, voltou o azar.

PS: Alguém me sabe explicar porque é que, não obstante o art. 37º do Regulamento não sei das quantas, que estipula que
"será sujeito à penalização de jogo à porta fechada, o clube que vir um seu adepto agredir uma das pessoas que estão dentro do recinto de jogo"
o Benfica apenas foi punido com multa?

Mestrecavungi disse...

Voltou o Portugal Velho!
Voltaram as vitórias morais!
Voltou o futebol bonito!
Voltou a calaculadora!
Bye Bye South Africa 2010!
Há coisas do Carravaggio!

2 notas:
1-Quim, assumiu as culpas no 2ª golo.
Até que enfim alguem assume um fracasso na selecção.
2- Quando João Moutinho entrou em campo venciamos por 2-1.
Podemos dizer então que João Moutinho é o pai da Derrota.

Viva Scolari!
Viva Portugal!
Forca Vieira!

JC disse...

Mestre:
Quando a nova coqueluche Danny e Nulo Gomes entraram em campo vencíamos por 1-0.

JC disse...

Danny e Nulo Gomes serão os avós da derrota.

JorgeMínimo disse...

Cavalheiros:

Quim que eu tenho a ver com isto?

Mestrecavungi disse...

Naturalização para Liedson já!
Invoque-se o interesse publico!
Como é que é possivel um anumal como o Souness dispensar um jogador como o Deco?

JC disse...

Naturalização para Stoikovic, já!

JC disse...

Adjunto Queirós será o bisavô da derrota.

Mestrecavungi disse...

Portugal não perdia em casa( jogos oficias),desde 1993.Desde o 0-1 com a Itália.
Quem era o treinador?
Carlos "sem titulos" Queirós!
O merdas!

Mestrecavungi disse...

Quem é que limpa a porcaria agora?

Mestrecavungi disse...

Amigo JC,
Bem vindo.
Boas férias?

vermelhosempre disse...

Chupador de Vermelhos: Vc é o maior escarro da história de todos os blogues e o mongolóide sou eu??? Pô, cai na real.

Ps: Tem alguma coisa contra os ilhéus.. alguma frustração ou trauma de infância???

vermelhosempre disse...

"Naturalização para Stoikovic, já!" Então e o titular do seu clube, não é portuga???

VermelhoNunca disse...

Iran Cavungi, mais uma vez incorrecta a sua afirmação. Não perdia desde 1993 para apuramento do Mundial. Essas estatísticas valem zero. Não perdiamos em casa desde 1998, contra a Roménia, em jogos oficiais.

vermelhosempre disse...

Até parece que o Quim é o unico culpado da derrota de Portugal?? Os Anti-Benfiquistas estão-se nas tintas para a derrota de Portugal, pois há muito que esperavam era por um deslize do Quim. Ora vejamos: Mesmo com o frango do Quim, se Portugal tivesse concretizado pelo menos os 4 lances claros de golo, se o Bentdner não tivesse feito gato de sapato do Bosingwa no 1º golo, e se a o corte de bola (n sei ao certo quem o fez) que resulta no 3º não fosse tão mal feito, Portugal teria ganho por 6-1.

6-1 e querem crucificar o Quim pelo grande frango???

VermelhoNunca disse...

O 3º golo resulta de uma assistência de Nuno Gomes, para o dinamarquês, estou em crer. A bola depois bate em Pepe.
Na minha opinião, amigo Sempre, Quim é também culpado no 1º golo.
Não é ele o pai da derrota. É apenas o responsável máximo, mas como pediu desculpa, conforme nos informou Iran Cavungi, tudo está bem. Foi um erro apenas, mas tem razão ao apontar os erros dos nossos avançados.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Se o pai da derrota é o João Moutinho, o que dizer do Quim que deu um frango e do Nuno Gomes que falhou um golo de baliza aberta.

vermelhosempre disse...

Amigo Nunca, no 1º golo, na minha opinião a culpa é recai na integra sobre o Bosingwa, pese embora o facto de este ter escorregado (aliás, ontem vi muita gente a escorrgar, estva a chover em Lisboa???). Como é que é possível um lateral que vale 20M€ ser papado daquela maneira?? E depois quando o Bentdner remata, o Pepe está à frente do Quim. Dou mérito à colocação do remate, mas acho mt dificil, dadas as circunstâncias o Quim conseguir defender o remate, a nãop ser que já tivesse lá deitado, como teria feito o Ricardo Voz de Galinha.

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Tens toda a razão.Estava incompleta a minha frase.Estava danadinho para enterrar o falhado, que me atrapalhei!
Mea culpa.
E tambem perdemos em 2004 com a Grécia!

JC disse...

Saiu Scolari - para gáudio de muitos - e voltaram estas discussões:
- se Nulo Gomes não tivesse falhado aquele golo;
- se Bosingwa não tivesse sido papado;
- se Quim não tivesse frangado;
- se cá nevasse...

Eu já contava com isto!
Por isso gostava tanto de Scolari!
Falem-me de uma vitória moral com Scolari?
Nem uma!
Quando perdíamos - o que era raro - era porque jogávamos mal!
Ao menos isso!
Substituição de Scolari raramente não resultava em golo para nós!
Marcado pelo jogador substituto!
Agora é ao contrário!

O último Portugal-Alemanha é exemplo disso:
perdemos mas jogámos pior;
não falhámos golos de baliza aberta;
o substituto Postiga entrou e marcou um golo!

E, para finalizar, agora temos de gramar com o Adjunto de fato e gravata no banco!
Scolari, ao menos, ia de fato de treino para o banco - que é como deviam ir todos os treinadores!

Forca Adjunto Gravatas Queirós!

vermelhosempre disse...

Amigo JC, vc é que está para aí a falar em vitória morais.

Vermelho disse...

Amigos:
No âmbito das minhas funções de administração, gostaria de vos anunciar que amanhã haverá novidades sobre os passatempos do blog, designadamente no que respeita à Liga dos Astros.
Aceitei a sugestão do condómino Cavungi e já criei uma Liga no passatempo da Bola.
Também amanhã será publicado o post relativo aos jogos a palpitar no âmbito do Memorial Zandinga.
Mais explicações nos post´s a publicar amanhã.
Abraços.

antes morto que vermelho disse...

madeiro: brasileiradas... que bicheza! além de mongoloide, agora temos um mongoloide-rôto!! porque não fica aí a jogar bóssia 1-C21, nesse país do aloz xau-xau?
quando era pequenino fui "mordido" por um ilhéu e agora só quero que eles morram todos.
"Como é que é possível um lateral que vale 20M€ ser papado daquela maneira?" que bestialidade, a grunhice deve ser uma "maleita" da madeira!

xungo: quem falou em vitórias morais? quanto a mim os tugas perderam e "mai nada"!
e quando o queiroz apurar a equipa, para o mundial, vou pessoalmente ter contigo, para te meter o apuramento (sob o formato a bola) pelo cú acima!

vermelhosempre disse...

Chupista de Vermelhos: Eu acho é que vc tem um ilhéu metido nesse cu.. e outro atravessado na garganta.

antes morto que vermelho disse...

mongoloide: se calhar...
amanhã vou ser acusado de ter sido malcriado, quando o mongoloide é que o é! mas reparo com agrado que gosta muito de utilizar a palavra, cú, porque será?

vermelhosempre disse...

Coitado do Chupista de Vermelhos.. vai ser acusado de ser malcriado.. que injustiça, logo ele que n insulta ng. Por favor, alguém que o defenda porque o rapaz é uma vitima da sociedade, e principalmente deste blog.

Mestrecavungi disse...

Amigo JC,
E Scolari ainda defendia os mimnimos!
Dva umas peras nos adversários e tratava mal a comunicação social!
Gostava dele!

Mestrecavungi disse...

Amigo Vermelho,
Excelente!
Quanto ás tuas novas funções de apenas-administrador-só , dizer-te que não gosto.
Deves voltar a ser um administrador-activo-executivo!
Abraço.

Mestrecavungi disse...

Amigo Minimo,
O problema não é Quim , ou Patricio, ou até mesmo o frangueiro do Ricardo.
O problema é que faz hoje 20 anos, 11-09-88, que se estreou o Sr. Vitor Baía.
31 titulos nacionais e internacionais fazem dele o melhor guarda-redes português de todos os tempo, e um dos 5 melhores do mundo, como bem te lembras!
Esse é que faz falta!

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Só faltava esta. Agora acusas o nosso estimado Sr. Administrador de ser passivo? Não vales mesmo nada.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Estreou-se para a selecção num jogo de triste memória contra a Grécia, no tempo do Artur Jorge em que perdemos por 4-2, tendo o "Manitas de Trapo" sido o principal responsável pela derrota, como bem te deves lembrar.

VermelhoNunca disse...

São quase 18 horas e no orgão oficial do Benfica, a BOLA, neste caso online, continua em destaque, grande destaque, Suazo e a sua prestação frente à Jamaica. Passaram 8 horas desde que lançaram a notícia, nada mais relevante se passou até agora...

VermelhoNunca disse...

O 1º destaque é Sidnei..e segundo maior destaque é...Suazo, Honduras frente à Jamaica.

Mestrecavungi disse...

Amigo Nunca,
Tu consultas o site do glorioso?
Estás com francas melhoras!
Já agora diz-me uma coisa.
O Sporting já tem site?
Qual o endereço?
O que pode ver/ler lá?
O video da conquista da taça dos campeões europeus em....corta-mato?

Mestrecavungi disse...

Amigo Minimo,
Em 11-09-08 estreou-se pelo FCP em Guimarães (1-1).
Mlynarzik estava lesionado e o malogrado Zé Beto castigado!

VermelhoNunca disse...

O site do orgão oficial do benfica, A BOLA online.
Acha que eu entraria do site do Benfica??? Iran Cavungi Costa, leia o que eu escrevo, não imagine o que queria que eu escrevesse!!

JorgeMínimo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
VermelhoNunca disse...

Nem de propósito, amigo Iran de Cavungi Caras Lindas Costa: retiraram agora a notícia do hondurenho. Foi você que mexeu os cordelinhos?
Sabe como está a investigação às escutas que apanharam Carlos Freitas e o Sporting? A coisa está bem encaminhada, na sua perspectiva? As suas fontes nunca me enganaram...

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Eu estou a falar da estreia de frangos na selecção. Já agora, o mais titulado jogador do mundo o que ganhou na selecção? Atingiu alguma final? Não me parece.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Que lhe parece errado neste post?

"Amigo Minimo,
Em 11-09-08 estreou-se pelo FCP em Guimarães (1-1)."

VermelhoNunca disse...

Estreou-se hoje?

Jimmy Jump disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
VermelhoNunca disse...

Ou vai estrear-se logo à noite, e o Iran Cavungi Lindas Costa já sabe o resultado, através das suas fontes que nunca nos enganam?

VermelhoNunca disse...

"Muito sinceramente há muito que não via um erro do internacional português. Infelizmente aconteceu."

Esta pode ser a piada da época. Das duas uma: se for na selecção é normal que não o veja a errar, porque ele poucas vezes jogou até hoje; ou então refere-se aos últimos meses, em que a época esteve parada.

Jimmy Jump disse...

Impressionante como se passa do sonho ao pesadelo em apenas 6minutos, muito por culpa do excesso de confiança do ajunto de Fergunson.
Descurou por completo o posicionamento táctico da equipa.
Foi por demais evidente a descompensação posicional nas transições defensivas.
Apareciam frequentemente jogadores dinamarqueses em situação de 1 para 1 ou em 2 para 1.
A dez minutos do fim é intolerável.
Portugal ontem foi uma espécie de selecção africana: futebol vistoso mas…
A factura ficou cara!

P.S.: impressionante a atitude da turma anti – benfiquista, a fervilhar com o erro de Quim!
Muito sinceramente há muito que não via um erro do internacional português. Infelizmente aconteceu.
Todavia deviam também referir que o golo surge na sequência de um canto completamente despropositado, oferecido por Meireles!
Como Meireles não joga no Glorioso não conta para o totobola!
Enfim, o costume!...

P.S. Amigo Sempre, o trauma ao ilhéu Madeira por parte do arroto Madureira tem um rosto, embora este não o conheça por motivos evidentes: Padre Frederico.
Dizer também que o Arroto inventou uma nova modalidade Paralímpica: o “Bóssia”!??!
Deve ser adaptada às necessidades especiais daquele individuo.
Já cheira a ouro!

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:

Sabe se este jogo vai dar na TV? Em que canal?

"Amigo Minimo,
Em 11-09-08 estreou-se pelo FCP em Guimarães (1-1)."

VermelhoNunca disse...

Era bom que fosse em canal aberto, para eu poder ver no emprego, onde não possuo Sporttv...

Mestrecavungi disse...

Amigos Minimos e Nunca,
Vai dar no canal história!

Mestrecavungi disse...

Amigos Nunca e Minimo,
11-09-88 e não hoje, 11-09-08!
Hoje 11-09-08, vai dar no RTP-Memória o jogo de Guimarães disputado em 11-09-88.

Mestrecavungi disse...

Nunca/Minimo:
Estive agora a rever os golos de ontem e parece-me que tambem no 1º golo Joaquim é mal-batido.
Estarei a ver mal?

VermelhoNunca disse...

A minha ideia era essa mesma , Joaquim deixou-se cair para o chão, fiando-se que a bola ia fora, não se fazendo à mesma.

Mestrecavungi disse...

Forca Queirós!
Forca Quim!
Forca Vieira!

VermelhoNunca disse...

Este ainda leva um castigo...
" clube da Luz tem imagens para sustentar esta tomada de posição e aguarda por uma decisão da Comissão de Disciplina da Liga. Sidnei entrou em campo no clássico ao minuto 65 (substituiu Cardozo) e falou de forma sintetizada do lance que foi publicitado por Fernando Seara no programa O dia seguinte, da SIC Noticiais.«Foi apenas uma discussão normal de jogo», limitou-se a declarar o defesa-central, esta quinta-feira"

Jimmy Jump disse...

Condómino Neverland, tenha lá paciência mas acautele as suas discussões bacocas para o seu amigo Arroto Madureira!

P.S.: Extraordinário!, proferir que o Quim é mal batido no primeiro golo!??
Tanto preconceito…

É que nem há referência ao modo como o Zimbabueano dos 20 milhões é batido no lance.
Porquê?...Ah, já sei!, Evidentemente porque joga na equipa para a qual se transferiu a Nossa Senhora do Caravaggio!

Conclusão:
Para a turma anti-benfiquista prevalece a seguinte proposição lógica, para que conste, irrefutável naquele universo:
Todos os jogadores do Benfica são maus.
O Quim joga no Benfica,
Logo, o Quim é mau jogador!

Ai daquele anti – benfiquista que se atreva sequer a refutar este dogma!
E lá de dogmas sabe o Papa!...

VermelhoNunca disse...

" Mestrecavungi disse...
Nunca/Minimo:
Estive agora a rever os golos de ontem e parece-me que tambem no 1º golo Joaquim é mal-batido.
Estarei a ver mal?"

Não sou o único a pensar deste modo..

Jimmy Jump disse...

Eu sei que não condómino Neverland.
Utilizou um exemplo que lhe convém bastante.
Aproveito o óptimo ensejo para poder referir algo que tenho para verbalizar há algum tempo.
Infelizmente não entendo o porquê da metamorfose do amigo Cavungi.
Dispara mais no sentido dos seus do que dos outros!
Nos últimos tempos não tem feito outra coisa que não seja brindar os benfiquistas cá do blog com posições e opiniões verdadeiramente surpreendentes, na minha opinião, antagónicas ao ser benfiquista! Obviamente não me refiro aos ataques “Vieiristas”! A crítica atroz ao Quim, no lace do primeiro golo dos dinamarqueses é disso exemplo.
Estranho e lamento que assim seja.

VermelhoNunca disse...

Condómino Saltitão, são opiniões, nada mais.
Eu comecei por dizer que a selecção defende mal. Só depois me referi a Joaquim, e na minha opinião, tem culpa em 2 golos.
No 2º é uma questão técnica, no primeiro confiou que a bola ia fora.