terça-feira, dezembro 19, 2006

Resenha da Actualidade Desportiva

Manuel Fernandes poderá estar de volta ao mercado em Janeiro, caso Portsmouth e Benfica não cheguem a acordo nos próximos dias.
O empréstimo do futebolista português ao clube do sul de Inglaterra termina a 1 de Janeiro de 2007 e para já é um dado adquirido que o Portsmouth não pagará o valor da cláusula inscrita no contrato: 9 milhões de euros.
O Benfica teria direito a este valor logo que Manuel Fernandes fizesse três jogos consecutivos na liga inglesa. Acontece que Redknapp, o treinador, deixou claro que isso não sucederá. O Portsmouth até gostava de manter o médio, mas não por esse preço.
A operação foi intermediada por Jorge Mendes e será o empresário português a tentar, já nos próximos dias, uma solução para o problema.
O Benfica já fez saber que não deseja o jogador de volta, até por ser público que essa solução também não agrada a Manuel Fernandes.
Resta negociar com o Portsmouth ou procurar outra solução no mercado, que agrade ao jogador e ao Benfica.
Má notícia para o universo benfiquista.
A transferência de Manuel Fernandes representaria um encaixe financeiro deveras importante, tanto mais que o Benfica foi eliminado da Champions.
Com a frustração da transacção, caso o Benfica não logre ainda assim vender o jogador, a vulnerabilidade do clube face ao mercado aumenta exponencialmente.
Face à difícil situação económica, a inviabilização da transferência poderá importar a venda de um outro futebolista do plantel encarnado.
Não sei mesmo se o Project Finance a tal não obrigará!
Por outro lado, qualquer investida sobre o mercado no sentido do reforço do plantel mostra-se bem mais difícil.
No mais, lastimar, profundamente, o possível regresso de José Veiga ao Benfica.
Embora Vieira se tenha remetido ao silêncio sobre o assunto, acredito que o regresso do "luxemburguês" ocorra após as festividades natalícias, não obstante o teor das suas declarações ao diário Público desta terça-feira: «Regresso ao Benfica depois de o João Pinto ser ouvido. Acredito que nessa altura tudo ficará esclarecido e se saberá qual o destino dos 3,3 milhões de euros que o Sporting pagou ao jogador.»

No Porto, a notícia do dia é a possível aquisição de Lucas Mareque, jogador do River Plate.
Lucas Mareque deve reforçar o FC Porto durante o período de inscrições de Janeiro.
O acordo entre o campeão nacional e o River Plate está dependente de detalhes que deverão ser ultrapassados nas próximas horas, permitindo que o jogador viaje para Portugal nos próximos dias, a tempo de realizar os exames médicos da praxe antes de ser inscrito quando o mercado de transferências reabrir em Janeiro.
O jogador foi pouco utilizado durante a última temporada por Daniel Passarella, treinador do River Plate, e, aos 23 anos, vê com bons olhos a transferência para o futebol europeu, mais ainda para uma equipa envolvida nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões e onde joga Lucho González, amigo de longa data.
O facto de ter ascendência italiana é outro factor que joga a favor da sua contratação, permitindo a sua inscrição como jogador comunitário.
O reforço do lado esquerdo da defesa, actualmente entregue a Fucile, um lateral-direito, é uma das prioridades de Jesualdo Ferreira para a próxima fase de inscrições e a contratação iminente de Mareque abre a perspectiva de dispensas no actual plantel, com Marek Cech e Ezequias com os respectivos lugares em risco.
Sublinhe-se, entretanto, que, como é natural, Mareque não foi o único jogador considerado pelos portistas para a posição.
O também argentino Leandro Grimi, do Racing, foi oferecido aos portistas, mas acabaria por ser descartado a favor do mais experiente Lucas Mareque.
Durante os próximos dias o negócio deverá ficar concluído, assegurando o reforço de uma posição deficitária em termos de opções para Jesualdo Ferreira.

No Sporting, foi, ontem, aprovada a alienação de mais uma parte do seu património não desportivo.
Desta vez foi autorizada a venda das instalações onde hoje existe actualmente a secretaria do clube, junto ao Edifício Visconde de Alvalade, e que renderá aos cofres 500 mil euros.
«Foi colocada a proposta do Conselho Directivo no sentido de se acrescentar ao imobiliário não desportivo em relação à qual já tinha sido aprovada a venda, a fracção que diz respeito à secretaria», disse no final o presidente da Mesa da Assembleia Geral, Rogério Alves.
«A proposta foi aprovada com larga maioria, com 33 votos a favor, cinco abstenções, e cinco votos contra.»
O dirigente lembra que o património será vendido a um fundo imobiliário, que tem grande participação de uma entidade bancária alemã, e que levará o Sporting a receber 500 mil euros. «Havia outra proposta de 600 mil euros, mas havia um problema. É que esta fracção agora discutida para ser vendida separadamente do Edifício Visconde precisava de obras. E como foi mostrado nesta assembleia as obras ascendiam a mais de cem mil euros, por isso, sairia mais caro vender por 600 mil euros do que pelos 500 mil a este fundo imobiliário», explicou.
Em termos puramente desportivo, destaque para a renovação dos contratos de Veloso e Djaló.
Está por semanas o acordo que conduzirá à renovação dos contratos que ligam Miguel Veloso e Yannick Djaló à Sporting, SAD por seis temporadas, processo que implicará ainda uma considerável revisão dos salários auferidos pelos atletas.
O alargamento dos vínculos dos jovens valores lançados na corrente temporada por Paulo Bento na turma leonina tem vindo a ser alvo de conversações nos últimos meses, estando iminente a conclusão do negócio.
O dossier encontra-se pendente apenas por questões de pormenor.
A administração da sociedade anónima leonina e Paulo Barbosa, representante responsável pela gestão da carreira dos dois futebolistas, estão em sintonia quanto aos termos das prorrogações em questão, abrindo desta forma caminho ao firmar dos contratos que ligarão o versátil defesa e o atacante aos leões até 2012.
Quanto ao mercado, dizer que se noticia que Fábio Rochemback chega hoje a Inglaterra, vindo de São Paulo, para definir a situação profissional até final da temporada.
O jogador foi devidamente autorizado pelo Middlesbrough para ausentar-se na última semana, tendo comemorado o 25.º aniversário no Brasil com a família.
O médio vai reunir-se com os responsáveis da formação inglesa no claro intuito de “forçar” um empréstimo aos leões por seis meses.
Por fim, nota para a saída de Norton de Matos do comando técnico do Vitória de Guimarães e para o anúncio da sua substituição por Manuel Cajuda.

30 comentários:

vermelho disse...

amigos:
estranho o silêncio e a calma que prevalecem por este espaço.
vamos lá acordar!
abraço.

cavungi disse...

Amigo Vermelho,
A profissão de treinador de futebol é sem dúvida a melhor do mundo.
Cajuda foi despedido no domingo com direito a uma indemenização dos Egipcios.Boa provavelmente.Hoje 3ª feira já tem emprego.
Foi despedido porque foi incompetente.E foi premiado/indemenizado.Dois dias tem novo emprego, novo contrato nova indemenização já estipulada para o caso das coisas correrem mal.Para o clube claro.

FOGOSA disse...

Este deve ser um momento de reflexão. Nesta altura do ano, algumas pessoas tornam-se mecânicas, consumistas e esquecem-se de reflectir acerca da vida. A sério, com consciência.
Este blog tem como tema principal, o sexo, portanto será sobre isso que me debruçarei, mas não pensem que me esqueço de todos os outros aspectos da vida, porque, em relação a esses, tento sempre ser uma mulher consciente e agir equilibradamente, tendo sempre como objectivo fazer os outros felizes e a mim própria, como consequência.
Eu não gosto do Natal. A parte de mim que gosta fá-lo pelo brilho nos olhos que esta época desperta nos meus filhos e em todas as crianças inocentes que ainda têm a ideia de que o mundo é perfeito. Eu sei que não o é, por isso não gosto da hipocrisia e do aproveitamento dos mais fracos, que é feito descaradamente, mais nesta altura. Sobre isto, mais não direi, já sabem como me sinto!

Nestas festas de Natal e final de ano, é muito frequente haver festas e jantares por tudo e por nada. Para comemorar sucessos, momentos de alegria que muitas vezes acabam, inevitavelmente, em encontros sexuais fortuitos. Não passará de sexo ocasional, mas acredito que pode, para muita gente, trazer algo de definitivo.
Nunca me cansarei de dizer que ninguém tem o “currículo” escrito na testa e muitos orgasmos loucos podem terminar em morte. Sei que é duro dizer isto assim, mas preocupa-me a inconsciência de algumas pessoas. E ainda bem que há outras que pensam sobre isto e ajudam a despertar consciências, de modo a tentar incutir responsabilidade nos/as distraídos/as.

Existe uma campanha da SENSOA, uma associação sedeada na Bélgica, especialista em saúde sexual e HIV, que, a meu ver, é absolutamente fantástica. Trata-se da " Talk about sex-campaign" cuja mensagem pretende chamar a atenção para o quão necessário é o diálogo aberto, franco e sem preconceitos, em termos de sexo. Não só entre parceiros, mas também em sociedade. Já repararam que sempre que o assunto é sexo, as pessoas tendem a corar e fingir vergonha, não conseguindo exprimir-se com naturalidade?
Recordo-me que este ano, na noite do meu aniversário, estando o Felino no estrangeiro, alguns amigos fizeram-me uma surpresa e foram ter comigo a minha casa, ficando a fazer-me companhia até bastante tarde. O tema principal nessa noite foi o sexo, a forma de pensar de cada um, os hábitos saudáveis que temos e até chegamos ao extremo de visualizar uns excertos de filmes para adultos, sem que se tenha criado qualquer tensão sexual entre nós. Porque somos amigos, adultos, conscientes e estávamos a conversar, como se de música ou comida se tratasse. Sim, porque o sexo não é apenas uma “coisa” que se faz, mas sim uma “coisa” que deve ser discutida e negociada. Sobretudo entre parceiros, heterossexuais ou homossexuais, tem-se que reforçar o respeito e a consciência. E agir sempre de acordo com as normas estabelecidas entre ambos.

Eu adorei tomar conhecimento desta campanha.
Aqui ficam as fotos e a esperança que no nosso país haja a coragem de “chocar” com imagens assim, mas nas quais não seja necessário colocar fitas adesivas na boca das pessoas. Eu desejo um país sem inibições, onde não haja lugar para medos de exprimir o que sentimos, com medo de repercussões.
Eu desejo um país que aceite uma campanha assim, sem vergonhas.
Um beijinho grande, esta é a minha mensagem de natal!

vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
vermelho disse...

amigo cavungi:
parece que não são só os treinadores de futebol.
o presidente da autoridade reguladora da energia, também, se demitiu e tem direito a uma indemnização, que passa pelo pagamento do vencimento nos dois anos subsequentes.
atenção, que não disse que foi demitido, demitiu-se e ainda assim contratualmente acordou-se o tal pagamento.
abraço.

vermelho disse...

amigos:
anda aí um falso vermelho.
da próxima vez que suceder, apago o comentário.
abraço.

vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
JC disse...

Amigo Vermelho:
Respondendo ao seu desafio, aqui vão então algumas barbaridades.

Para começar, o Herbstmeister Cavungi ficou muito bem na fotografia que tirou o ano passado nas férias que foi passar à sua terra natal.

Por outro lado, que vai agora fazer o Benfica com o Manuel Fernandes?
O Imbecil disse há uns tempos que o plantel tinha jogadores a mais.
Perspectiva-se agora o regresso do Manelélé.
Ao que sei, o Manduca, emprestado ao AEK, deve também regressar, face à campanha europeia desta equipa grega.
O Rui Costa também em breve começará a jogar.
Acresce que em Dezembro seguramente que o Snr. Veiga quererá colocar no Benfica mais 4 ou 5 jogadores.
Vamos assistir a uma rotação de jogadores no Benfica?
Não é defendido que o benfica tem o plantel mais equilibrado dos últimos anos?
Não vão, assim, ser criados desequilíbrios?

Por fim, como vai reagir o Benfica ao facto de ir perder o importante encaixe financeiro que era a venda do Manuel Fernandes?
Em termos económicos, parece-me mais gravoso para o Benfica a perda deste encaixe financeiro do que a eliminação do SCP das competições europeias, onde seguramente não iria receber tão avultada quantia.
Ora, se já aqui foi considerado um desastre a eliminação do SCP da Europa, o que dizer então deste negócio falhado - mais um - do Benfica??

vermelho disse...

amigo falso vermelho:
como não quis ouvir a advertência que lhe fiz, irei apagar o seu comentário.
abraço.

vermelho disse...

amigo jc:
mais uma vez, esclareço que o comentário a que te referes não é da minha autoria.
abraço.

vermelho disse...

amigo jc:
em relação ao manuel fernandes, renovo o comentário que escrevi no artigo em comentário:
"Má notícia para o universo benfiquista.
A transferência de Manuel Fernandes representaria um encaixe financeiro deveras importante, tanto mais que o Benfica foi eliminado da Champions.
Com a frustração da transacção, caso o Benfica não logre ainda assim vender o jogador, a vulnerabilidade do clube face ao mercado aumenta exponencialmente.
Face à difícil situação económica, a inviabilização da transferência poderá importar a venda de um outro futebolista do plantel encarnado.
Não sei mesmo se o Project Finance a tal não obrigará!
Por outro lado, qualquer investida sobre o mercado no sentido do reforço do plantel mostra-se bem mais difícil."
quanto ao manduca, não vejo porque há-de regressar.
para além do aek continuar nas competições europeias, os pressupostos da sua cedência não se alteraram.
quanto ao reforço do plantel, a re-incorporação de manuel fernandes era, para mim, muito bem vinda.
seria uma mais valia capaz de rivalizar com petit, katsouranis, karagounis, karyaka e assis por uma lugar no meio-campo.
a sua qualidade é indiscutível.
quanto a eventuais reforços, penso que, apenas, um ponta de lança se justifica.
kikin já demonstrou a sua total inadaptação ao ritmo de jogo europeu e mantorras não dispõe de condição física para ser uma alternativa credível.
mais reforços, apenas se forem mais valias indiscutíveis, oportunidades de negócio irrecusáveis ou jovens promessas com larga margem de progressão.
quanto a dispensas e cedências temporárias, moretto ou moreira, pedro correia, beto, diego, joão coimbra, marco ferreira e kikin, perfilham-se como os principais candidatos.
abraço.

Anónimo disse...

quisiera empezar para dirigir mis elogios mejores al administrador.
Sabía el blog para el intermediario de un amigo, que es vivir en España.
Voy a comenzar a escribir con regularidad.
vivo el Madrid.

Braguilha disse...

Um pequeno intervalo nos afazeres para picar o ponto. O tempo escasseia. Isto hoje está mesmo choco!

Essa fogosa que vai aparecendo com as suas aventuras sexuais é alguma "partner" do dono do blog? Aguardo uma informação oficial...

E outro Vermelho? Já não bastava termos dois Zex e agora aparece outro dito Vermelho.

Urge saber qual é o original e qual o Capuchinho. Sem isso recuso-me a comentar!

Amigo Cavungi, saúdo-o pelo regresso e felicito-o pela coragem de ter publicado a fotografia. Os contratos laborais no mundo do futebol são um atentado ao pobre trabalhador que sobrevive com o salário mínimo; esta pouca vergonha só tem paralelo em alguns pseudo-gestores de empresas públicas com contratos milionários. Não me incomoda quem ganha o (muito) dinheiro que merece, incomodam-me os gorilas (sem ofensa ao amigo Cavungi) que vivem à custa de todos nós agarrados a tachos políticos...

Amigo jc

O caso de Manuel Fernandes é mais um caso típico das embrulhadas negociais em que o SLB se mete (do género apresentação de jogadores, camisolas vestidas, treinos e depois vão-se embora), às vezes parece o clube lá do bairro presidido por gajos porreiros.
O problema desta situação, além da questão financeira, é mais o transtorno público do negócio mal gerido de um jogador que servia/já não serve/é devolvido. De qualquer das formas, trata-se de um jogador com qualidade e com muito mercado.

OBS. É mais uma novidade negocial com a qualidade de garantia SLB: a partir de agora os jogadores do Benfica são como os colchões. Leva agora, experimenta durante 90 dias e paga depois: satisfação ou reembolso! Vai buscar!...

Anónimo disse...

el fútbol portugués, se dice en España, es un mundo de la corrupción.
el presidente del FCPorto es todo de gran alcance, árbitros de esa compra y la liga apropiada.

Señor Jc, gusto muy de su escritura.
su lealtad al administrador es inigualável.

Senõr Cavungi, muy le no favorecieron en la foto, pero aprecio su dedicación al Benfica.
junto con el administrador, son dos guardiões fieles del templo de la Luz.
elogios.

Anónimo disse...

Señor Braguilha, no gusto del FCPorto.
Copia el estilo de Barcelona, mucho sin embargo no comungue de la misma política de las motivaciones.
la fotografía que los folloies no se deben haber puesto para sí mismo, por lo tanto si él no era entendido.
él será que usted está como el Veiga, pero en cambio...

vermelho disse...

amigo braguilha:
os comentários ainda visíveis são autênticos.
saudar o aparecimento de mais um condómino, desta vez espanhol.
parece-me que o blog começa a internacionalizar-se...
abraço.

Braguilha disse...

Caro Manolo Paella

En España vosotros teneram Gyl e Gyl. Aqui, no blog, nosotros tenemos Pinto da Costa un atentico vice-rey da Xunta Autonoma del Nuerte de Portugal, aunque que no sea de sangre verdaderamente azul.

Braguilha disse...

...e ahora tengo que salir para una reunión. Más tarde estoy de vuelta...

Asta luego

Anónimo disse...

asta luego

Anónimo disse...

Hola coños, soy amigo de manolo y estoy descubrindo ahora mismo este sitio. que me encanta. si escribe bien por aqui.
you soy de equador. el futbol en mi pais no es tan bueno como el portugues y mi equipo peor. es el Deportivo Quevedo, que esta una mierda este año. vivo en coimbra e trabajo en una compania de prouctos hospitalares. saludos e gracias a todos.

vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Braguilha disse...

Amico vermejo

Tu amico castellano es un verdadero cabrón chupador de pies, un coño lambe-botas. Tantas mierdas e después fica asi? Usted puedeme dezir si el fornicador hai comido, follado VERDADERAMIENTE la vieja? La cabrona hecho de ti un perro miserabil de polla pequeña... tiene vergonça et vai para tu casa dar baño al perro!!!

Aqui en Portugal las putas son tratadas a la bofetada et después escriben en libro sus experiencias sexuales.

OBS. Es mucho mejor conocer la vida animalesca de nuestra Fogosa qui es amica intima de nuestro Vermejo. Valle!!!

vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
cavungi disse...

Nova invasão dos Filipes!
Finalmente.

vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
vermelho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
cavungi disse...

Amigo Vermelho,
Vejo estupefacto que hoje pululam uma quantidades de espanhois (filipes) no nosso amado blog.
No entanto pertenço aos 28% de Portugueses que quer uma peninsula ibérica Una.

Anónimo disse...

Enfermo Cavungi. no soy español, soy un tipo ecuatoriano orgulloso. Y estaré aquí cada día de mierda para promover mi país hermoso y mi equipo, Deportivo Quevedo.

Braguilha disse...

Amigo Cavungi

O meu amigo é uma autêntica caixinha de Pandora e não pára de surpreender o nosso querido e amado blog. Agora quer uma Península Ibérica única? E seremos todos potuganhóis? Iberiquenhos? Ou espanheses? E já agora, essa foto que ostenta é a pose orgulhosa da nossa família real? E o que fazemos ao nosso Duarte Pio? Será o mordomo ou o mestre cerimónias deste povo secular?

São tudo questões importantes que urge discutir neste blog.

vermelho disse...

amigos:
os post´s assinados por alguém que procura usurpar a minha identidade irão ser apagados.
abraço.