sexta-feira, maio 04, 2007

Antevisão da Jornada

Num quadro de absoluta normalidade, o vencedor do campeonato estaria há
muito encontrado.
Mas, como diz e bem Miguel Sousa Tavares: “às vezes tenho a sensação que
Jesualdo Ferreira é um pé frio”.
Eu não tenho a sensação, tenho a certeza!
Ainda assim, penso que o título está entregue.
Não acompanho Miguel Sousa Tavares quando afirma que “Como quer que seja, o
facto é que o FC Porto poderia ter dado a machadada final na questão do
título e afinal acabou a perder um ponto para ambos os perseguidores.
É verdade que podia ter sido pior, se o Sporting tem ganho na
Luz, e é verdade também que continua a depender apenas de si próprio e até
pode ceder um empate, pelo menos.
Mas, insisto no que aqui escrevi há oito dias: não estou assim tão certo de
que a coisa esteja no papo.
Domingo, não há centrais e não há Quaresma.
Viu-se no Bessa como a ausência de Pepe foi determinante, agora vai-se medir
os efeitos da dupla ausência de Pepe e Bruno Alves; quanto à ausência de
Quaresma, basta lembrar que, dos três jogos em que não jogou, dois acabaram em derrota.
Se Jesualdo Ferreira insistir em deixar Anderson no banco, sem os centrais
para subirem nos cantos e sem Quaresma para cruzar como só ele sabe, não sei quem é que será capaz de criar situações de golo nesta equipa.”
As interrogações e as reservas que coloca, se bem que pertinentes, decorrem
mais da sua condição de adepto do que da razão.
O Porto dispõe de argumentos mais do que suficientes para vencer com relativa facilidade o Nacional.
Apenas equaciono a hipótese do Porto perder o campeonato se repetir em algum
dos 3 encontros que restam por disputar os 30 minutos iniciais do Bessa.
Para o jogo deste Sábado, interessa, sobretudo, discernir como irá o Porto
gerir a ausência da sua unidade ofensivamente mais profícua.
Lisandro é o jogador eleito para ocupar a vaga deixada em aberto pelo
castigo de Quaresma.
Mas as mudanças não devem ficar por aí.
Mais uma vez se discute a possibilidade de Anderson regressar à equipa.
A fazê-lo, depois de uma boa segunda parte no Bessa, poderia render Jorginho
ou Postiga, que tiveram prestações pouco ou nada expressivas no Bessa.
Apostando no regresso de Anderson, Jesualdo optará por estruturar a equipa
num 4x4x2 em losango, com o brasileiro no vértice mais adiantado do losango,
jogando atrás de Lisandro e Adriano.
Lucho, Meireles e, muito provavelmente, Paulo Assunção completarão o
quarteto intermediário.
Fucile na lateral esquerda em detrimento de Cech deverá ser mais uma das
alterações a empreender por Jesualdo.
O Nacional, sem qualquer objectivo a conquistar, apresentar-se-á no Dragão
tranquilo e sem pressão.
Talvez, seja mesmo este o seu maior trunfo.
Face à previsível modificação estrutural do Porto e ao bom momento de forma
dos três centrais que tem ao seu dispor, emerge como possível que Predrag
Jokanovic coloque Ricardo Fernandes, Ávalos e Cardozo a jogar em simultâneo.
Certas são as ausências de Chainho, Rogerinho e Bruno Amaro, três jogadores
para quem, ao que tudo indica, a época já terá mesmo terminado, ao passo que
a possibilidade de utilização de Juliano e Chilikov permanece dúbia.
A história dos confrontos entre Benfica e Naval, para o campeonato, é
recente.
Não obstante, o Benfica não logrou vencer qualquer um dos três jogos já
realizados, os quais se saldaram por outros tantos empates.
Perante a indisponibilidade por castigo de Anderson e de Simão, Luisão e
Nuno Gomes por lesão para o encontro diante da Naval, Fernando Santos ver-se-á forçado a introduzir algumas alterações na equipa.
“Derlei vai jogar e Katsouranis vai jogar a central, isso é um dado
adquirido” afirmou Fernando Santos na conferência de imprensa de antevisão
da partida frente à Naval.
Assim sendo, Katsouranis e David Luiz formarão, pela primeira vez desde o
início da partida, dupla no eixo da defesa encarnada, naquela que será a
sexta parceria da temporada (actuaram, em conjunto, durante 24 minutos em
Aveiro).
A deslocação de Katsouranis para central importa, por sua vez, a criação de
uma vaga no sector intermediário.
João Coimbra e Paulo Jorge são as opções para o lugar, sendo certo que João
Coimbra aparece levar vantagem em virtude de estar “mais rodado” e do
ex-boavisteiro apenas recentemente ter debelado uma lesão.
Fazendo fé nas palavras de Santos, Derlei fará companhia a Miccoli na frente
de ataque.
A Naval, agora, de novo, orientada por Fernando Mira, deverá manter-se fiel
ao seu esquema habitual, apostando na consistência defensiva e no
contra-ataque como matriz essencial do seu modelo de jogo.
Hoje por hoje, os índices de motivação de jogadores e adeptos benfiquistas
situam-se perto do mínimo e, apenas, um eventual desaire portista poderá
animar as hostes.
Ainda assim, o Benfica assume natural favoritivismo para esta partida.
Pelo contrário, o Sporting ainda conserva esperança na conquista do título.
Imbuídos de forte motivação e confiança, os jogadores leoninos sabem que
para conquistarem a Liga têm de vencer os três jogos que lhes restam no
Campeonato e esperar que o Porto perca um.
O calendário do Sporting parece propício a vitórias – dois adversários do
fundo da tabela e um outro que já só pensa na Final da Taça de Portugal.
Todavia, os desafios com Setúbal e Académica serão mais difíceis do que se
pode supor.
Desde logo, pela complicada situação classificativa de setubalenses e
estudantes.
Depois, porque o Sporting será chamado a tomar a iniciativa do jogo, tarefa
para a qual não se mostra minimamente vocacionado.
Não vou tão longe quanto Miguel Sousa Tavares quando escreveu que “
Mais uma vez, e como vem sendo hábito, o Sporting conseguiu ainda marcar
logo de entrada, no primeiro remate feito à baliza e ainda o Benfica não
tinha ultrapassado a linha do meio campo.
(…) Mas, por isso mesmo, também foi um golo largamente consentido e mais um
golpe de sorte a
facilitar a vida aos leões, logo na madrugada do jogo.
Há sortes que caem do céu e há outras que se merecem: na Luz, eu achei, mais uma vez, que a sorte do Sporting cai quase sempre do céu e raramente é justificada em campo. Foi o que aconteceu: houve os primeiros quinze minutos em que o Benfica estava
entontecido com aquele golpe madrugador, e mais quinze minutos à entrada da
segunda parte, em que cheirava outra vez a golo verde. Mas, findo esse
período sem segundo golo, toda a equipa e o seu treinador não insistiram
mais no assunto, dando a sensação de que até final se iriam limitar a
defender o empate, esperando talvez por outro golpe de sorte ou um
contra-ataque minimalista, com a bola pontapeada pelo Ricardo lá para a
frente e o Liedson a resolver a coisa sozinho. A vitória do Sporting teria
sido um desfecho de tremenda injustiça.”
Contudo, há que reconhecer alguma fortuna na forma como o Sporting tem
obtido os seus golos nos últimos jogos.
Nos últimos 6 jogos, incluindo o encontro frente ao Beira-Mar, relativo às
meias-finais da Taça, o Sporting alcançou metade dos seus 14 golos nos
primeiros 15 minutos, elevando para 17 o número de golos conseguidos no
primeiro quarto de hora ao longo da temporada.
Claro está que a obtenção de golos no primeiro quarto de hora é profundamente benéfica para qualquer equipa, mas pode criar dependências psicológicas e emocionais complicadas de gerir.
O Setúbal submerso em dificuldades que vão desde a instabilidade directiva a salários em atraso apresentar-se-á em Alvalade absolutamente desesperado por pontos.
Carlos Cardoso, por certo, que fará da consistência defensiva e do contra-ataque as pedras de toque do seu modelo de jogo.
O Sporting assume indiscutível favoritismo para este jogo.

65 comentários:

Zex disse...

Voltando aos comentários de ontem,que só agora vi, devo dizer que Cavuvu tem que frequentar, urgentemente, aulas da língua de Camões, pois o crioulo não basta. Vem dizer que eu me precipitei, porque analisei mal um seu comentário. É muito triste ! Vejam como o mesmo faz citações nesse texto que critiquei ! Atentem no inacreditável local onde coloca as aspas ! Reparem que nem fecha as aspas ! Verifiquem que faz comentários a meio de citações ! Como se podia ver que era uma citação ?
Enfim, uma verdadeira calamidade ! Com atropelos deste calibre à língua portuguesa, em que só alguns deste blog se expressam, como entender esse pretoguês ? Aliás, não só eu tive dúvidas, também Nunca ficou, parece com algumas. Depois, muito timidamente, Cavuvu lá faz um "mea culpa", que mais parece um "meia culpa", ali para os lados de Amarante: calcinado !
A monopólio da asneira continua firme, de pedra e cal com Cavuvu !

Zex disse...

Quanto ao tema de hoje, noto alguma hesitação no blogger que tem esperanças, mas que tem vergonha de as assumir e, então, utiliza as palavras de MST para dizer que "nada está no papo".
Como eu já aqui disse, citando Mourinho, em condições normais, vamos ser campeões e, em condições anormais (murro na mesa), também vamos ser campeões !
Parece-me que a jornada deste fim de semana nada vai alterar na frente. Existe a curiosidade de ver se o "génio do Dubai" vai jogar e mostrar, finalmente, o seu enorme talento, segundo o blogger. E se joga "o miúdo que vai ser doutor", bem como o David Ricardo Carvalho Luiz Caceteiro, então temos espectáculo garantido, nem que seja de porrada...

VermelhoNunca disse...

Não posso deixar de concordar com o condómino Zex, quando faz referência à confusão criada pelo Cavuvu. Colocar no blog opiniões de um participante de um fórum do Record, acrescentar opiniões psssoais, atinge o limite. Cavuvu meteu o pé na poça, mais uma vez.
Quanto à atribuição do titulo, quanto a mim, esta jornada é decisiva. Se FCporto não ganhar e o Sporting cumprir a sua obrigação, tudo pode acontecer. E acredito que isso poderá acontecer, pois Jesualdo quererá manter o estatuto de treinador que nada ganha.
Quanto ao Benfica....força Naval.

JorgeMínimo disse...

Caro Zex:
O nosso calcinado Cavungi é inqualificável, mas não vale a pena perder tempo a comentar o seu "pretoguês". No fundo, o Primata é que tem razão, mas sem ele o blog não teria metade da piada. O episódio da Copa BES é, sem sombra de dúvida, a casquinada da semana e grande candidata a casquinada do ano.

JC disse...

Amigo Vermelho:
Sou obrigado a concordar, em parte, com o que diz o Zex.
O Caro Amigo quer em relação ao FCP quer em relação ao SCP, diz que não vai tão longe quanto o MST mas, a final, acaba mesmo por ir.
No que ao SCP diz respeito, acha que o MST exagera quando diz que o SCP tem tido sorte nos últimos 6 jogos por marcar cedo mas lá acaba por dizer que "Contudo, há que reconhecer alguma fortuna na forma como o Sporting tem
obtido os seus golos nos últimos jogos."
Á falta de outros argumentos, pegou agora em moda dizer que o SCP tem ganho os últimos jogos com sorte.
Nos últimos 7 jogos - onde se incluem quiçá as três saídas mais difíceis de todo o campeonato (FCP, Braga e SLB), o SCP tem 6 vitórias e um empate e um goal-avarage de 16-2.
Apenas dois jogos foram ganhos pela margem mínima (FCP e Braga) e dois deles foram ganhos por expressivos por 4-0.
O SCP fez reconhecidamente, boas ou muito boas exibições, mormente nos jogos com o Estrela da Amadora, FCP, Braga e Marítimo.
E deu-se agora para atribuir tais resultados à sorte?
Não me recordo de se falar em sorte quando o Benfica marcou nos primeiros minutos nos jogos que fez com o SCP, Académica (em Coimbra) e Celtic, por exemplo (neste caso, com autogolo de um defesa escocês aos 10', seguida de oferta para outro golo aos 22').

vermelho disse...

amigo jc:
lembro-me eu!
foste precisamente tu!
abraço.

VermelhoNunca disse...

Amigo Mínimo, mas está a par da questão que Zex levantou? Leu esse post de Cavuvu? Passou do disparate mesmo..

cavungi disse...

Juntaram-se os três à esquina
a tocar a concertina,
a dançar o solidó.
Que bonito!

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, sem me querer meter ao barulho, não fazendo ideia se o amigo JC falou de sorte ou não quando são referidos esses jogos do Benfica, faço-lhe uma questão: qual foi a sua opinião na altura? Sorte? Ou descobriu que só o Sporting tem sorte?

cavungi disse...

Eu não escrevi nada!
Calúnia!
Transcrevi um comentário do Record, só isso.
Se é disparate queixem-se aos vossos anmigos do Record.
Eles sabem quem são.

JC disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho Nunca:
Li hoje de manhã e não percebi nada. Foi mau demais para ser verdade, mas não vale a pena bater mais no ceguinho.

VermelhoNunca disse...

A questão, amigo Cavuvu, é que nem transcrever o amigo sabe. E quando colocou o post não referiu que era um comentário, apenas referenciou que tinha retirado do Record.

JC disse...

Caro amigo Vermelho:
Não me parece que tenha falado em sorte no jogo SCP-SLB.
Achei, penso eu, que aí o Benfica ganhou bem, independentemente de ter marcado logo a abrir o jogo ou não.
Falei em sorte do SLB nos jogos com o Celtic e a Briosa pela forma como os golos foram conseguidos - no caso do Celtic - e pelo massacre que o Benfica sofreu na 1ª parte, logo a seguir ao golo que marcou - aliás, irregular - no caso da Briosa.
No SCP-SLB, o Benfica ganhou bem e não creio ter falado em sorte do clube da Luz.

cavungi disse...

Amigo Nunca,
Não há campeões sem sorte.
Eu prefiro ter sorte do que ter azar.
Quem tem sorte, geralmente merece tê-la.
O Jesualdo e o Santos, p.e, são tipos sem sorte.
Não bastava serem incompetentes, como ainda por cima não tem sorte nenhuma.
Mas também não fazem por merecê-la.
A sorte é boa.

Antes morto que vermelho disse...

Não tenho paciência para ler o que o censor escreveu, porra que o marreta escreveu que nem o nulo a falhar golos!

Para já uma palavra para o C´vulva que desde já proponho o prémio "O maior anormal de todos os tempos", mais conhecido como o prémio Veronica Moser (www.veronicamoser.com), com a atribuição de um kit composto por: uma sanita de prata, um piaçaba de ouro e um rolo de papel higiénico de palha de aço!

Antes morto que vermelho disse...

Qual é o interesse nesta noticia da Bola??
"O departamento médico do Benfica decidiu, finalmente, dar a cara e esclarecer os mais recentes casos polémicos, nomeadamente o de Simão. Nesse sentido, foi agendada para esta tarde, às 19 horas, uma conferência de imprensa, no Estádio da Luz."
Só naquele clube!!!!

Antes morto que vermelho disse...

C´vulva no seu melhor!! é como o anúncio das pilhas da duracell: e duram, e duram e duram. Só que caso do anormal é: e arrota, e arrota, e arrota... enfim, atinge níveis tão baixos, tão baixos, que por vezes se pode questionar, se há "fundo" neste poço...

Antes morto que vermelho disse...

"...Aloísio Moraes lançou a suspeita de que o jogador teria deixado de fazer parte das convocatórias com o intuito de o impedir de cumprir os objectivos acordados no seu contrato que resultariam num aumento salarial. De acordo com o pai/empresário de Bruno Moraes bastariam a este participar em mais 4 jogos para que esse aumento fosse concretizado..."
O que se passa no seio do dragão?

JC disse...

Amigo Vermelho:
Para que não fiquem dúvidas, aqui fica o comentário que publiquei por ocasião do SCP-SLB, jogo em que o Benfica marcou um golo aos 3 minutos, onde se vê que não considerei que o Benfica tenha tido sorte porque marcou cedo.

“JC said...
Eu também estou cheio de serviço.
De qualquer forma, quero dar os meus parabéns aos adeptos benfiquistas pela vitória que obtiveram em Alvalade.
A exibição do SCP foi miserável, a pior que vi fazer desde que Paulo Bento assumiu o cargo de treinador.
Pareceu-me má ideia o fazer alinhar Romagnoli e Bueno de início.
As constantes mudanças na equipa não permitem atingir automatismos e penso que o SCP está a sofrer as consequências disso.
Se a ideia é a rotatividade para evitar cansaços, então rodem-se todos os jogadores, particularmente os que estão mesmo cansados e são chamados ainda a outras competições, como é o caso de Moutinho.
Penso que enquanto o SCP não encontrar uma equipa tipo não assentará o seu futebol.
Liedson tem de ser mantido mais perto da área e Djaló deve ser o segundo ponta de lança.
E tenho dito.”

E, noutro comentário, imputo a responsabilidade do golo madrugador do SLB a falha do Polga e não à fortuna das águias.

JC said...
Amigo Vermelho:
O Paulo Bento falhou neste jogo com o SLB.
Não é por ter falhado um jogo que vou pedir a sua saída.
Aliás, é uma falha relativa e que, noutras circunstâncias, até poderia nem ter tido consequências no resultado.
Bastaria não ter acontecido o golo madrugador, onde a falha principal é do Polga;
Bastaria o penaltie ter sido assinalado;
Bastaria um Liedson ao seu nível.
Não é por este jogo que irei pedir a cabeça do treinador.
Desejo, aliás, que se mantenha durante muitos anos no SCP, independentemente dos resultados. “

Noutras ocasiões falei, é certo, da sorte do Benfica, mas nunca porque tenha marcado cedo.
O que agora se divulga é que o SCP tem sorte porque há 7 jogos que marca cedo, e com isso não posso concordar.

Antes morto que vermelho disse...

Lista (publicada n’ “A Bola”) dos jogadores contratados “na era-Veiga” pelo Benfica, isto é, de 2004/05 até à saída de Veiga da Luz: 32, entre os quais Yannick, Amoreirinha, Paulo Almeida, Carlitos, Bruno Aguiar, Alcides, Dos Santos, Everton, Karadas, André Luís, Delibasic, Beto, Karyaka, Moretto, Marco Ferreira, Manduca, Robert, Marcel, Manu, Paulo Jorge, Kikin Fonseca, Diego Sousa, Miguelito, etc. etc.

destaco pela positiva esse colosso do futebol, oriundo de Juracy do Iguaço: Paulo Almeida

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Não vale a pena o trabalho de pesquisa que teve, o nosso blogger insinua e passa a verdade universal. Se fosse ao contrário teríamos mais um amuo, um telefonema e consequente "Man...Brother...".

vermelhosempre disse...

Ora Viva, Muito Boa tarde.
A pedido de várias familias, cá estou eu.
Vira o disco e toca o mesmo, o coitado do cavungi é achincalhado diariamente e ainda tem tempo para responder.. Ganda a maluco.

No que diz respeito à actualidade futebolistica, acredito que o Sporting ainda pode chegar ao titulo, assim como o Benfica, pois pesnso que o Porto não vai conseguir ganhar os dois próximos jogos.
O Veiga e o Santos bem podiam fazer as malas e rumar ao Cazaquistão, e levar jogadorees como o Beto, Nuno Gomes e Moretto.
Saudações

VermelhoNunca disse...

Tenho a ideia que o nosso administrador está em trabalho de pesquisa. Amigo JC, tenha cuidado, que ainda é apanhado nalguma escuta...

JorgeMínimo disse...

Caro Madeiro:
Estou feliz pelo seu regresso. Como é que vai o seu Sporting? Ainda há hipótese?
Jorge Mínimo.

JC disse...

Caro Sempre:
Registo com agrado o seu regresso ao blog!!!!
Vejo que conseguiu acordar do pesadelo que o seu Benfica lhe provocou.
Bem regressado seja!

VermelhoNunca disse...

Caro Sempre, saúdo o seu regresso, pós empata com o Braga que o fez desaparecer. Afastamento de Nuno Gomes propõe o amigo? Como é possível sugerir isso a uma das bandeiras do Benfica. Nuno é dos jogadores que mais justifica o seu vencimento..

vermelho disse...

amigo jc:
não falaste em sorte nesse jogo, mas essa foi a regra nas apreciações que fizeste a propósito do Benfica.
Aliás, reconheces que falaste em sorte nos outros dois jogos.
O Sporting/Benfica terá sido uma das honrosas excepções.
quando afirmo que há que reconhecer alguma fortuna na forma como o Sporting tem obtido os seus golos nos últimos jogos reporto-me ao momento em que aconteceram os golos e ao modo como foram obtidos.
O Sporting tem jogado, por norma, pouco mais do que 20 minutos por jogo e no restante tempo tem-se limitado a gerir o resultado.

amigo nunca:
devolvo-te a pergunta, mas, desde já, te auxilio na resposta como uma transcrição de um comentário teu:
"Quero dizer que o Benfica ganhou bem, teve a sorte de marcar cedo e defendeu-se muito bem, sendo um justo vencedor. "
abraços.

VermelhoNunca disse...

Quero deixar aqui no blog uma frase proferida por um jogador, que dedico a Cavuvu e companhia: " É normal as pessoas assobiarem-me, embora não o devessem fazer. Deviam, sim, assobiar quem me dispensou, mas isso foi a melhor coisa que me aconteceu porque vim para um grande clube, que sempre me apoiou e acarinhou".
Um abraço. Força Naval

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, qualquer equipa que marque aos primeiros minutos de jogo, demonstra sorte. Não pode é o amigo, baseado na opnião de MST, apenas referir a sorte ,quando refere a postura actual do Sporting. Como vê, no meu comentário, dei os parabéns ao Benfica, pois, embora tivesse a sorte de marcar cedo, foi um justo vencedor. A sorte faz parte do jogo, e se não fosse a falta dela nas melhores exibições do Sporting este ano, se calhar agora ia em 1º.

JC disse...

Caro Amigo Vermelho:
Tenho falado em sorte do Benfica mas não por marcar cedo.
O que o MST sustenta e o teu artigo parece dar-lhe razão é que o SCP tem marcado cedo nos últimos jogos, logo, tem ganho com sorte.

JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho Nunca:
Como colocou as aspas no sítio certo, só pode ser uma citação do Miguel Veloso.

vermelhosempre disse...

Amigos Minimo, JC e Nunca. Obrigado pela recepção calorosa.

Amigo Minimo, em relação ao SANTACRUZENSE, e quando faltam 3 jornadas para disputar, estamos na 2ª posição a 6 pontos do líder, sendo que na ultima jornada vamos ao campo deste. Ainda há esperança, apesar de ser muito dificil, e amanhã pode ficar tudo resolvido.. ou ficar tudo por resolver.

Amigo JC, foi mais que um pesadelo, estas ultimas semanas têm sido um autêntico sofrimento, e tudo por culpa do Engenheiro que tb n deve ser engenheiro, tais os desiquilibrios que provoca na estrutura Benfica.

Amigo Nunca se o Nuno gomes justifica o vencimento que aufere eu deveria ganhar 100 milhões de euros por mês... e acho que respondo à sua pergunta.

Saudações

VermelhoNunca disse...

Exactamente amigo Mínimo. O dispensado, como é conhecido no meio.
AMigo Jc, faço exactamente a mesma leitura relativamente, quer à opinião de MST, quer à do nosso administrador, adepto do clube que dispensa quem não deve.

vermelhosempre disse...

Força Nacional.. Força Setubal.. Façam-nos acreditar.

vermelho disse...

amigo jc:
não me parece que seja simplesmente isso que o MST sustenta.
toca nesse ponto, mas vai mais longe quando afirma "Há sortes que caem do céu e há outras que se merecem: na Luz, eu achei, mais uma vez, que a sorte do Sporting cai quase sempre do céu e raramente é justificada em campo. Foi o que aconteceu: houve os primeiros quinze minutos em que o Benfica estava entontecido com aquele golpe madrugador, e mais quinze minutos à entrada da
segunda parte, em que cheirava outra vez a golo verde. Mas, findo esse período sem segundo golo, toda a equipa e o seu treinador não insistiram mais no assunto, dando a sensação de que até final se iriam limitar a defender o empate, esperando talvez por outro golpe de sorte ou um contra-ataque minimalista, com a bola pontapeada pelo Ricardo lá para a frente e o Liedson a resolver a coisa sozinho. A vitória do Sporting teria sido um desfecho de tremenda injustiça.”
MST não cola a sorte leonina apenas ao facto dos golos ocorrerem no primeiro quarto de hora, estende a sua observação à forma como os golos foram obtidos.
abraço.

amigo nunca:
a sorte é uma componente essencial no êxito.
não há campeões sem sorte.
não cinjo a minha análise ao Sporting a esse aspecto.
A sorte tem bafejado o Sporting, que a tem sabido capitalizar.
tem jogado cerca de 20 minutos por jogo, período em que tem obtido golos cruciais para o desfecho das partidas, e depois tem gerido com mestria a vantagem alcançada.
abraço.

JC disse...

Amigo Sempre:
Convém não se esquecer do Everson,
que descobri há pouco num artigo de um blog que ainda é do Benfica:
Passo a citar:

"Este jogador do Benfica chama-se: Everson. Veio para o clube para tentar fazer esquecer Tiago (ahahahahaha) durante a era Trapattoni. Jogou 22m...em toda a época. Depois foi emprestado para a Suíça, mas magoou-se e voltou. Desde então treina com o plantel, mas nunca joga e nunca jogará, apenas e só, porque não tem qualidade para tal. Hoje sabe-se que ganha 44 mil euros por mês. Perto de 9 mil contos. Ganha mais que, por exemplo, o habitual titular Katsouranis. Incrível."

vermelhosempre disse...

Amigo JC
Essa noticia a ser verdadeira é mais um exemplo claro de qeu o veiga é tão bom gestor quanto o Sócrates engenheiro.
Veja lá que eu nem sabia que ele encontrava-se no benfica.
Há coisas incriveis, não há??

vermelho disse...

amigo nunca:
o mundo do futebol está pejado de dispensas que se revelaram incorrectas.
lembro-me assim de repente de Rivelino, que o Sporting não quis, de Ronaldinho Gaúcho, que o Estrela da Amadora não quis, de Deco, que Sounesse não quis porque queria embolsar mais umas libras com Michael Thomas.
Miguel Veloso foi vítima da extinção das equipas B de cada um dos escalões por parte de Vale e Azevedo.
No seu primeiro ano de Iniciado, ou seja, quando integraria a equipa B desse escalão, não encontrou colocação na equipa do Benfica, por ter sido considerado gordo e lento.
Foi-lhe sugerido o empréstimo.
Não aceitou e saiu!
Um caso como tantos outros.
Neste quem o avaliou errou.
Mas, deixa que te diga que também me enganei na avaliação que dele fiz enquanto Juvenil.
Assisti à totalidade dos jogos da selecção portuguesa de Sub-16 na fase final do Europeu da categoria disputado em Viseu.
Miguel Veloso alternou a titularidade com o banco.
Do que vi, não me parecia demonstrar capacidade para integrar a equipa senior do seu clube.
Era baixo, lento e pouco agressivo.
aliás, quem segurava a defesa era o outro central um miúdo do Guimarães a quem perdi o rasto.
Daí para cá não mais o vi jogar.
Foi, para mim, uma surpresa a sua chamada ao plantel principal.
E surpresa maior foi vê-lo com mais de 1,80, forte e agressivo.
Penso que se pode tornar num excelente trinco, assim ganhe maior velocidade de execução e outra disponibilidade física.
abraço.

JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho:
Não esquecer o grande Quinito, que exigiu que o Romário viesse à experiência fazer testes ao FC Porto.

VermelhoNunca disse...

Segundo o pai de Veloso, o vosso capitão, não se passou bem isso, mas isso são águas passadas. Também lhe quero dizer que acompanhei vários jogos de Miguel na Academia, e , embora lhe reconhecesse qualidades, sempre lhe vi ares de vedeta, ao contrário, por exemplo de Moutinho, que nunca me enganou. Reconheço no entanto, que Veloso evoluiu , e muito.

vermelho disse...

amigo mínimo:
precisamente.
mas, esse também comprou N´Kongolo, esse grande central do Espinho, figura maior de uma derrota do Porto em Eindhoven por 5-0, que, aliás, ditou o seu despedimento.
abraço.

VermelhoNunca disse...

Esse Kongolo faz-me lembrar Nuno Gomes...tem tudo a ver. No caso do Nuno adapta-se mais o Semgolo.

vermelho disse...

amigo nunca:
Moutinho é um caso similar ao de Rui Costa no seu percurso nas selecções.
ambos só no final do seu percurso, nos sub-18, alcançaram a titularidade.
Moutinho impôs-se a João Coimbra e Rui Costa a João Oliveira Pinto.
abraço.

JC disse...

Caro Nunca:
Essa está muito boa!
Kongolo vs. Nuno Semgolo!

É ocasião para dizer... Boas casquinadas mandei!

Antes morto que vermelho disse...

madeiro... o anormaloide voltou!!
Táss bem ó merreta?
O que o trás por cá? Se calhar a mesma patetice de sempre... o C'vulva, o seu grande amigo, não está! se calhar está a praticar com o kit que recebeu de prémio!

Antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Antes morto que vermelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Antes morto que vermelho disse...

"N´Kongolo, esse grande central do Espinho, figura maior de uma derrota do Porto em Eindhoven por 5-0, que, aliás, ditou o seu despedimento"
mais uma alarvidade (um arroto)! esse jogador teve que abandonar o futebol e o fcp porque sofria de uma doênça chamada paludismo. O jogador morreu mais tarde vitimado dessa mesma doênça.
Censor: quem não sabe inventa, não é? e quem não inventa não é artista, certo?

Zex disse...

Caro N´Kama,
Penso que o blogger se referiu ao despedimento do Quinito e não do N'Kongolo, seu conterrâneo, aliás. A derrota do FCPorto por 5-0 ditou o despedimento do Quinito, não o do jogador que referi. O texto é equívoco, podia estar mais claro, é certo.
Recordo-me de um célebre 0-0, na Luz, em que N'Kongolo fez um corte em pontapé de bicicleta em cima da linha de golo. Não me parece que tenha sido um jogador assim tão mau que mereça a chacota do "censor", até porque já deixou o nosso mundo. Assim sendo, gozar com o mesmo é, no mínimo, de gosto muito discutível.

Sr. Madeiro,
Folgo em verificar que voltou a este espaço. Os benfiquistas andam aqui à míngua e, desde a derrocada final, que V. Exa. não intervinha. Pelo menos, o seu clube fica mais bem representado, uma vez que blogger e o calcinado Cavu têm feito um muito mau serviço. E, nota-se ainda, que o blogger está a precisar de ser muito bajulado, atenta a depressão que ostenta há semanas, e ninguém melhor que V. Exa. para executar essa pesada tarefa...

vermelhosempre disse...

Caro Zex,

O bloguer n precisa de ser bajulado por mim, pois já o é em casa, e conhecendo-o como o conheço não é o blog que lhe tira o sono.

Macucula estou de volta, e vejo com agrado que pelo menos vc tem moderado a sua linguagem como também já adoptou outra postura.
Vá lá que é macacao e não é tão burro como aparentava ser.

cavungi disse...

Amigo Zex,
Lembro-me desse corte na luz do N´kongolo.
Assisti a esse jogo na tua companhia e na do Macaco.

cavungi disse...

Amigo Sempre,
Bem vindo sejas.
Nunca me canso de ser "achincalhado" pelo bando dos 4.
Nunca, Minimo, Zex e Macaco dão pouca luta.

PS-Espero ter colocado bem as aspas.

Antes morto que vermelho disse...

madeiro: burro é o que tenho entre as pernas!
e vc madeiro esteve desaparecido porquê? ou andou em áfrica, mais concretamente na Etiópia, a fazer uma prospecção de jogadores que possam interessar à lampionagem?
o santos agradece o trabalho, o veiga viaja já amanhã para a Etiópia e o dumbo orelhudo convoca já uma conferência de imprensa para apresentar esse "fenómeno" do futebol africano/mundial... e o Cavuvu delira com a aquisição e afirmará (bolisticamente) "Trata-se de um "diamante" por lapidar"

VermelhoNunca disse...

Não fazia ideia que Kongolo tinha falecido. Recordo do penteado que usava, o que lha dava um ar bem feroz. Por falar em Penteado, alguém se recorda desse belo jogador?

cavungi disse...

Penteado tambem jogou no FCP.
Bons tempos!

VermelhoNunca disse...

Cavuvu, estou quase com vontade de lhe passar a chamar Calefante, tal a sua memória para o fenómeno.

cavungi disse...

Amigo Nunca,
Penteado e Walsh!
Grandes avançados do FCP!

Antes morto que vermelho disse...

celefante: o Walsh foi um dos melhores avançados que o fcp já teve.
de nome Michael Anthony Walsh, fartava-se de marcar golos principalmente de cabeça, uma vez, no velho j. alvalade quando o fcp empatou com o sporting 3-3, ele marcou todos os golos do fcp. o fcp só empatou porque tinha um guarda redes português, burro, frangueiro, grande e (como não podia deixar de ser com bigode)que se fartou de dar frangos.

quanto ao penteado passou sem deixar rasto (como tantos outros) pelo fcp, era oriundo do salgueiral ou do leixões era um jogador tipo malheiro (quando alguém deita os olhos pela 2ª divisão)
e porque não recordar esse "monstro" do futebol mundial chamado nelinho?

Antes morto que vermelho disse...

o celefante é doutorado em "A Bola" (daí a sua memória do fenómeno)), uma espécie de Henrique Calisto que tem a colecção toda de "A Bola" em casa.
Na UNI ou no brasil já era doutor... de quê? de "A Bola"!

salvatrucha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
cavungi disse...

Célia Macaco,
Nelinho ao que me lembro jogou no SLB.
Era careca e depois quando foi para o Farense ficou cabeludo.ratamento da Lusocabe.
Era melhor que o Manú, o Paulo Jorge, o Beto e o marco Ferreira todos juntos.
Volta Nelinho estás perdoado.

Antes morto que vermelho disse...

trouxa: depois ainda esteve no braga a arrastar-se e finalmente abandonou a bola e voltou ao seu bairro da liberdade para a sua barraca de sempre.
há pouco tempo um marreta em benfica limpou o cebo ao filho dele, com uma gasosa na mona.
mas uma coisa é certa enquanto jogou era um "belíssimo" jogador!

Antes morto que vermelho disse...

o celefante é o salvatrouxa!!

Antes morto que vermelho disse...

o celefante sobre de "doênça bipolar"!!