terça-feira, maio 29, 2007

Revisitando o Campeonato - Breves Notas - Os 3 Grandes

Porto

A ininterrupta liderança, ancorada numa primeira volta a roçar a perfeição, atesta a justiça do título conquistado pelo Porto.
Justa, mas sem uma supremacia evidente.
Não olvidemos que o campeonato apenas se definiu na última jornada e que o Porto totalizou tantas derrotas como Sporting e Benfica juntos.
Por outro lado, o confronto directo entre os grandes redundou num enorme empate, o que permite perceber a dimensão do equilíbrio.
Percebo que as últimas impressões são as que ficam, mas, ainda assim, custa alcançar a razão de tantos e tantos encómios dirigidos ao Sporting por oposição às sentenças depreciativas ditadas a propósito de Porto e Benfica!
Não foi o Porto que somou mais pontos?!
O Benfica não terminou o campeonato com apenas menos 1 ponto que o Sporting e invicto no confronto directo?!
É verdade que Paulo Bento escreveu uma página inédita na história do clube ao garantir a segunda participação consecutiva na Liga dos Campeões, mas caramba não terá sido demais?!
Parece-me que sim!
Dividindo o Campeonato em três partes iguais, a conclusão, sustentada por pontuações parciais, é inequívoca: o FC Porto brilhou no primeiro terço (25 pontos), o Benfica superiorizou-se no segundo (26 pontos) e o Sporting levou vantagem no terceiro (28 pontos).
O Porto ganhou pela quarta vez em cinco anos, a nona em 13, a 11ª em 16, a 14ª em 20 e a 16ª em 23.
Todavia, a época foi uma montanha russa, em que só a espaços a equipa conseguiu ser brilhante.
No final de 2006, tudo indiciava que o Porto seria em breve campeão, tal a sua consistência e superioridade.
Contudo, 2007 trouxe o advento de uma equipa titubeante e insegura, que alcançou o recorde negativo da pior segunda volta de um campeão nacional desde que o campeonato se disputa a três pontos.
Após cederem apenas cinco pontos na primeira volta (1-2 em Braga e 1-1 em Alvalade), o Porto desperdiçou 16 na segunda.
Paupérrimo!
Na segunda volta, logrou sobreviver na Luz e em Paços de Ferreira, mas nos demais jogos de grau de dificuldade elevado soçobrou.
Perdeu com o Sporting em casa, num jogo que poderia ter redundado na criação de uma vantagem de 11 pontos sobre os leões e no Bessa.
Uma primeira volta fulgurante alicerçou e alavancou a conquista do título - 13 vitórias dizem da competência portista, que não encontraria correspondência na segunda metade do campeonato.

Sporting

Com uma equipa baseada na juventude do omnipresente João Moutinho, da revelação Miguel Veloso e do imprevisível Nani, numa defesa segura, liderada por Anderson Polga, e nos golos de Liedson (melhor marcador da prova, com 15), o Sporting deve queixar-se de si próprio.
Apesar de terminar o campeonato com uma série de 18 jogos seguidos sem perder, invictos na condição de visitantes e com a melhor defesa, o Sporting claudicou no meio da prova, quando, entre a 15ª e a 20ª jornada, somou cinco empates, um deles penoso, na recepção ao Aves (0-0) e que lhe poderá ter custado a conquista do título, mais do que as derrotas averbadas com Benfica e com Paços de Ferreira, acabaram.

Benfica

Um início desastroso, com apenas quatro pontos conquistados (em 15) nas primeiras cinco deslocações, determinou a época de uma equipa que chegou a estar a longínquos 11 pontos de distância do Porto, embora com um jogo em atraso.
O Benfica logrou, no entanto, recuperar, quando já não parecia possível, terminando a temporada com 21 jogos consecutivos sem perder (a última derrota sucedeu a 17 de Novembro, em Braga).
Podia ter alcançado a liderança na partida em casa frente ao Porto, mas falhou e iniciou aí a série de resultados que o afastou do título, pois averbou três empates nos quatro jogos seguintes (2-2 em Aveiro, 0-0 com o Braga e 1-1 com o Sporting), numa altura em que, também, pesou o afastamento da Taça UEFA, as lesões de Luisão e Simão e a ausência de rotatividade.

36 comentários:

vermelho disse...

amigos:
continua o desvario na Briosa:
Ricardo, guarda-redes do Varzim, e Pedrinho, lateral direito do mesmo clube, negociados por 500 mil Euros!!!
Haja dinheiro.
Pittbul confirmado no negócio Lino, juntamente com Ezequias, em definitivo, e Hélder Barbosa, emprestado.
Hélder Rosário e Lucas muito próximos.
Pedro Roma e Vinha ainda não renovaram.
abraço.

JC disse...

Amigo Vermelho:
Estou a começar a ficar preocupado com o que se passa na Briosa.
Machado está cada vez mais a parecer-me o Artur Jorge do Benfica, com a agravante de que não sofreu nenhuma operação ao cérebro.
Vejamos o que é que isto vai dar.

Quanto ao artigo de hoje, confesso que gostei bastante de o ler, pois que sintetiza bem o que foi a presente época futebolística dos três grandes e, no geral, concordo com tudo o que é dito.

Apenas não acho que o Benfica tenha perdido a hipótese de ser campão na 1ª parte do campeonato, quando esbanjou muitos pontos, mas sim no decisivo jogo SLB-FCP.
Depois de ter encetado uma grande recuperação, e com apenas um ponto de atraso, o Benfica não se conseguiu superiorizar aos dragões naquele jogo decisivo.
Apesar do esbanjamento inicial, tivesse o Benfica ganho esse jogo e ficava à frente do campeonato com dois pontos de avanço.

Quanto ao entusiasmo à volta do SCP, ele tem a sua justificação ou justificações.
Desde logo, é a forma entusiasmante como o SCP joga, nos seus melhores momentos.
Depois, é a total empatia entre jogadores, adeptos, direcção e treinador, o que não sucede nos outros dois grandes.
No Benfica, quem gosta do Imbecil? Quem gosta do Veiga? Quem gosta do Beto, do Derlei e do Marco Ferreira? Quantos críticos não têm Nuno Gomes, Anderson, Miguelito, e mesmo Nélson?
E no FCP, quem admira Jesualdo Ferreira? Quantas críticas não recebeu durante a época?
Finalmente, factor também de elogio da equipa do SCP é a juventude dos seus jogadores, a maior parte deles portugueses e oriundos das camadas jovens, e a própria juventude do treinador.
Penso eu ser mais fácil admirar jovens promessas portuguesas como Nani, J. Moutinho, M. Veloso, do que uma jovem promessa brasileira como Anderson.
É mais cativante o trabalho de um treinador em início de carreira que foi um jogador respeitado como Paulo Bento do que o trabalho de um qualquer Fernando Santos que tem no seu currículo ter perdido um campeonato com Jardel na equipa ou de um Jesualdo de 60 anos que já foi corrido do Benfica e que só agora ganhou alguma coisa.
E é de admirar também como é que uma equipa com um orçamento muito inferior aos rivais competir com eles pelo título.

E mesmo em termos numéricos, o SCP, na sua fase superior, foi mais superior que os rivais, pois que fez mais pontos (28) que SLB (26) e FCP (25).

Por tudo isto, não é de admirar que o SCP seja mais elogiado que os demais, apesar do equilíbrio pontual no final do campeonato.

JC disse...

E já alguém sabe do Tello?

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Ainda não há informações, suspeita-se que terá viajado para a Alemanha, provavelmente para encetar contactos com algum clube.

cavungi disse...

Amigo Vermelho,
Concordo com o amigo Jus.
O Benfica perdeu o campeonato na luz com o FCP e também com o SCP.
Infelizmente está a criar-se na luz o "complexo lagarto":Falhar na Hora H.
Falhámos mais uma vez.
Penso também que Paulo Bento é de longe melhor treinador que o Jesualdo e o Engº juntos.
Aqui reside o 2º lugar no campeonato.Em Paulo Bento.
A taça teve um misto de sorte (percurso)e valor.(ganhou)
O FCP foi campeão.Apesar de Jesualdo.
Teve mais pontos, poucos mais, mas chegou e é o que fica para a história.
O equilibrio, nivelado por baixo, foi a nota dominante desta prova.
O Futuro?
Infelizmente vejo o SCP como o grande candidato ao titulo do próximo ano.
O FCP vai ser o mesmo deste ano e o Benfica vai ser ainda pior.
Morte a Vieira Morte ao Engº.
Que se fod*m 367 vezes por dia.

vermelho disse...

amigo jc:
notícia do Mais Futebol:
"Rodrigo Tello está a fazer testes médicos no Besiktas, segundo apurou o Maisfutebol. O chileno, que tinha acordado a renovação com o Sporting por mais quatro anos, não compareceu para assinar o vínculo e já terá chegado a acordo com o clube turco.
O jogador mantém-se incontactável desde esta terça-feira, altura em que ia fazer um exame, devido a queixas na coxa esquerda, e iria assinar um novo contrato com os leões."
abraço.

cavungi disse...

Amigo Vermelho,
LFV está desde 2003 no SLB.
Tem 3 titulos.É mau demais para ser verdade.
Lí o artigo do MST de ontem e fiquei ainda mais deprimido do que já estava.
Porquê?
Porque infelizmente e tudo verdade.
LFV a não ser no Betão é um derrotado.
Não tem berço, não tem classe, não tem formação.
Elementos essenciais para se qualificar como ser humano.
Para mim está desqualificado.

cavungi disse...

Amigo Minimo,
A ser verdade, Tello faltoyu a sua palavra e como tal não vale nada.
Que vá.
Que se drogue em Istambul é o meu desejo.

JorgeMínimo disse...

Caro Sr. Administrador:
Ontem esqueci-me de ler o artigo do MST no jornal "A Bola", seria possível transcrevê-lo aqui no blog.
Abraços, Jorge Mínimo.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
... E será que ele deu a sua palavra? Não podemos confiar a 100% nos jornais. A única coisa certa é que ele é um jogador livre e pode ir para onde quiser. Espero sinceramente que não vá para um dos rivais.

cavungi disse...

Amigo Vermelho,
Poderás confirmar se Soares Franco ficou com a "Mont Blanc" na mão?
Ou Tello ligou a avisar?

JC disse...

Caro Cavungi:
Três títulos em três anos para LFV não é mau de todo.
É, até, um bom pecúlio, bem melhor que o único título que o SCP conquistou em cinco anos.
Não é por aí que se deve criticar o LFV.

Quanto ao Tello, desiludiu-me e mostrou ser um homem sem carácter.
Com tudo acertado com o SCP, clube onde milita há seis anos, se não me engano, desapareceu sem dar cavaco, certamente aliciado pelo dinheiro.
Num ano em que fez a sua melhor época no SCP, em que mais jogou, sendo merecedor da confiança do treinador, defraudou clube, colegas e adeptos.
É lixo.
Que se vá embora.

Secundo aqui o pedido do Mínimo:
Seria possível publicar o artigo de ontem do MST?
Esperava por ele ontem quando em seu lugar surgiu o do Paulo Sousa.

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
O que vem nos jornais não é a realidade a 100%. O Tello pode perfeitamente não ter chegado a acordo com o Sporting. Aliás, ainda não ouvi ou li alguém da SAD a dizer que estava tudo acertado com o jogador.

JC disse...

Caro Mínimo:
Ao que ouvi dizer, chegou a deslocar-se a Alvalade um Notário para assinarem o contrato com o Tello e que estiveram o dia todo à espera que o Tello aparecesse ou dissesse alguma coisa.
O próprio empresário do jogador esteve presente à espera dele.
Isso não é sinal de que estava tudo acertado entre as partes?

Tello=Lixo.

vermelho disse...

amigos:
o artigo do MST será publicado amanhã.
Na silly season, tenho que gerir os conteúdos...
abraço.

p.s. em relação ao Tello, faço meu o último comentário do JC.
em relação ao LFV, amanhã após a publicação do artigo MST pronunciar-me-ei.
abraço.

vermelho disse...

amigos:
segundo a BB, Tello já assinou pelo Besitkas e David Gill e Carlos Queiroz estão em Lisboa para negociar Nani.
Romagnoli pode sair, tendo o Sporting até amanhã para exercer opção de compra.
O jogador tem várias opções na Europa, mormente em Espanha.
Sporting afirma que Tello tem compromisso com o clube, muito embora Salema Garção diga que de boca.
Sporting aguardava ontem por Tello para firmar o que haviam acordado verbalmente.
Lucarelli é hipótese para o Benfica.
abraço.

vermelho disse...

amigos:
notícia do Mais Futebol:
"Dirigentes de Sporting e Manchester United reuniram-se esta manhã, num hotel de Lisboa, para discutir a transferência de Nani.

Um encontro secreto, ao mais alto nível, onde estiveram David Gill, director-geral, e Carlos Queiroz pelo Manchester United; Miguel Ribeiro Telles e Carlos Freitas pelo Sporting e ainda Jorge Mendes, empresário de Nani.

A reunião começou manhã cedo.

Por volta das onze horas, David Gill e Carlos Queiroz deixaram as instalações da unidade hoteleira. Ambos muito bem dispostos, com o treinador português particularmente divertido. Quanto a palavras, nada.

David Gill é o homem do Manchester United que fecha os contratos e trata das mais importantes questões no futebol do clube. A sua presença em Lisboa indica que não se trata de uma qualquer reunião preparatória, mas sim de uma ronda de negociações ao mais alto nível.

Cerca de meia hora mais tarde foi a vez de o empresário Jorge Mendes deixar o hotel. «Não posso fazer comentários», foram as únicas palavras, quando confrontado com a possibilidade de Nani se transferir do Sporting para o Manchester United.

Por esta altura, continuam no hotel Ribeiro Telles e Carlos Freitas."
abraço.

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Os únicos culpados da situação do Tello são os dirigentes da SAD do Sporting. Tiveram uma época inteira para chegar a acordo com o jogador, não-o fizeram, mesmo quando já se sabia que havia clubes interessados. Agora não adianta "chover no molhado". Além do mais, o Tello fez uma boa época, mas na generalidade do tempo que passou no Sporting, raramente foi titular. Agora há que pensar em colmatar esta saída, com a entrada de outro elemento, se possível que seja uma mais valia para o plantel.

JorgeMínimo disse...

Aqui segue a notícia do Tello no jornal "Marca":


"Rodrigo Tello no se presenta a la firma de su contrato con el Sporting
El internacional chileno Rodrigo Tello no acudió a la firma del nuevo contrato de cuatro años que había apalabrado con los dirigentes del Sporting, según informó el diario 'A Bola'. El jugador no se presentó el pasado martes en las instalaciones del club lisboeta, donde los dirigentes del reciente campeón de la Copa de Portugal esperaban firmar un contrato que hubiese significado para Tello poner fin a su carrera deportiva en las filas del club del Estadio José Alvalade.

La prensa portuguesa informó de que el Sporting presentó una renovación con una ligera mejora en el salario reflejado en el actual contrato, que rondaría los 25.000 euros mensuales, cantidad que el futbolista ya había advertido que consideraba insuficiente. 'A Bola' subraya el malestar entre la directiva del Sporting por la actitud de Tello, que según el rotativo podría encontrase en el extranjero negociando con otro club un nuevo contrato.

El chileno llegó al Sporting en la campaña 2000-2001 desde el Universidad de Chile de su país natal, donde nació en 1979. El futbolista, que contó durante toda la campaña con la confianza de Paulo Bento, jugó parte de la temporada como lateral izquierdo."


Curioso que para a "Marca" o Sporting foi campeão da taça.

vermelho disse...

amigo mínimo:
essa é a nomenclatura utilizada em Espanha.
abraço.

JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho:
Eu sei, mas achei engraçado, depois da polémica de ontem.

JC disse...

A marca vem dar razão às comemorações do SCP, e contrariar o que Cavungi aqui havia dito ontem.
"Champions of the Tace", como disse ontem Cavungi, faz, pois, todo o sentido.

Caro Mínimo:
Com a saída de Tello, fica aberto um lugar para a entrada de mais um jovem oriundo das formação.
Penso que é chegada a hora de André Marques.
recorda-se seguramente que, o ano passado, quando Bento tomou conta da equipa, André Marques foi lançado a defesa esquerdo, preterindo, assim, Rodrigo Tello nessa posição.
Este ano, André Marques rodou no Olivais e Moscavide e ainda recentemente o treinador desta equipa disse que o jogador estava pronto para entrar no plantel principal do SCP.
Com a saída de Telo, fica aberto o lugar para o miúdo.
Venha ele.

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Duvido que o André Marques tenha categoria para jogar na equipa principal do Sporting assiduamente. Poderá, também, ser uma nova oportunidade para um filho de um ex-capitão do eterno rival, no caso Tiago Pinto. Mas, para mim teria toda a lógica ir buscar um novo defesa esquerdo, se possível comunitário e com provas dadas. A 4ª hipótese, ao nível do sonho, chegar a acordo com o Roberto Carlos e contratá-lo por uma época. Mesmo velho, para o nosso campeonato chegava.

vermelho disse...

amigo mínimo:
partilho da tua opinião em absoluto.
André Marques não me parece suficientemente capaz e Tiago Pinto ainda está muito "verde".
O Sporting ainda conta com Ronny, o qual também me parece não cumprir os requisitos mínimos e Caneira, caso permaneça.
Assim, penso que a contratação de um lateral esquerdo se tornou prioritária.
abraço.

p.s. Roberto Carlos é inacessível a qualquer clube português.

vermelho disse...

amigo mínimo:
porquê comunitário?
para a próxima época inexistem quaisquer limitações decorrentes da nacionalidade.
apenas existe a obrigatoriedade de inscrever jogadores formados localmente.
aliás, incompreensivelmente, também, terminaram as limitações a estrangeiros nas camadas jovens.
por isso é que vimos hordas de sul-americanos a chegar ao Benfica e Sporting para treinarem à experiência.
abraço.

JC disse...

Amigos Vermelho e Mínimo:
Não sei porque dizem que o André Marques não está em condições para jogar na equipa principal do SCP.
A menos que tenham acompanhado a época que fez no Olivais e Moscavide, o que não creio.
Miguel Veloso veio também do Olivais e Moscavide, onde rodou uma época e estava perfeitamente capaz.
O treinador do Olivais e Moscavide diz que sim, contrariamente ao Fábio Paim e a outro jogador que não me recordo o nome, em relação aos quais refere não estarem ainda aptos a passarem para a equipa principal do SCP.
Esperemos para ver a pré-época que faz.

VermelhoNunca disse...

Amigo JC, concordo em absoluto consigo. Mas será que o nosso administrador tem olheiros nos Olivais? Ou seré que está a confundir os Olivais da Coimbra, com os de Lisboa?
Eu conheço pessoalmente um colega de Marques, colega de equipa. Aliás ex-junior do Sporting. Na opinião dele Marques está pronto. Eu não sei, porque não o tenho visto jogar.

vermelho disse...

amigos JC e Nunca:
eu disse "André Marques não me parece suficientemente capaz".
Não me parece.
Não passei da impressão!
Por aquilo que vi nas camadas jovens e no ano passado, parece-me um jogador com bom sentido posicional, forte, alto, que fecha bem dentro e dotado de um forte pontapé.
Todavia, não me parece que seja capaz de explorar o flanco ofensivamente.
Parece-me ter problemas ao nível do drible e da velocidade (estes fruto da sua estrutura física).
abraço.

p.s. até parece que a palavra de Rui Dias, que conseguiu descer o Olivais e Moscavide é uma verdade irrefutável...
abraço.

vermelho disse...

amigos:
parece que se confirmam as negociações entre Sporting e Man United:
"O presidente do Real Massamá, José Pereira Libório, revelou ao Maisfutebol que o clube está a acompanhar as negociações entre o Sporting e o ManUtd para a transferência de Nani, jogador formado no clube da segunda divisão.

«Estamos a par de tudo, temos um director das camadas jovens que está a acompanhar a situação», disse José Libório.

Caso as negociações tenham sucesso o Real Massamá terá direito a cinco por cento do valor que será pago ao Sporting, por direitos de formação. «Está tudo definido ao pormenor com o Sporting. Ficou definido no contrato, quando Nani foi para o Sporting, que nós teríamos direito a cinco por cento do valor de uma possível transferência», acrescentou o dirigente.

Nani começou a dar os primeiros passos no futebol no Real Massamá, onde esteve desde os 8 aos 15 anos. José Pereira Libório, que acompanhou a evolução do atleta, mostrou-se feliz com a possível ida para o ManUtd: «Estou feliz por ele e não só por ele. Vamos tentar fazer sempre o melhor para que os nossos atletas tenham sucesso»."
abraço.

JC disse...

Era o que eu ontem aqui dizia.
Infelizmente, o Manchester parece que está mesmo disposto a pagar a levar o Nani.
É uma grande perda desportiva para o SCP.
Financeiramente, já não estou tão certo se não será um bom negócio.
20 milhões de euros é um valor muito elevado para o nosso futebol e o SCP deve precisar desse dinheiro como de pão para a boca.
Se se confirmar a hipótese de o Nani continuar um ano a jogar emprestado no SCP, então os prejuízos desportivos serão amenizados.
Sempre se poderá dizer que, renovando o contrato com o Nani, poderia sair para o ano por 30 milhões de euros.
Não estou tão certo disso.
Primeiro, porque ninguém sabe ao certo o que nos reserva o futuro, nomeadamente se Nani manteria o nível exibicional para o ano - não nos esqueçamos do período negativo que Nani atravessou este ano.
E, por outro lado, importa saber se algum clube estaria disposto a pagar esse valor por ele para o ano.
Lembremo-nos que pelo Simão Sabrosa nenhum clube apareceu a dar 20 milhões de euros.
Assim, 20 milhões por Nani não é mau negócio, na conjunctura financeira actual do SCP, e caso continue emprestado por mais um ano ao SCP, como se avançava ontem, então seria ouro sobre azul.

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Ainda não foram divulgadas quaisquer cifras envolvidas no negócio.

JC disse...

Caro Mínimo:
Pois não, mas a sair agora, só se compreende que tal suceda mediante o pagamento da cláusula de 20 milhões.
Foi, aliás, o que disse Soares Franco recentemente.

Antes morto que vermelho disse...

A loucura do bandalho: "...Na segunda volta, logrou sobreviver na Luz..."

fanático ressabiado!!

Antes morto que vermelho disse...

jc: o sabujo-bolistico de sempre... o maior "brown-nose" da net!

Antes morto que vermelho disse...

cavu:a lampionagem podia contratar o tello, sempre é melhor que o careca leo...

Antes morto que vermelho disse...

Para quem desejar ler o artigo do MST:
http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

sempre é mais fácil que esperar que o bandalho o disponibilize.