terça-feira, maio 01, 2007

A Profissionalização dos Árbitros

A jornada deste fim de semana revelou-se assaz eloquente na expressão das vantagens e dos inconvenientes da profissionalização dos árbitros no futebol português.
Comecemos pela arbitragem de Pedro Henriques no Benfica-Sporting.
Aos 7 minutos, Caneira faz falta sobre Miccoli e Pedro Henriques exibe-lhe o cartão amarelo.
Uma das vantagens da profissionalização dos árbitros redunda, precisamente, na possibilidade de realização de reuniões semanais entre os árbitros e a Comissão de Arbitragem da Liga no sentido da fixação de critérios uniformes na apreciação de lances tipo.
Este é um lance tipo, mas nem sequer a “jurisprudência” publicada se mostra coincidente na sua avaliação - no Tribunal d´O Jogo, Jorge Coroado e António Rola afirmaram a justeza da decisão de Pedro Henriques e Soares Dias e Rosa Santos asseveraram que se justificava a exibição do cartão vermelho.
Recordo um outro derby lisboeta, da época 2004/2005, que o Sporting venceu por 2-1 e no qual o árbitro Duarte Gomes expulsou Rui Jorge (36 minutos) e Alcides (66 minutos) por situações idênticas à de Domingo entre Caneira e Miccoli.
Urge que a “doutrina” e a “jurisprudência” se coloquem de acordo no que se reporta ao preenchimento dos conceitos indeterminados que pululam nas directivas da FIFA.
As “normas em branco” que a FIFA tem produzido constituem parte do problema e não parte da solução.
Exige-se o estabelecimento de critérios claros que diminuam a subjectividade. Quando tal não sucede a montante – FIFA – postula-se que aconteça ajuzante – Comissão de Arbitragem da Liga.
Ainda assim, penso que este benefício decorrente da profissionalização dos árbitros pode e deve ser alcançado no actual figurino de semi-profissionalização, não com a periodicidade assinalada, mas sempre que se verifiquem interrupções no campeonato.
A profissionalização dos árbitros pode e deve servir a possibilidade de visionamento conjunto ou individual das prestações semanais de cada árbitro, em ordem não só à tal uniformização de critérios, mas também ao seu aperfeiçoamento técnico.
Por outro lado, a profissionalização dos árbitros pode e deve servir a possibilidade de visionamento de jogos anteriores das equipas que cada árbitro será chamado a dirigir no encontro para o qual foi nomeado na semana seguinte.
Também no que concerne a estas vantagens, o semi-profissionalização responde satisfatoriamente, com a excepção do visionamento conjunto das prestações semanais de cada árbitro.
Aquela que se me afigura como a maior das vantagens decorrentes da profissionalização dos árbitros assenta na melhoria da condição física dos árbitros.
A dedicação exclusiva à arbitragem importa ganhos físicos evidentes.
Mas, se estas são as principais vantagens da profissionalização dos árbitros, parcas como vimos, já os inconvenientes superam-nas e muito.
E aqui tomemos como exemplo a arbitragem de Olegário Benquerença no Académica-Braga.
Olegário Benquerença esteve paupérrimo tanto no capítulo disciplinar como no aspecto técnico. Mas, detenhamo-nos no lance da expulsão de Káká.
Olegário assinalou uma falta, a meio-campo, ao defesa brasileiro e este esbracejou em protesto com a decisão.
Olegário, qual virgem ofendida, exibiu-lhe o cartão amarelo, que sendo o segundo, importou a expulsão de Káká e redução da Académica a dez jogadores, a 33 minutos do fim.
Olegário, neste como noutros jogos, não puniu com a mesma severidade entradas violentas susceptíveis de cercearem, directa ou indirectamente, as carreiras de quem as suporta.
Ou seja, este árbitro com o estatuto de internacional e que pertence ao designado grupo de elite da UEFA, entende ser de punir com maior rispidez qualquer acto supostamente atentatório da sua condição de figura máxima no jogo do que condutas lesivas da integridade física dos jogadores.
Um exercício de autoridade pela autoridade numa vã tentativa de demonstração de que se a possui.
De tão destituída de sentido que foi a decisão de Benquerença, da autoridade que se pretendia exibir apenas restou a aparência.
Haja decoro! Haja bom senso! Haja decência!
Olegário acumulou mais uns quantos erros, mas que melhor ilustração poderia existir para a afirmação da falta de qualidade dos árbitros portugueses.
A profissionalização não resolve o problema da falta de qualidade.
Pelo contrário, tende a eternizá-lo.
A profissionalização dos árbitros importa, como diria La Palisse, a criação de uma profissão, a qual terá que ter perspectivas mínimas de durabilidade e sustentabilidade para ser cativante.
Isto é, a profissionalização implica um quadro fechado de árbitros.
Não concebo como um árbitro possa abdicar da sua profissão em favor da arbitragem expondo-se ao risco de ao fim de um ano ficar desempregado.
Por outro lado, o próprio investimento na formação e no aperfeiçoamento dos árbitros implica a estabilização do seu quadro.
A Liga não pode ver o seu esforço financeiro “desaparecer” ao fim de um mísero ano.
A profissionalização impõe que se eleja um núcleo restrito de árbitros por um período mínimo de 5 anos.
Só assim se rentabiliza o próprio investimento da Liga e se torna aliciante a carreira de árbitro.
Claro que em teoria bastaria escolher os árbitros internacionais para que a qualidade emergisse assegurada.
Todavia, como supra se evidenciou, não é assim.
Por esta razão e por entender que a profissionalização não resolve nenhum dos problemas da arbitragem, rejeito, em absoluto, esta solução.
Os problemas da arbitragem são outros e muito mais profundos.
Na formação, prendem-se, essencialmente, com a qualidade dos formadores e da própria formação.
A falta de qualidade tende a reproduzir-se.
A formação deveria estar a cargo dos melhores árbitros.
Na promoção na carreira, assenta no modo como os árbitros são classificados.
Urge rever o arcaico e bafiento sistema das delegacias de observação dos árbitros, em que reina o compadrio e a corrupção.
Deficiências estas que se repercutem e de que maneira nas competições profissionais.
Os árbitros que a elas ascendem, para além de na sua esmagadora maioria não serem os melhores, apresentam problemas vários de formação de base.
Competições profissionais que enfermam dos mesmo males.
Nestas, a simples alteração dos critérios de classificação dos árbitros importava melhorias qualitativas evidentes.
Consignar que a nota atribuída ao árbitro num dado jogo resultaria da conjugação da apreciação do observador e de um painel de ex-árbitros internacionais, sendo ambos os relatórios públicos e desconhecidos quer de uns quer de outros, aportaria maior verdade e transparência.
Para além de assim se atenuarem distorções, o controlo público emerge como imperativo no extermínio das corruptelas.

80 comentários:

JorgeMínimo disse...

Caro Sr. Administrador:
Concordo consigo quando defende a profissionalização dos árbitros, mas só isso não chega. Urge a implementação do vídeo nos jogos e a utilização de mais árbitros assistentes e bolas com sensores.
Já agora também podia ter falado de outra situação polémica, que se passa constantemente nos cantos. Os agarrões dos que defendem aos que tentam marcar golos, cuja última vítima foi o Polga no jogo da Luz. Penalty claro, que não foi assinalado.

JC disse...

Caro Amigo Vermelho:
Ainda bem que trazes este tema à colacção.
Permite-me manifestar aqui a minha enorme indignação contra a arbitragem indecente e descaradamente tendenciosa desse palhaço que de Larápio não tem só o nome.
A arbitragem do jogo AAC-Braga foi um escândalo de tal tamanho que só a reduzida dimensão do clube de Coimbra e o amorfismo dos seus dirigentes impede que acarrete outras consequências.
Mas como a mim ninguém me cala, vou-me servir deste blog para manifestar a minha profunda indignação.

Em três lances capitais, o Larápio conduziu autenticamente a Académica para a derrota.
Não falo do lance do golo do Braga, porque Zé Carlos estava em jogo quando partiu para a bola.
Falo no 2º amarelo a Káká, no golo limpo anulado à Académica e no penaltie descarado e evidentíssimo a favor da Académica que não foi marcado.

O amarelo ao defesa da Briosa é cirúrgico.
A falta é perfeitamente normal e não é merecedora de amarelo: ocorre no meio campo, no desenvolvimento de uma normal jogada do Braga. Aliás, o árbitro não mostra o amarelo a seguir a esse lance, mas sim apenas alguns segundos após, o que demonstra não ter sido pela falta que surgiu o amarelo.
Terá sido antes por protestos.
Mas que protestos?
O Káká, após a falta que cometeu, dirigiu-se para a sua área e de costas para o árbitro levantou e baixou o braço. Onde é que isto é motivo para amarelo? Quantos protestos muito mais abusivos não se vêem em todos os jogos sem qualquer sanção?
O árbitro estava de má-fé, e sabendo que o Káká tinha já um amarelo, viu aqui a oportunidade para o expulsar.
Ainda estava 0-0.

Depois, o golo anulado à Briosa.
Livre a favor da Académica, o árbitro apita para a sua execução -o apito ouviu-se bem no campo e, segundo me disseram, também na Sport TV - Pitbull remata e é golo!
O lance foi à minha frente e mesmo antes da bola entrar - mas muito depois de ter sido chutada - reparei que o árbitro começa a mexer-se e leva o apito à boca!!!
O golo é escandalosamente anulado, percebendo-se depois, pela movimentação do árbitro, que terá sido por um defesa do Braga que estava na barreira ter empurrado um jogador da Académica!
Mas que é isto?
O árbitro apitou para o livre ser marcado e porque é golo anula o lance???
Porque durante a trajectória da bola para a baliza um jogador do Braga empurra um jogador da Académica??

Finalmente, o penaltie.
O penaltie é evidente.
Não é bola na mão nem mão na bola nem à queima roupa nem no enfiamento do corpo nem nada que admita qualquer tipo de especulação.
É penaltie.
Passou-se, de novo, á minha frente: um jogador da Académica remata para a baliza e um defesa do Braga estica o braço e intercepta a bola com a mão.
Não é aquele tipo de lances em que a bola vai à mão do jogador na área, ficando a dúvida se foi intencional ou não.
Não há dúvidas nenhumas: o defesa do Braga cortou a bola intencionalmente com a mão.
O àrbitro estava a dois metros do lance e nada assinalou. Nada!
Foi o último lance do jogo.

Três lances capitais, com influência mais que directa no resultado, que ditaram a derrota da Briosa - e vamos ver se não contribuiram decisivamente para que a Académica desça de divisão!
E era este o árbitro que estava para ser nomeado, ao que dizem, para o Benfica-SCP!!!!

VermelhoNunca disse...

Fora do tema do dia, quero enviar um abraço especial para os condóminos Zex e Holtreman. Encavaram. Incharam.
"You'll Never Walk Alone "

vermelho disse...

amigo JC:
concordo, em absoluto, com o que dizes.
posso confirmar que o apito foi audível na Sporttv.
audível e bem.
estava a jantar e mesmo num restaurante com o inerente barulho consegui ouvir o apito.
parece que o golo terá sido anulado porque o Paulo Jorge saiu da barreira antes da marcação do livre.
Benefício claro do infractor!
incompreensível!
clara má-fé ou clara falta de conhecimento das regras!
Quer num caso, quer noutro é demasiado grave para que passe sem a devida censura!
quanto ao penalty, nenhuma dúvida.
o Paulo Jorge corta, deliberadamente, a bola com a mão.
Curioso foi o diálogo que o Olarápio entabulou com o Brum.
O Brum vociferava que o jogador do Braga tinha jogado a bola com a mão e o Olarápio dizia-lhe que sim, mas que não seria caso para penalty, o que torna tudo mais grave.
Olarápio viu, mas não soube interpretar o que viu!
não soube ou não quis saber!
A arbitragem de Olarápio devia envergonhar todos os dirigentes da arbitragem que permitiram a sua ascensão a internacional.
Dizem que subiu na arbitragem à conta de favores sexuais prestados a Vautrot...
quanto à descida da Briosa, em princípio, será problema que não se coloca, pois que possui 4 pontos de avanço sobre o Setúbal, equipa que irá defrontar, tal como a Académica, Benfica e Sporting, e 6 do Beira-Mar, sendo que dos 9 em disputa os aveirenses teriam que contabilizar, pelo menos, 7.
abraço.

amigo nunca:
estou a ver que partilhamos uma paixão clubística...
abraço.

VermelhoNunca disse...

É verdade amigo Vermelho. ALiás podemos comprovar isso mutuamente no concurso Fantasy onde ambos entramos.

JC disse...

Caro Amigo Vermelho:
Como sabes qual foi o diálogo mantido entre Brum e o Larápio?

A propósito, dizer que Brum fez um grande jogo - acho que contra o beira-mar também já tinha sido o melhor em campo - o que torna ainda mais inexplicáveis os motivos pelos quais Manuel Machado o tem preterido tantas e tantas vezes!
Contra o FCP, por exemplo, nem alinhou de inicio!
Aliás, Machado tirou para este jogo mais um coelho da cartola, Gelson de seu nome, o que, na prática, fez com que a Académica jogasse com 9 até à expulsão do Káká - Gelson e Gyano jogaram de início.
De forma que a expulsão não foi sentida, pois que logo após esta Gelson foi substituído por Alexandre. Ou seja, saiu um jogador - Káká - e entrou outro - Alexandre.
Gelson não conta.

vermelho disse...

amigo JC:
porque a Sporttv o filmou.
nas imagens é perfeitamente perceptível Olarápio a dizer ao Brum - "Toca, Toca, mas não é penalty".
Quanto ao Gelson e ao Gyano, abstenho-me de fazer mais comentários.
São dois simulacros de jogadores de futebol!
abraço.

JC disse...

Toca Toca mas não é penaltie?!?!?!?
Mas que é isto?
Então quando é que, tocando, é penaltie???
Quererá o Larápio explicar?

vermelho disse...

amigo jc:
o Olarápio não pode explicar o inexplicável.
abraço.

cavungi disse...

Amigo Nunca
Caminhamos para o sexto caneco!
"Walk on, Walk on, with hope in your heart"
18+5 = Liverpool.

cavungi disse...

Amigo Vermelho,
Benitez só não fez três finais da liga dos campeões seguidas, porque teve o azar de apanhar o SL Benfica o ano passado.
caso contário teria feito o tri.
Abraço

VermelhoNunca disse...

Amigo Cavungi, folgo em saber que tem motivos para festejar.
Encavámos Zex.
Ontem nos juniores, fase final, a coisa não correu bem para o seu lado, mas foi só a 1ª jornada.

vermelho disse...

amigo cavungi:
tens toda a razão.
nos últimos 3 anos, apenas o Benfica conseguiu eliminar o Liverpool da Champions.
Espero e desejo que o Liverpool caminhe para o sexto caneco.
abraço.

Zex disse...

Alguém, neste espaço, ouviu algum comentário sobre a minha devoção ao Chelsea que justifique as bacocas observações de Vuvu e Nunca ?
Não percebo os motivos de contentamento desses condóminos, designadamente como disputa em que eu me tivesse envolvido !
Será ressabianismo, como diz Vuvu, pelo facto de terem participado no jogo dos "empatas" ? Parece que sim !

Zex disse...

Granda Benfica !

Zex disse...

Só é pena é não ganhar nada nos últimos dois anos ...

vermelho disse...

amigo zex:
olhe que não, olhe que não.
o ano passado venceu a Supertaça.
Fraca consolação, bem sei, mas impunha-se repor a verdade.
abraço.

Zex disse...

Tem toda a razão, sr. vermelho.
Peço desculpa pela imprecisão !
Naturalmente que me referia a Taça, Campeonato ou Taça Europeia.
Ganhar a Supertaça é pouco, mas é alguma coisa, sem dúvida !

JC disse...

Ao que sei, os últimos títulos conquistados pelo Benfica foram a Taça de Portugal em 2004 e o Campeonato e a Supertaça em 2005.
O ano passado - em 2006 - quem ganhou a Supertaça foi o Porto, vencendo por 3-0 o Setúbal.
Assim, creio haver um lapso na informação do Snr. Administrador de que o ano passado o Benfica ganhou a Supertaça.

vermelho disse...

amigo Jc:
Quando me refiro a ano passado, quero significar época passada - 2005-2006.
O Benfica bateu o Setúbal por 1-0, golo de Nuno Gomes, em Agosto de 2005.
abraço.

VermelhoNunca disse...

Amigo Vermelho, terá sido dos últimos golos de Nuno Ribeiro..
Má notícia a lesão desse jovem, vão passar a jogar com a equipa completa.

JC disse...

Amigo Vermelho:
Comprendo a correcção, embora a Supertaça que o Benfica ganhou se reporte à época 2004-2005, ou seja, há dois anos.
O ano passado - época 2005-2006 - o Benfica nada ganhou.
Como o Sporting, que, aliás, nada ganha há mais tempo.

vermelho disse...

amigo jc:
a Supertaça foi ganha a época passada, embora, atenta a sua estrutura, se reporte à temporada anterior.
abraço.

mamãe_do_derlei disse...

Oi,caras!
Eu sou a mamãe do Derlei e estou muito preocupada,porque o meu caçula nunca mais deu notícia.A última vez que ele me ligou do seu celular,estava no aeroporto do Porto para apanhar o avião para Moscovo.Desde aí,não sei nada do moleque,se ele está bem ou mal.Tenho medo que ele tenha sido pegado por um gangue da máfia russa,eles são piores que o Fernandinho Beira-Mar!Antigamente ainda lia notícias nas gazetas esportivas,agora nunca mais li nada dele.Se algum cara souber do meu Derlei é favor ligar para a igreja da IURD aqui do bairro,para o Bispo Maciel,que ele depois me dá notícias.Em cima tem a foto do Derlei,quando estava no Porto.Ele gosta muito de comer galeto,beber chopp,jogar sinuca,soltar pipa com a galera da favela e praticar esporte na praia.Ele coxeia um pouco da perna direita.

VermelhoNunca disse...

Estranho o facto que Derlei coxear, mas também reconheço que não lhe ponho a vista em cima há já muito tempo.
Força Naval

JC disse...

Curioso o que se passa no departamento médico do benfica e a total ausência de crítica por parte da imprensa.
Não bastassem já os antecedentes havidos com Rui Costa e Manuel Fernandes, por exemplo, surgem agora os casos Simão e Nuno Gomes a adensar mais ainda as suspeitas sobre a falta de competência técnica daquele departamento.
Simão, dado como apto para o Benfica-SCP, tendo integrado sem limitações os treinos dos encarnados e integrado a lista de convocados, precisava, afinal, de uma intervenção cirúrgica, só descoberta na véspera do jogo.
Nuno Gomes, ao que parece, anda com uma pubalgia há vários meses.
Muitos casos estranhos para uma só época, a minar gravemente a credibilidade do referido departamento médico.

cavungi disse...

E também não esquecer o Torneio do Duibai e a Copa Bes/aBola.

JorgeMínimo disse...

Caros Condóminos:
Vitória justa do meu Liverpool no jogo de ontem. As declarações do Mourinho no fim do jogo foram ridículas e demonstram a grande azia com que o "Special One" se encontra.
Nada me move contra o Mourinho, mas é com este tipo de atitudes que ele perde muita credibilidade.

Agora Forza AC Milan!

cavungi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Mais uma barbaridade! Quem ganhou a Copa BES foi o FC Porto.

cavungi disse...

Amigo Jus,
A competencia técnica do Departamento médico do benfica é grande.
A pedido do imbecil estão empenhados em criar uma equipa de coxos.
Já temos o Mantorras e o Derlei.Agora podemos tambem ter Simão e Nuno ex-Golos

vermelho disse...

amigo jc:
como não me sinto abalizado para me pronunciar, aqui deixo uma transcrição que, talvez, ajude:
"A lesão meniscal de Simão já havia sido diagnosticada pelo departamento médico encarnado antes mesmo do jogo com o Marítimo, disputado no dia 21 de Abril. No dia da viagem para o Funchal (20 de Abril), o clube informou, oficialmente, que o capitão padecia de uma "tendinite na pata de ganso" do joelho esquerdo, mas tinha já na sua posse os dados que lhe permitiam atestar uma mazela ao nível do menisco interno. No entanto, a decisão tomada foi no sentido de levar a cabo um tratamento conservador, por forma a que o camisola 20 pudesse vir a estar apto a defrontar o Sporting. O jogador ainda chegou a trabalhar sem limitações, e, no último dia 28 de Abril – véspera do dérbi –, o sítio oficial do clube informava que Simão estava "apto", visto que "Fernando Santos [tirara] todas as dúvidas quanto à condição física do jogador". De facto, os clínicos da Luz tinham já previsto um último teste no dia do jogo, e, na manhã do dia do embate com os leões, Simão deslocou-se à "Catedral" para o realizar, na companhia de Rodolfo Moura e Bruno Moura. Cumprido este último exame, e visto que o avançado continuava a sentir dores no joelho esquerdo, jogador e departamento médico decidiram não arriscar, ficando Simão fora do dérbi. Fernando Santos foi, de pronto, informado deste cenário, e seguiu-se o contacto com o cirurgião António Martins, por forma a que a operação ficasse agendada logo para o dia seguinte, exactamente a última segunda-feira, dia 30 de Abril.
E, de acordo com um especialista em ortopedia e medicina desportiva contactado por O JOGO, todo este procedimento é normal. Isto porque é possível um jogador já apresentar uma lesão superficial ao nível do menisco durante algumas semanas sem que a mazela lhe cause dor, assim a massa muscular em torno do joelho o permita. Quando a zona lesionada sofre um traumatismo, contudo, a lesão meniscal é invariavelmente agravada, surgindo então as dores, que vão aumentando progressivamente de intensidade.
Daí ser também normal que Simão tenha trabalhado sem limitações nos dias que antecederam o dérbi e que, no próprio dia do jogo, as dores o tenham impedido de dar a melhor resposta. O esforço produzido precisamente nesses dias anteriores poderá ter agravado o cenário. Além disso, Simão já havia sido operado, em 2002, a este mesmo joelho. Na altura, a cirurgia fora ao ligamento cruzado anterior – que continua intacto –, mas a estrutura do joelho não volta nunca a ser igual. A propensão a um qualquer desequilíbrio futuro é maior, e a operação da última segunda-feira era já uma certeza caso o tratamento conservador falhasse, como se veio a verificar."

"Nuno Gomes poderá ser operado, no fim da temporada, a uma pubalgia. O avançado tem superado o problema com trabalho específico para atenuar a dor na zona afectada, mas, tudo o indica, no fim da época – possivelmente depois de jogar, no dia 2 Junho, pela Selecção Nacional contra a Bélgica – irá mesmo viajar até Munique para se submeter a uma intervenção cirúrgica na clínica Arabella, da conhecida cirurgiã alemã Ulrike Muschaweck. Aliás, a mesma que operou, com êxito, Quim, Nélson, Manuel Fernandes e Simão, todos com problemas semelhantes – a síndrome púbica é uma das lesões mais frequentes nos jogadores de futebol.
O ponta-de-lança foi poupado na sessão de ontem – ultimamente, tem seguido um regime de repouso e tratamento – e está em dúvida para o encontro de sábado contra a Naval. De qualquer forma, os responsáveis médicos tudo irão fazer para que esteja presente nessa partida, aliás como tem acontecido noutras situações. Nuno Gomes tem actuado em sacrifício, sobretudo na segunda metade do Campeonato e pretende estar a cem por cento no início da próxima temporada, estando, por isso, a encarar com tranquilidade a provável operação. As dores sentidas em determinados momentos têm obviamente reflexos no seu rendimento, e o jogador não quer que a situação se repita em 2007/08, tendo, dessa forma, já uma estratégia definida com os responsáveis clínicos do Benfica para avançar para esta solução se o tratamento conservador não resultar, até porque o regresso à normalidade é rápido. Em três ou quatro semanas, o jogador estará apto para a competição. "

cavungi disse...

Olhe que não amigo Minimo, olhe que não!

JorgeMínimo disse...

Caro Vermelho:
Esse Simulão nunca me enganou, tinha que ter pata de ganso. Daí, aquela expressão que a lagartada tanto gosta: "Vamos afogar o ganso!!!"

vermelho disse...

amigo mínimo:
belas casquinadas soltei ao ler o teu comentário.
abraço.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Eu ontem pedi-lhe encarecidamente que fosse ler o jornal "A Bola". O estimado não-o fez, logo não sabe que quando as equipas têm os mesmos pontos, o primeiro factor de desempate são as expulsões (fair-play). Deste modo, o Benfica voltou a ficar em 3º, como é seu apanágio, de resto.

JC disse...

E o que dizer do espectacular mergulho do Karagounis a cavar a falta que foi assinalada a Caneira?
Não é esse tipo de comportamento passível de sumaríssimo, por manifesta conduta anti-desportiva?

JorgeMínimo disse...

Caro JC:
Só em Itália ou Inglaterra. Cá as equipas ficavam sem jogadores para jogar.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Para quem tanto ridicularizou a Copa BES no ano passado, vejo que este ano mudou a sua opinião. Só é pena que pelos motivos errados e sujeite-se agora a ter a casquinada da semana!!!

Antes morto que vermelho disse...

nunca: podiam ter ganho á lampionagem, mas pereceu-me que o p.bento também é "pé-frio", á semelhança do jesualdo e do santos.

cavungi disse...

Nisso estamos de acordo Anabela Macaco:
São os três muito maus.
Embora Bento seja o menos mau.

Antes morto que vermelho disse...

"A competencia técnica do Departamento médico do benfica é grande."
A maria cavu é um autêntico Bobby Fisher da barbaridade, quando se julga que o fundo foi atingido, lá está ele para cavar ainda mais...

cavungi disse...

Amigo Minimo,
Cabala!
Há uma cabala na Copa Bes/abola!
isso sim!
Então agora já nem isso ganhámos?
É um fartar vilanagem é o que é!

VermelhoNunca disse...

Não posso crer. Cavuvu não leu a "A Bola" um dia?

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Só tem que agradecer ao seu belíssimo ponta de lança, pela entrada a matar sobre o Moutinho em Alvalade.

cavungi disse...

E V.exa é o Carl Lewis do Dislate, Joaquina Macaco.
Transcreva o comentário todo.
Não seja talibã.

cavungi disse...

Amigo Nunca,
Eu até ía comprar o pasquim, mas vi a 1ª página e fiquei catatónico.
Dizia o seguinte com uma foto gigante dos três estarolas:
"Eis o Benfica 2007/2008:
Veiga regressa, Santos fica mais um ano, decidiu Vieira"
"Rui Costa joga mais um ano!"
Depois de tantas e tão boas noticias não aguentei e fui para casa.

JorgeMínimo disse...

Caro Sr. Administrador:
Será que o estimadíssimo terá poderes para retirar o avatar do Cavungi? Se puder, eu propunha uma imagem do Gaston Lagaffe ou mesmo uma foto do saudoso Vítor Mendes (pai do Fernando Mendes), já que são tantos os dislates e as asneiras do nosso estimado condómino.

JC disse...

Caro Cavungi:
Vejo que está na fase da negação.
Precisa de quem o anime.
Vou suscitar a intervenção do Snr. Administrador sobre esse assunto, que com as suas habituais sábias palavras (não digo isto em tom jocoso, mas a sério, note-se) certamente contribuirá para que o seu ânimo se levante.

Assim, deixo a questão para o Snr. Administrador se pronunciar:
Que dizer da notícia de ontem da Bola segundo a qual as novidades para o Benfica 2007/2008 eram o "regresso" do Veiga, a continuidade do Fernando Santos e a renovação com o Rui Costa?

cavungi disse...

Amigo Minimo,
Está bem assim?
Está ao seu gosto?
Que seja assim então!

cavungi disse...

Amigo Jus,
Não batam mais no ceguinho!
Esse cenário é Dantesco!

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Está a ver como o verde lhe fica bem.

cavungi disse...

É o verde do Celtic!
Sou do Celtic desde pequenino!

vermelho disse...

amigo jc:
as novidades do Benfica 2007-2008 será o tema eleito nos próximos 2 meses para as diferentes capas dos jornais desportivos.
findo o campeonato, iniciar-se-á a especulação.
eu arrisco um exercício de futurologia antes do terminus do campeonato, mas sob a forma de artigo a publicar amanhã.
concordas?
abraço.

Antes morto que vermelho disse...

concordo com o minímo. e já agora sugiro que se realize uma pesquisa nas imagens do google, onde era colocado a palavra "anormal", ou "mongoloide". seguidamente era só escolher uma imagem para o avatar da susana cavu.

JC disse...

Amigo Vermelho:
Claro que concordo.
Acho, até, um bom tema para se discutir mais a fundo.
A ideia é animar um pouco o Cavungi, que desde há um mês a esta parte entrou, parece-me, em profunda depressão futebolística.

cavungi disse...

Quer que o copiem Etelvina Macaco?
Mongoloide já é o seu avatar, não é?

JC disse...

Nem a cabeça do Fernando Santos que passei a usar como avatar animou o Cavungi.

cavungi disse...

Amigo Jus,
Neste momento nda poderá animar cavungi.
Só Jesus poderá salvá-lo!

cavungi disse...

Amigo Jus,
Essa cabeça, se fosse a do engº estava tudo bem.
Mas parece-me mais a cabeça do Zé Pedro dos Xutos & Pontapés.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Tens toda a razão, mas o último milagre de Jesus, já foi há mais de 2007 anos.

JC disse...

Jesus, amigo Cavungi?
Jorge Jesus?

Olegário Benquerença e Lucílio Baptista foram escolhidos pela UEFA para arbitrar, no dia 6 de Junho, jogos referentes à fase de qualificação do Euro-2008.
Alguém mande a cassete ou DVD do jogo de segunda entre a Briosa e o Braga para a UEFA para verem a qualaidade do Snr. Larápio

JorgeMínimo disse...

...Além de que o Jesus que falas ser sportinguista. Pode haver Inácios em Alvalade e no Jamor.

Antes morto que vermelho disse...

Rita cavu: coloque no google (pesquisa de imagens): "Sindrome de Down" que facilmente encontrará o seu avatar...

cavungi disse...

ès pouco religioso amigo Minimo.
Foi há menos que 2007 anos.Pois o Homem não fez nenhum milagre quando nasceu em 25 Dezembro de 0000.Só começou a fazer milagres lá para os 12 anos.
Fez um milagre, o dos pães qundo já tinha 33 anos, semanas antes de ser julgado.
Assim o ultimo milagre tem cerca de 1974 anos.
Mas a história repete-se...

cavungi disse...

Bárbara Macaco:
Fiz a pesquisa como sugeriste e em "sindrome de Down" só aparece a tua foto.
Não quero ter-te como meu avatar.
Prefiro o Gaston.

JorgeMínimo disse...

Caro Cavungi:
Tens toda a razão, "mea culpa".

Antes morto que vermelho disse...

Dora cavu, o gaston pelo menos tem uma característica semelhante a ti: é rôto e á semelhança da rotaria toda é do benfica!

cavungi disse...

Madalena Macaco:
Se é rôto desconhecia.Mas tu lá sabes...De rotaria percebes tú.
É o que me dizem, e o que diz o teu avatar.
És membro da Opus-Gay?

cavungi disse...

Amigo Jus,
Sabias que Pedro Henriques, que na minha modesta opinião, é o melhor arbitro Português NÃO É interncional?
Esta é a nossa arbitragem!

VermelhoNunca disse...

AMigo Cavuvu, tem a ver com a idade do Pedro Henriques. Começou tarde.

cavungi disse...

Pois é.O problema é que os outros começaram cedo no gamanço.
Não vejo necessidade de profissionalizar a arbitragem nacional.
Profissionais do gamanço já eles são.

JC disse...

Amigo Cavungi:
Sabia.
O Pedro Henriques não é do sistema, por isso não recebeu o prémio de ser promovido a internacional.

Como deves ter reparado, escolhi novo avatar para te animar.
Os três magníficos, de seu nome.

Antes morto que vermelho disse...

vania cavu: Sou "opus-enrabador-de curiosos"...

JC disse...

Os Três Mosqueteiros.
O Trio Maravilha.
A Santíssima Trindade.

VermelhoNunca disse...

AMigo JC, essa imagem da Bola é montagem ou estou errado? Fala de novo Benfica, mas os protagonistas estão rejuvenescidos. Quando vi essa capa online fiquei com essa ideia.

cavungi disse...

Tu não és mau, JC!
És muito mau.
Mauzinho mesmo.

cavungi disse...

Três Vencidos!
Três Nabos!
Três Otários!
Três Imbecis!
Três Incompetentes!

cavungi disse...

Amigo Jus,
Como sabes o Simbolo da Volkswaggen tem três Vs.
É também o novo simbolo do Trio Maravilha:
Veiga;Vieira e o Vencido.Três Vs.
Teme-se que a marca Alemã processe o SLB por dar mau nome á marca.

holtreman disse...

Vuvas,
Não são 3 V's. É um V e um W.