terça-feira, junho 27, 2006

Espero que seja para resolver de vez todos os problemas físicos

Está por horas a decisão sobre a intervenção cirúrgica a que Manuel Fernandes vai submeter-se para debelar a pubalgia de que se queixa há cerca de um ano.
Depois de duas ressonâncias magnéticas efectuadas em Madrid e em Lisboa, na semana passada, uma análise mais pormenorizada aos resultados desses exames é a justificação apresentada para um compasso de espera que terá forçosamente de ser curto porque quanto mais ele se prolongar maiores complicações resultarão para o jogador no tocante ao timing para o seu regresso ao trabalho.
A deslocação de Manuel Fernandes a uma clínica em Madrid, prevista para ontem, acabou por ficar adiada por algumas horas.
A razão para esse compasso de espera, apesar do carácter urgente na realização da intervenção cirúrgica, decisão tomada face a uma primeira análise aos relatórios das ressonâncias magnéticas, prende-se com o facto de se tratar de matéria a justificar mais profunda ponderação, como tal, quem acompanha o jogador neste processo, entende como necessário proceder-se a mais algumas horas de reflexão.
Um dado entretanto está adquirido: com esta intervenção cirúrgica Manuel Fernandes necessitará de cerca de dois meses de recuperação, pelo que, deste modo, perderá toda a pré-temporada do Benfica — se é que continuará no clube, já que a sua transferência não está fora de equação —, uma vez que o regresso ao trabalho dos encarnados acontecerá no dia 3 do próximo mês, data em que partirão para a Suíça, onde se realizará um estágio de quase duas semanas.

1 comentário:

Kubas&SLB4Ever disse...

Manelélé vai à faca e depois regressa em grande... Força, tens a nação benfiquista a apoiar-te.