sexta-feira, junho 23, 2006

Um exemplo de especulação jornalística

O F.C. Porto está no mercado à procura de um ponta-de-lança que faça companhia a Adriano e, desde a primeira hora, o nome de Jan Vennegoor of Hesselink saltou para as páginas dos jornais como a prioridade de Co Adriaanse.
O avançado do PSV Eindhoven, que se encontra na Alemanha ao serviço da selecção holandesa, já manifestou a sua disponibilidade para ouvir propostas provenientes de clubes estrangeiros, adiando qualquer ponderação sobre o seu futuro para o final do Campeonato do Mundo.
Em entrevista ao Maisfutebol, o seu pai e empresário, Toni Vennegoor of Hessenlink, alinha mesmo diapasão, garantindo que não vai interferir na decisão do jogador.
Se é dificíl chegar à fala com o progenitor do avançado, mais difícil se torna confrontar o mesmo com cenários hipotéticos.
O interesse do F.C. Porto, ou de Co Adriaanse, é uma realidade, mas continua a faltar uma proposta concreta em cima da mesa, que será estudada quando a Holanda terminar a sua participação no Mundial. Curiosamente, a selecção laranja defronta Portugal nos oitavos-de-final do torneio.
«Interesse pode haver, penso que Adriaanse falou com o Jan nos últimos meses, mas que apresentem uma proposta concreta ao PSV Eindhoven, que nós iremos estudá-la. Nesta altura, o meu filho só pensa no Campeonato do Mundo, a sua cabeça tem de estar exclusivamente lá. Mesmo por isso, também não estou a pensar no seu futuro. Sei que as propostas vão chegando ao PSV, pedi para as deixarem lá que, quando acabar o Mundial, vou com o meu filho sentar-me e estudar as possibilidades», explicou Toni Vennegoor of Hesselink.
Nesta altura, o F.C. Porto espera ainda realizar um significativo encaixe financeiro, proveniente da venda de um ou mais excedentes do plantel, para partir em busca do desejado ponta-de-lança.
Uma questão a resolver com ponderação, a breve ou médio prazo.
Por ora, faltam dados concretos a sustentar um interesse que pode ser mútuo. «Há uma questão incontornável. O Jan é feliz no PSV Eindhoven, tem mais dois anos de contrato, está no Mundial e vai ter a oportunidade de jogar na Liga dos Campeões, na próxima época. Se bem que o F.C. Porto também vai estar na Liga dos Campeões. Como disse, a decisão vai ser dele, eu garanto que só o aconselho, não vou ser eu a decidir», garantiu, apesar de as informações provenientes da Holanda apontarem o pai do jogador como principal obstáculo à sua saída do PSV.
«Esperamos pelas propostas, sejam de Inglaterra, Espanha, Alemanha, Itália ou França. Portugal? Sim, Portugal também, porque não?», conclui Toni Vennegoor of Hesselink, em conversa com o Maisfutebol, encarando como uma brincadeira as declarações de Pinto da Costa, quando o presidente do F.C. Porto afirmou não conhecer o jogador: «O Jan joga há três anos no PSV e foi sempre campeão, marcou golos, jogou na Liga dos Campeões, é internacional holandês. Toda a gente o deve conhecer.»
Ronald Koeman, novo treinador da formação de Eindhoven, pode ser um obstáculo para o F.C. Porto, pois conta com o jogador para a próxima época.
A contratação de outro avançado (Tevez é o mais recente sonho), por parte do campeão holandês, colocaria o ponta-de-lança mais perto da porta de saída.
A família de Vennegoor of Hesselink também influenciará uma eventual decisão.
A mulher, Laura, também é jogadora de futebol, no VV Acht. Há pouco tempo, nasceu o pequeno Lucas.
O clube portista estuda com ponderação a contratação de um ponta-de-lança, Adriaanse não esconde a sua preferência pelo mercado holandês mas os dragões poderão optar por soluções mais acessíveis, em termos econónimos.
Jan Vennegoor of Hesselink, de 27 anos, tem um preço estipulado de seis milhões de euros e só a venda de activos (Hélder Postiga, McCarthy e/ou Hugo Almeida) do F.C. Porto permitiria a apresentação de uma proposta a rondar esse montante.

7 comentários:

Kubas&SLB4Ever disse...

O Porto devia apostar na Ana Malhoa para fazer companhia ao Macaco Adriano na frente de ataque.. que dupla ehehehe.
Força Benfica

Vicente Lemos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Zex disse...

A Ana Malhoa gosta muito de mostrar os seus seios razoáveis, mas já está toda furada dos mil piercings que tem e anda com um gajo todo tatuado e com um grande cabedal, pelo que, sr. bubas, tenha cuidado com os cometários que profere...

Jorge Mínimo disse...

Caro Zex:
Cuidado com essas crises de identidade.

Kubas&SLB4Ever disse...

Condómino Zex, mesmo nesse estado ela era capaz de dar mais rendimento que o Bruno Moraes...

Zex disse...

ou que o Marcel, ou que o Marco Ferreira, ou que o Robert, ou que o Moretto, ou que o Mantorres (como diz o Kadhaffi) não é sr. bubas ?
Não dispare à toa que os seus telhados também são de vidro...

Kubas&SLB4Ever disse...

ahahahah, telhados de vidro, essa está boa.