quinta-feira, junho 29, 2006

Não conheço, nunca ouvi falar

Moisés é o segundo reforço do Sporting para 2006/07.
Aos 26 anos, o defesa-central brasileiro que defendia as cores do Cruzeiro de Belo Horizonte foi adquirido a custo zero pela SAD leonina após antecipar a desvinculação do clube brasileiro, comprometendo-se com os verdes e brancos mediante um contrato válido para as próximas duas temporadas.
O novel recruta do plantel comandado por Paulo Bento chegou durante a manhã de ontem a Lisboa, para enfrentar um dia longo que culminou com a apresentação de leão ao peito.
Moisés fez-se acompanhar pelo agente FIFA Jorge Baidek, que esteve ao longo da tarde a negociar os últimos pormenores do vínculo válido por duas épocas.
Depois de se submeter aos exames médicos habituais, o defesa-central rumou aos escritórios da Sporting, SAD ao lado do seu empresário, a fim de colocar o preto no branco e ser formalmente apresentado como novo jogador do clube lisboeta às primeiras horas da noite.
Moisés iniciou a sua carreira no Vitória da Baía, passando subsequentemente pelo Paraná, Spartak de Moscovo, Krylya Sovetov até chegar ao histórico clube de Minas Gerais, pelo qual se sagrou campeão estadual.
O defesa ainda actuou pelo Cruzeiro na corrente edição do "Brasileirão", mas apenas no desafio inaugural da prova, saindo entretanto das escolhas do técnico Paulo César Gusmão.
Vai, agora, agora abraçar uma segunda aventura na Europa.

70 comentários:

carlos disse...

Não conheço, também, o jogador.
Aliás, se o Snr. Administrador, verdadeira enciclopédia neste domínio do futebol, nunca ouviu falar dele, muito menos eu, que não passo de mero dicionário de bolso.
Registo, porém, mais uma vez o facto de o SCP o ter contratado sem que nunca viesse a público o seu interesse no jogador.

VermelhoNunca disse...

Talvez agora os entendidos aqui do sitio, moderem os seus comentários. Ontem era o tecto salarial que seria ultrapassado com Enaka e Derlei...depois vem o Moisés, jogador que eu não conheço, e essa teoria fica coxa. Actualmente no Sporting trabalha-se com profissionalismo. Continuo a confiar que iremos ter uma bela equipa.
Amigo Carlos, contamos consigo na marcha do Sporting, no próximo sábado, que irá percorrer várias avenidas da capital, desaguando em Alvalade?

carlos disse...

Caro amigo Vermelhonunca:
Se morasse em Lisboa ou perto da cidade, concerteza que participaria nessa grande marcha.
Mas morando em Coimbra e estando atulhado de trabalho, ao que acresce o facto de, às 16 horas, termos o imperdível Portugal-Inglaterra, não me vai ser possível ir a Lisboa.
Conto com o amigo para depois nos descrever aqui como decorreu essa grande manifestação sportinguista, onde irão sobressair, com toda a segurança, as belíssimas adeptas do SCP.

carlos disse...

Caro amigo Vermelhonunca:
Por acaso a marcha não irá passar à frente da residência do condómino Zex ou da barraca do condómino Cavungi? Se sim, façam um compasso de espera à frente das mesmas e mande-lhes os nossos cumprimentos.

cavungi disse...

Amigo Nunca.
Quando o amigo diz:"Actualmente no Sporting trabalha-se com profissionalismo." pressupomos que antes não o faziam?
Quando o amigo diz:"Continuo a confiar que iremos ter uma bela equipa."Como é que isso será possivel, quando ainda não venderam o Carlos "O Feio" Martins.

cavungi disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
cavungi disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
cavungi disse...

Amigo Nunca.
Quando estiver a confratenizar com o seu amigo Carlos Coimbrão nessa mega-parolada das marchas populares,(pensava que só o clube do Barbas e do Maximo tinham estes eventos, não fazia a minima ideia que os netos do Visconde também gostavam de sardinha assada e tintol...)diga-lhe que terei muito gosto em recebe-lo na minha palhota onde o poderei presentear com uma bela Matapa com sumo de Chibuto Vilão.

Holtreman disse...

Concordo consigo, Cavungi. Esta iniciativa da Marcha é ridícula. ESpero sinceramente que seja um mega-fiasco (sr. vnunca + meia duzia) para que nunca mais tenham a triste ideia de repetir.

Por sorte existe o jogo de Portugal no mesmo dia e por isso espero que passe despercebida na comunicação social.

VermelhoNunca disse...

Amigo Carlos, não faço ideia onde vivem os condóminos a que se refere, nem faço questão de o saber. Penso, como o amigo, que Cafungo viverá na zona J de Chelas, ou eventualmente na Damaia, zona sobejamente conhecida pelo mau ambiente em redor de Lisboa.
Quanto ao comentário do senhor Cafungo, apenas lhe digo que, a exemplo do seu colega do clube regional, não sabe do que fala. Quando quiser informar-se sobre algo do Sporting, pode sempre questionar-me, mas não mande bitaites para o ar sem conhecimento de causa.
Quanto à opinião do senhor Holtreman, é livre de a expressar, embora eu discorde absolutamente dela.

VermelhoNunca disse...

Amigo Cafungo, quando digo que actualmente no Sporting se trabalha com profissionalismo, quero dizer que estamos a trabalhar melhor do que no passado, seguramente. A estrutura actual é bem superior à do passado recente. Essa é a minha opinião. Portanto pressupõe erradamente. pois já antes trabalhávamos com profissionalismo, mas estamos sempre a aprender e a melhorar.

Holtreman disse...

Eu sei que discorda, Sr.VNunca.
Aliás , no dia em que o senhor concordar com alguém que discorda de algo feito pelo seu (nosso) clube, então o Mundo estará perdido.
Penso até que se o Sporting se lembrasse de lançar um concurso para os sócios do tipo "Melhor Flatulência", o senhor não seria apenas defensor da ideia. Seria um forte candidato ao título.

Jorge Mínimo disse...

Caro Vermelho Nunca:
Só queria fazer um reparo. O nosso estimado Cavungi é morador da Rua da Fraternidade na Cova da Moura, junto ao Centro Social da Irmã Raja.

VermelhoNunca disse...

Senhor Holtreman, não recebo lições de sportinguismo suas. O amigo tem um conceito de clube diferente do meu, é a sua opinião. Você faz parte daqueles , que como o amigo Cafungo refere várias vezes, querem tornar o Sporting um clube de meninos bem. Esse não é o meu Sporting.
Vou dar-lhe um conselho: nos "estatutos" da fundação do meu clube refere-se que quem quer dizer mal do Sporting, pode e deve fazê-lo, mas dentro de portas. Portanto, amigo Holtreman, como esse é o meu Sporting, aí tem a resposta à sua provocação.

carlos disse...

De facto, começam a parecer estranhas estas invectivas do condómino Holtreman contra o Sporting e o seus adeptos.
Não bastavam já os ataques do Bubas para Sempre e do Ilegal Cavungi - que, pelos vistos, recuperou o acesso diurno à net - surge agora este ataque fratricida do Holtreman, num frenesim desenfreado que leva a questionar se estará na posse de todas as suas capacidades mentais.
Faz pensar se se será o verdadeiro Holtreman o autor de tais posts.

cavungi disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
cavungi disse...

Amigo Minimo.
Vejo que o senhor, depois da sua humilhante eliminação nos Oitavos-final do mundial Karamba, voltou aos habituais comentários racistas e xenofobos, na senda aliás do srs. Nunca e Carlos Coimbrão.É pena que o vosso poder de argumentação e explanação ideologica resida tão somente no insulto puro e gratuito das origens, e quiçá, pretensas origens do meu alter-ego.
Já agora, e porque reparei que v.exas se preocupam com a minha residencia dir-lhe-ei apenas, e a titulo de curiosidade, que tenho como vizinho próximo um emigrante chamado Liedson...
Saudações Benfiquistas.

Jorge Mínimo disse...

Caro Cavungi:
Folgo muito em saber que as suas actividades nocturnas nas bombas de gasolina da autoestrada Lisboa-Cascais, proporcionaram-lhe a mudança de Residência para a zona de Moscavide, junto ao bairro onde reside o Liedson ( EXPO ).

Holtreman disse...

Boa novidade, Mínimo. Também fico satisfeito por saber dessa melhoria de vida do amigo Cavungi.
Ainda por cima o malandro deve ter tido a sorte de ter ouvido todos os concertos do Rock In Rio à borla, da sua varanda. Que luxo.

Quem sabe em 2008 não teremos um convite para assitir previligiadamente no Best Seat Moscavide.

Jorge Mínimo disse...

Caro Holtreman:
Pelos vistos aquela bandeira da República Guiné que nós vimos na varanda de um dos prédios, quando íamos para a Quinta da Bela Vista, era a nova residência do amigo Cavungi.

Zex disse...

É engraçado que os "defensores da fé e da verdade", à semelhança da censura que pretendem impôr aos adeptos de clubes rivais, também a pretendem impôr aos adeptos do Sporte !
Que vergonha !
Nem na Inquisição !
Temos que respeitar o comentário do sr. holtreman como qualquer outro !
Está no seu direito, que outros não reconhecem, de discordar e, não será menos sportinguista por isso !
Não foi o sr. holtreman que disse que o Bfica cheirava a "merda" ou que, nas suas vitórias, festejavam só os pretos e os presidiários e que não havia, nesse momento, táxis nas ruas...
Se calhar, outros pretendem um clube elitista e de betinhos agarrados ao whisky, que não o sr. holtreman.
É com redobrado agrado que atento que o Ilustre Sr. Cavungi voltou a estas paragens, com os seus brilhantes comentários.
Tem feito muita falta !
O mau cheiro tem-se espraiado com grande vigor neste espaço e, só o seu perfume africano poderá evitar a "débacle" total como, aliás, já o comprovou nas suas prosas de hoje !

Zex disse...

Sr. Holtreman:
Os Estatutos do Sporte são de 1906 ?
Manterão total actualidade, após o decurso de cem anos ?

Jorge Mínimo disse...

Caro Zex:
Não tendo a certeza do que vou dizer, penso que recentemente já terão actualizado os estatutos. Tal como não é suposto que os estatutos do FCP sejam de 1800 e troca o passo e ainda estejam escritos com PH.

Holtreman disse...

Zex,
Os estatutos foram revistos em 1947. Caso isso não tivesse acontecido, seguramente que o Sr. Nunca, plea imagem que tem transmitido aqui desde a sua aparição, nunca poderia ser associado do Grande Sporting Clube de Portugal, como poderá verificar :


"Em 1907 enviaram os estatutos ao Governo Civil, o neto e o Visconde de Alvalade afiançavam que os jogos que se iriam praticar não eram de Cartas ou Bilhar, eram de…” do ataque e defesa do pau, da esgrima, do football, do law ténis, dos trapézios e argolas, de escadas e saltos…”. O símbolo do clube, o leão, foi inspirado no brasão de D. Fernando de Castelo Branco.
Os estatutos não disfarçavam o espírito elitista e aristocrático, logo no 1.º: “Sporting Clube de Portugal é o título de uma associação composta por indivíduos de ambos os sexos de boa sociedade e conduta irrepreensível.” Só em 1947 o texto foi alterado. Até então para se ser sócio era preciso mostrar o registo criminal limpo. "

VermelhoNunca disse...

Senhor Zex, o que designei como "estatutos" são eternos, pois são eles que dão origem ao clube brevemente centenário, o Sporting Clube de Portugal. Não confunda as coisas, talvez eu me tenha explicado mal. Quanto a querer calar o senhor Holtreman, não é essa a minha intenção. Mas talvez seja curioso questionar o senhor Holtreman se amanhã estará prsente no jantar do centenário, que custa 45,00 Euros. Talvez esteja, porque é bem estar. A diferença é que eu estou presente no jantar, mas também na marcha.

cavungi disse...

Amigo Prof. Zex.
Agradeço as suas gentis palavras e devo dizer-lhe que voltei para ficar.
Entretanto ficamos a aguardar pelo desenrolar do pic-nic que os reboquistas irão amanhã realizar no seu mega-wc.Este pic-nic será a pedra de toque, o motor de arranque, para a marcha popular de sábado.Enfim será um fim de semana em grande para os reboquistas.

VermelhoNunca disse...

Se o senhor Holtreman está tão bem informado, consultando e bem, a internet, ele que publique os designios da fundação do Sporting, e vai ver como eu tenho razão.

VermelhoNunca disse...

Curioso, mas parece-me que alguém anda a escrever com o nick de outrem...apenas umas suspeição minha.

Jorge Mínimo disse...

.” Só em 1947 o texto foi alterado. Até então para se ser sócio era preciso mostrar o registo criminal limpo. "

Daí o caríssimo Cavungi ser benfiquista e ter tanto " ressabianismo " pelo Sporting.

cavungi disse...

“Sporting Clube de Portugal é o título de uma associação composta por indivíduos de ambos os sexos de boa sociedade e conduta irrepreensível.”
Estarão aqui incluidos aqueles que recentemente invadiram o relvado em estado de embriaguês visivel aquando do genial e soberbo golo de Geovanni?
Ou aqueles que cuspiram,(o acto mais baixo que se pode ter para com outro ser humano)no Dr Dias da Cunha?
Como estão desactualizados estes estatutos meu Deus...

cavungi disse...

Amigo Minimo.
Eu nasci depois de 1947 o que me permitiu escolher.
Tenho bom gosto. Escolhi o Melhor.

Jorge Mínimo disse...

Quando um jogador cospe na cara doutro dentro da sua grande-área, tem que ser assinalado grande penalidade e expulsão do infractor. No entanto, no Sporting-Benfica de Maio de 2002 nada disso aconteceu quando o João Manuel Pinto cuspiu na cara do João Vieira Pinto.

Holtreman disse...

É pena o sr.Cavungi não ter acesso ao "pic-nic" de amanhã.
Teria todo o prazer em convidá-lo para que, por uma vez, tivesse oportunidade de conviver com pessoas educadas e de bom trato. Para além de poder também disfrutar de uma bela e nutrida refeição.
O problema é que é necessário o conhecimento de utilização de talheres (vários) que o senhor com certeza desconhece. Também o vinho será servido através de garrafas (Esporão) em copos, em vez dos tradicionais garrafões a que deve estar habituado.
Para além do traje, é claro.É que com os seus chinelos e as suas bermudas, nem no Alvaláxia o deixam entrar.

Jorge Mínimo disse...

Essa é sem dúvida a sua data de nascimento oficial, mas...

carlos disse...

Este já parece o verdadeiro Holtreman...
Condómino Cavungi:
Como praticamente todos os benfiquistas, duvido que tenha tido hipóteses de escolha do seu clube.
Deve ter sido inscrito sócio do SLB logo à nascença e sujeito a infernal propaganda paternal desde tenra idade, de forma que lhe foi coarctado, desde logo, qualquer direito de opção.

Jorge Mínimo disse...

Caro Vermeho Nunca:
Posso garantir que não existe nenhuma fraude, o nosso caríssimo Cavungi está de volta.

Jorge Mínimo disse...

Caro Carlos:
Não concordo consigo. Não é necessária a infernal propaganda paternal, porque é inata, está-lhes nos genes. Se reparar têm todos a mesma maneira de ser e estar no seu clubismo ridículo e bacoco.

Holtreman disse...

Se de facto fosse assim, caro Mínimo, apenas uma mutação genética poderia explicar a opção clubística do Sr. VNunca.
Esperemos então pelos avanços tecnológicos para podermos reverter esse processo e ajudar a purificar o Grande Sporting.

VermelhoNunca disse...

Amigo Mínimo, não leve a mal, mas há posts hoje colocados que me levam a pensar que não será o próprio habitante da zona da Damaia a escrevê-los. Mas é a minha opinião, claro.

Jorge Mínimo disse...

Muito se falou sobre a matrafona holandesa no jogo do último sábado. No entanto, a figura mais ridícula vista na televisão foi o nosso muito conhecido " Barbas ". Que vestimenta era aquela? Que figurinha! Até fiquei envergonhado, normalmente ele não está a torcer pela minha equipa, mas desta vez era o meu representante.

Jorge Mínimo disse...

Caro Vermelho Nunca:
Provavelmente terá havido um dos famosos almoços das quintas-feiras, para conjugar esforços.

carlos disse...

Caro Minimo:
Concordo em certa medida consigo, nessa perspectiva de que o benfiquismo vem de nascença.
Mas trata-se de doença e não de algo genético, pois que o natural é uma saudável evolução para outras formas.
Assim como quando nascemos não sabemos caminhar nem falar, também nascemos - acredito - benfiquistas.
Mas aqui a educação é fundamental.
E uma infernal propaganda parental pode transformar uma doença curável numa doença crónica, irreversível.
É o que acontece aos benfiquistas que se mantêm nesse estado no período pós-infância.

carlos disse...

Caro Mínimo:
Ainda bem que falou no Barbas.
É o exemplo acabado do que eu tenho estado a tentar demonstrar, levado às últimas consequências.

carlos disse...

Ou dito melhor, é a doença na sua forma mais grave.

Jorge Mínimo disse...

Caro Carlos:
Sem dúvida que é uma teoria plausível.

cavungi disse...

Condómino Carlos Coimbrão.
Por falar em educação,não lhe parece um pouco excessivo referir-se á influencia que os meus pais terão tido, ou não, em mim como:"infernal propaganda parental".
O sr já aqui provou que gosta de falar daquilo que não sabe(a minha cor de pele), daquilo que nunca viu ( a minha casa) e daquilo que gostaria de ter e manifestamente não tem ( a minha educação).Não que tenha algo a haver com o meu passado, mas posso dizer-lhe que a minha Mãe era uma SPORTINGUISTA de corpo e alma, daqueles que sabem estar no desporto com sobriedade e estatuto.Dos que, pelo que aqui vemos, já poucos há.

VermelhoNunca disse...

Você deve ter sido o maior desgosto da senhora sua mãe, senhor Cafungo.

Jorge Mínimo disse...

Caro Cavungi:
Reparei que não referiu o seu pai, provavelmente teria que dar razão ao amigo Carlos.

VermelhoNunca disse...

A chamada de atenção do amigo Mínimo em relação à personagem Barbas é pertinente. Portugal ser reconhecido por um adepto que tem aspecto de homem das cavernas, que ainda por cima foi ao engraxador colocar dose suplementar de graxa na barba, é de facto um mau prenúncio para a nossa afirmação internacional.
Poupem-nos a este triste espectáculo, mais vale fazermos uma vaquinha entre todos e enviar-mos o negro Cafungo à Alemanha.

VermelhoNunca disse...

A chamada de atenção do amigo Mínimo em relação à personagem Barbas é pertinente. Portugal ser reconhecido por um adepto que tem aspecto de homem das cavernas, que ainda por cima foi ao engraxador colocar dose suplementar de graxa na barba, é de facto um mau prenúncio para a nossa afirmação internacional.
Poupem-nos a este triste espectáculo, mais vale fazermos uma vaquinha entre todos e enviar-mos o negro Cafungo à Alemanha.

Jorge Mínimo disse...

Ou o árabe Samsalameh.

VermelhoNunca disse...

E com um pequeno esforço enviamos também o adepto do clube regional, para,de uma vez por todas, deixar de lançar falsos testemunhos aqui no blog.

cavungi disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
cavungi disse...

Amigo Nunca:
Ao menos apague um dos posts, na sua idade não há razão para se repetir.Alemanha?
Eu já lá fui.Não precisei das vossas miseras vaquinhas.
Quanto ao meu Pai, sr Minimo nem gostava muito de futebol.Eu sou um livre pensador.
Já agora os vossos ascendentes são do SL Benfica?Daí voçês serem do Reboque CP?Só para os contrariar?Ou quem teve afinal a infernal propaganda paternal,"?

Jorge Mínimo disse...

Caro Cavungi:
A minha mãe é benfiquista e o meu pai, tanto a mim como ao meu irmão deu-nos a liberdade de ser do Sporting ( clube do nosso bairro ).

VermelhoNunca disse...

Amigo Cafungo, por falar em apagar posts, você ontem bem tentou apostar duas vezes no espaço Karamba, talvez desse para passar despercebido. É que apostou duas vezes, não repetiu as apostas. Será influência do seu clube, onde vale tudo para ganhar?
Já me deu os parabéns pelo título de futsal? E pelos títulos de todas as camadas jovens?

VermelhoNunca disse...

E amigo Cafungo, você é um livre pensador, reconheço isso, mas deve pensar melhor antes de dizer tanto disparate.

Jorge Mínimo disse...

Confirmo que houve tentativa de dupla aposta do sr. Cavungi. Espero que não tenha sido essa a razão para a sua qualificação para os oitavos de final, nem do seu empate com o Zex.

carlos disse...

Condómino Cavungi:
Se me meto com a cor da sua pele, tal deve-se ao bacoco nome que escolheu para aqui postar.
Da mesma forma que o Samsalamesh é apelidado de árabe, pelo nome que escolheu, o caro amigo, sofre as consequências de se ter auto-denominado de Cavungi.
Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele.

Se a sua mãe era sportinguista - e de nível elevado, ao que parece - fez muito mal em não ter seguido o exemplo dela.
E isso só demonstra que os sportinguistas têm uma atitude diferente dos benfiquistas, que não influenciam os filhos.
Mas em toda a regra à excepção, e se quer que lhe diga, o meu pai é benfiquista e nenhuma influência exerceu ou tentou exercer sobre mim.

Condómino Mínimo:
O Salame já esteve na Alemanha este Mundial, a assistir, como não podia deixar de ser, ao IRÃO- Portugal.
A sua costela árabe falou mais forte.

Jorge Mínimo disse...

Caro Carlos:
O condómino Cavungi já veste a pele de Lobo há muito tempo.

cavungi disse...

Amigo Nunca.
Infelizmente no espaço karamba "joguei" só com cavungi.Por isso não fui eu-
.

VermelhoNunca disse...

Não entendi o seu pensamento amigo Cafungo.

VermelhoNunca disse...

Mas li bem o seu palpite, quando nos brindou com a não passagem da Portugal aos oitavos de final!

VermelhoNunca disse...

Você nos últimos palpites que fez apostou duas vezes, com o seu nick Cavungi, ninguém diz que foi com outro nome. Foi um engano da sua parte, nada mais.

Jorge Mínimo disse...

O amigo Cavungi é natural da Guiné não tem que estar a apoiar a nossa selecção.

Jorge Mínimo disse...

Mais uma vez confirmo a dupla aposta, também reparei nisso. Quando voltar a acontecer é melhor fazer o delete do post, amigo Cavungi.

VermelhoNunca disse...

o próprio administrador chamou-lhe a atenção, dizendo que consideraria o 2º palpite dele, por ser o mais recente.

cavungi disse...

Amigo Carlos.
Eu fui ao Portugal-Angola.Se calhar tem razão sobre a cor da minha pele.
Saudações Benfiquistas e de estima

VermelhoNunca disse...

E torceu por quem, amigo Cavungo? Pelo espaço Karamba?

cavungi disse...

Por Portugal.