terça-feira, junho 06, 2006

Encontro de vontades - Valência, Simão e Benfica

Quique Flores pretende contar com Simão na próxima época.
Este desejo já o levou mesmo a tentar convencer os responsáveis do emblema espanhol a aproximarem-se das exigências do Benfica, de forma a contratar um jogador que, como afirma, "cumpre o perfil" para jogar no Valência.
O desejo de contar com Simão na próxima temporada está a levar o treinador do Valência, Quique Flores, a pressionar a Direcção do emblema "che" para tentar acertar a contratação do extremo benfiquista.
O capitão do Benfica faz parte de uma restrita lista de alternativas para reforçar o lado direito do ataque valenciano para a próxima temporada, a par de Joaquin, do Bétis, e Jesus Navas, do Sevilha, mas a elevada verba que o Valência teria de despender por um destes jogadores, aliado ao apreço que Quique Flores tem por Simão, faz do internacional português o alvo principal do clube espanhol.
Depois de ter reconhecido a qualidade do capitão encarnado, o técnico voltou a reafirmar a sua admiração pelo jogador português, em entrevista à imprensa espanhola: "Tem boas estatísticas. Chegou a Espanha muito jovem, mas a sua recuperação no futebol português está à vista. Leva uma média de doze golos, assistências, é veloz e ágil e cumpre o perfil."
A missão de garantir a contratação do camisola 20 do Benfica está nas mãos de Amedeo Carboni, director-desportivo do Valência, a quem o presidente Juan Soler entregou todos os assuntos relacionados com a constituição do plantel para a próxima época.
O Valência não parece disposto a pagar mais de 12 milhões de euros por Simão, mas Quique Flores está nesta altura a pressionar a sua Direcção no sentido de o emblema "che" se aproximar dos 20 milhões exigidos pelo Benfica.
O clube espanhol estuda assim a possibilidade de incluir no negócio jogadores dispensados pelo técnico, de forma a satisfazer as pretensões encarnadas.
Da lista de dispensados de Quique Flores fazem parte os avançados Mista e Kluivert, os extremos Regueiro e Rufete, o médio Hugo Viana e o central Marchena.
Como ontem disse, parece-me que a existir proposta incluirá uma verba em dinheiro e o passe de Hugo Viana.

1 comentário:

Sousa disse...

qualquer um dos dispensados, com excepção do Rufete, detesto este "arrumador de viaturas".
Penso que o Benfica também deseja a saída do Simão.
Quer porque o Simão tem vontade de sair, quer porque penso que o Engenheiro pretende estruturar a equipa num losango a meio-campo que não contempla alas.
E depois o dinheiro faz muita, muita falta.
Saudações cordiais e de estima.