terça-feira, maio 30, 2006

Alvoraçou os meninos

Raramente acontece, mas ontem, em Évora, uma jornalista fez notícia durante o treino da Selecção Nacional.
Não só por não ser uma jornalista portuguesa, mas pelo facto de simplesmente ter desviado a atenção do que se passava no relvado.
O que, convenhamos, com a toda a euforia em torno da Selecção não será exactamente o mais simples de fazer.
Mas Inês Sainz, jornalista mexicana da TV Azteca, fez com que Figo, Ronaldo, Deco e outros passassem para segundo plano. Ela apareceu na bancada de imprensa e em dois segundos começou a posar para fotos com adeptos portugueses.
As qualidades como jornalista ainda estão para ser reveladas, mas em termos de qualidades «humanas» estava tudo à vista. Ou quase tudo. Inês Sainz deixou por momentos a função que a levou lá, certamente cobrir o treino do adversário do México no Mundial, e passou a ser protagonista da manhã.
Foi requisitada para tirar inúmeras fotos, e não rejeitou qualquer pedido. Respondeu a todos com o mesmo sorriso, desejou «buenas sortes» aos portugueses, colocou bonés e cachecóis, e ninguém deu pelo final do treino dos internacionais no relvado.
Inês Sainz está, como uma normal jornalista, em Portugal acompanhando os trabalhos da equipa nacional. Mas, pela amostra do primeiro dia, já deixou de o ser. Será esta uma estratégia inédita usada pelos mexicanos para «desestabilizar» a Selecção Nacional?

4 comentários:

Zex disse...

De cortar a respiração !

Jorge Mínimo disse...

Era bom que a nossa selecção se lembrasse desta menina e espetasse 3 ao México!!

carlos disse...

Espetava 3 era nela.

Kubas&SLB4Ever disse...

Se a nossa selecção lembrar-se desta Senhora no jogo contra o México pode acontecer duas coisas: ou são meiguinhos e deixam-se levar na conversa, OU VÃO COM TUDO E SÓ PARAM QUANDO ESTIVEREM DE RASTOS...
SAUDAÇÕES BENFIQUISTAS