segunda-feira, maio 22, 2006

Um esforço de contenção de aplaudir

Os responsáveis da SAD do Sporting já estabeleceram a projecção orçamental para a próxima temporada: a empresa do futebol vai dispor de 17 milhões de euros para "atacar" os ambiciosos objectivos desportivos – recorde-se que, pela primeira vez desde 2001/02, o emblema de Alvalade vai disputar a fase de grupos da Liga dos Campeões.
Apesar de muito inferior ao dos rivais de sempre, o novo orçamento dos leões fica marcado por uma alteração significativa da política seguida nos últimos anos: ao contrário do que sucede desde 2002, o investimento no futebol não vai ser reduzido.
Termina assim um esforço de adequação das despesas à capacidade de gerar receitas.
Obedecendo a um princípio estratégico e às recomendações dos parceiros financeiros, o Sporting cumpriu o programa de contenção de despesas, mas, hoje, perante os novos desafios, terá atingido o limite inferior numa actividade em que a competitividade – desportiva e comercial – é extrema.
Assim, a SAD contará com um orçamento da ordem dos 17 milhões de euros, ou seja, sensivelmente o mesmo que resultará do exercício em curso – a previsão era de 18 milhões de euros, mas não deverá ir muito além dos citados 17, mesmo com os prémios resultantes do apuramento directo para a "Champions".
Ao fixar a fasquia nos 17 milhões de euros, a SAD leonina assume ser este o limite mínimo para assegurar a competitividade da equipa de futebol profissional, mas concretiza os objectivos a que, num passado recente, se propôs.
Num espaço de apenas quatro anos, os custos do futebol leonino foram reduzidos em cerca de dez milhões de euros, num ciclo de contenção de despesas digno de nota. Se, em 2002/03, a principal actividade do clube registou despesas de 28 milhões de euros, esse valor desceu para 23 em 2003/04, para 20 em 2004/05 e, na época agora finda, deverá ficar pouco acima dos 17 milhões de euros (face aos cerca de 18 milhões previstos).

13 comentários:

VermelhoNunca disse...

Qual o orçamento dos rivais se sempre? Pelos vistos a contenção do Sporting é suficiente para ombrear com os outros clubes. Mas agora já se fala da gestão do Sporting, elogiando-a? Estranho, a tempestade amainou, ou será que, após o campeonato encerrado, deixa de ter interesse debater esse assunto?

VermelhoNunca disse...

Aproveito para informar os condóminos que o Sporting é campeão Nacional de andebol, versão FPA.
Ninguém pára o benfica!

vermelho disse...

amigo vermelho nunca:
a questão não é essa.
É de elogiar a contenção.
Se será ou não cumprido o orçamento é o que vamos ver.
O que se criticou foi, precisamente, o viver acima das posses, que conduziu à "obrigação"
de alienar património.
Se agora se arrepia caminho e se procura conter custos, óptimo.
Se é suficiente, não sei. Vamos ver.
Abraço.

vermelho disse...

amigo vermelho nunca:
parabéns pelo título, mas como sabe trata-se da 2ª divisão do andebol nacional. O ABC venceu o campeonato da Liga.
É verdade que o Benfica estava inserido na mesma competição e não a ganhou.
Agora não exulte demasiado.
Abraço.

VermelhoNunca disse...

Claro amigo Vermelho. Também pode referir que o Sporting está na final-four da Taça de Portugal, onde o ABC não está, mas está o Belenenses, o FCPorto e o São Bernardo. Mais uma vez o seu clube não está.

VermelhoNunca disse...

"Assim, a SAD contará com um orçamento da ordem dos 17 milhões de euros, ou seja, sensivelmente o mesmo que resultará do exercício em curso – a previsão era de 18 milhões de euros, mas não deverá ir muito além dos citados 17, mesmo com os prémios resultantes do apuramento directo para a "Champions".
Amigo Vermelho: isto faz parte do seu post. Quem ler isto que conclusões tira? Foi ou não cumprido o orçamentado?

Kubas&SLB4Ever disse...

O Sporting é mt poupadinho.. assim é que deve ser, pois neste País de "tesos", não convém andar por aí a esbanjar mt dinheiro, pois não se sabe quando é que voltam à liga dos campeões. Parabens pelo titulo da 2ª divisão de andebol.
Saudações Benfiquistas

vermelho disse...

amigo vermelho nunca:
se bem leu, diz-se: "a previsão era de 18 milhões de euros, mas não deverá ir muito além dos citados 17, mesmo com os prémios resultantes do apuramento directo para a "Champions"."
"Não deverá", o exercício nem sequer está fechado.
Quando questionava se será cumprido o orçamentado, referia-me, claro está, ao próximo orçamento.
Depois veremos e comentaremos.
Abraço.

samsalameh disse...

Visca al ABC!!!

carlos disse...

Ó Snr. Salame:
Vossa excelência anda mesmo parco em ideias.
Já não bastava o campeonato ter acabado e minguarem os temas capazes de suscitarem controvérsia e discussão neste blog.
Sobre o assutno agora em análise, não lhe apraz dizer mais nada que não seja "Visca al ABC"?????
Ainda por cima, deve-se ter equivocado, porque essa expressão, como sabe - ou devia saber - nem lhe deverá ser muito grata, pois surgiu a propósito da eliminação do Benfica pelo Barcelona!
Na ocasião dizia-se, relembro-lhe, "Visca al Barcelona".
Francamente, Snr. Salame, os ares da Costa Alentejana devem andar a toldar-lhe as ideias.
Faça um esforço e diga alguma coisa de jeito!.

Costa disse...

O Idanhense joga na Costa Alentejana?

Visca al ABC, para quem não sabe, significa vença ao ABC, será que era isso que queriam dizer?
Diferente é Visca el ABC.

Deve ter havido muita insolação.

samsalameh disse...

Agora de Salame para Salame, eu não te tinha dito que conseguia?

Azevedo_Ramalho disse...

Quem ler o lampião do Kubas fica a pensar que o seu clube é habitual frequentador da Liga dos Campeões. Lagartos e lampiões de vez em quando passam por lá, não vamos confundir as coisas.