quarta-feira, maio 17, 2006

Por falar em assistências...

A partida de futebol em que se registou uma menor afluência de público ocorreu em 1980, durante o jogo Taguatinga 2 x Desportiva Bandeirante 0, em Brasília, na qual não havia nenhum adepto nas bancadas.
Dez anos antes, também no Brasil, o jogo Gama x Jaguar teve apenas um pagante.

6 comentários:

carlos disse...

Menos assistência que nos jogos do Idanhense...

samsalameh disse...

Sr. Carlos, até que enfim que diz alguma acertada neste blog.
Aproveito para lhe dizer e lhe transmitir que este fim-de-semana que passou estavam 237 pessoas no Estádio Municipal de Idanha.
Aproveito ainda para transmitir a todos aqueles que queiram ver ao vivo o Viola, o Parmalat, o Tapadas, o Gilson, o Ruca, o Horácio, que o Clube Desportivo União Idanhense irá disputar o último jogo do campeonato este fim-de-semana contra o Sourense, em Soure.

vermelho disse...

amigo samsalameh:
a que horas, p.f.?
Como me ligam laços de amizade ao treinador do Sourense e ao seu mais proeminente jogador, Mounir (quem não se lembra deste valoroso central da Briosa na década de 90), sou capaz de ir assistir à partida.
Ah e claro está para rever o grande director do Idanhense, João Tapada.
Abraço.

vermelho disse...

amigo Samsalameh:
a triste realidade dos clubes do interior está prestes a acabar, mormente no que se refere ao Idanhense.
Segundo sei dois indivíduos do centro do País estão a envidar todos os esforços para a constituição de uma SAD que trará, estou certo, um novo impulso ao futebol de tão prestigiada instituição.
Abraço.

carlos disse...

Snr Salame:
Em que dia e a que horas joga o Idanhense em Soure?

samsalameh disse...

Meus senhores Carlos e Vermelho, amanhã direi em concreto a que horas se realiza essa grande partida.
Quero apenas referir ao Sr. Vermelho que o Director do Departamento de Futebol tem um "s" no final do seu apelido.
Um pedido de esclarecimento: a SAD de que fala é a do Benfica de Castelo Branco!?
Pois, quanto sei, será criada pelos mesmos indivíduos que levaram o Ac. de Viseu à falência...